www.devmedia.com.br
[versão para impressão]
Link original: http://www.devmedia.com.br/articles/viewcomp.asp?comp=15595

Primeiros passos

Uma materia bem básica

Vamos começar pelos básicos, vamos dizer olá em puro HTML, e a partir daí continuar a conquista pelas ASP.NET.

olaportugal.html

  1.  
  2. <title>ASP.NET Olá Portugal</title>
  3. </head>
  4. <body bgcolor="#FFFFFF">
  5. <p>Olá Portugal!</p>
  6. </body>
  7. </html>
  8.  


Presumo que esta parte, qualquer um entenda, vamos então tentar com um ficheiro .aspx.

Vamos pegar no exemplo anterior e renomear para a extensão .aspx, a diferença será no servidor, que irá compilar a nossa página, e no caso de termos alguma programação essa serátida em conta. A partir daí jamais ele irá compilar a página, a não ser que hajam alterações no código. Desta forma, teóricamente, as ASP.NEt são mais rápidas.

olaportugal.aspx
  1.  
  2. <title>ASP.NET Olá Portugal</title>
  3. </head>
  4. <body bgcolor="#FFFFFF">
  5. <p>Olá Portugal!</p>
  6. </body>
  7. </html>
  8.  


Somente fizemos alteração da extensão do ficheiro, se o sistema .NET não encontrar um código que perceba, passa adiante, e mostra o ficheiro sem algum aacção.

Pode correr, e funcionar, mas no fundo não acontece nada de novo, vamos então dar
um "cheiro" de ASP.NET.

ASP CLássicas
Uma pessoa que tenha programado ASP clássicas, não terá muitos problemas em
entender este código, além do uso de VB em vez de VBScript as diferenças são
mínimas.

olaportugal2.aspx
  1.  
  2. <%@ Page Language="VB" %>
  3. <html>
  4. <head>
  5. <title>ASP.NET Olá Portugal</title>
  6. </head>
  7. <body bgcolor="#FFFFFF">
  8. <p><%= "Olá Portugal!" %></p>
  9. </body>
  10. </html>
  11.  


Usar os controlos HTML
Desta vez vamos usar um controlo do servidor, algo novo, odemos pensar nestes como em tags de HTML, mas para o servidor. Porque as tags de HTML usuais são lidas no browser, e os controlos de servidor, são lidos no servidor.

olaportugal3.aspx
  1.  
  2. <%@ Page Language="VB" %>
  3. <%
  4. OlaPortugal.InnerText = "Olá Portugal!"
  5. %>
  6. <html>
  7. <head>
  8. <title>ASP.NET Olá Portugal</title>
  9. </head>
  10. <body bgcolor="#FFFFFF">
  11. <p id="OlaPortugal" runat="server"></p>
  12. </body>
  13. </html>
  14.  


Com podemos ver as tags dos controlos de HTML do servidor, são idênticas às do HTML em geral. Demos-lhe um atributo runat="server", para que esta seja processada no servidor, e identificámo-la com um nome em id="OlaPortugal". Foi com este id que a podemos preencher.

Controlos do servidor
Os controlos do servidor, serão concerteza no futuro os mais usados, têm mais potencialidades, pelo facto de terem mais opções, e estarem mais interligados com a linguagem VB.NET.

olaportugal4.aspx
  1.  
  2. <%@ Page Language="VB" %>
  3. <%
  4. OlaPortugal.Text = "Olá Portugal!"
  5. %>
  6. <html>
  7. <head>
  8. <title>ASP.NET Olá Portugal</title>
  9. </head>
  10. <body bgcolor="#FFFFFF">
  11. <p><asp:label id="OlaPortugal" runat="server" /></p>
  12. </body>
  13. </html>
  14.  


A única diferença do anterior é o facto de usarmos o controlo Label.
O Label consegue aceitar a maioria das tags normais de HTML.

Usar controlos de servidor com uso de eventos.
Agora que já vimos um pouco da evolução das ASP.NET, vamos entrar um pouco mais na estrutura do .NET. Existe uma rotina, que é executadaquando entramos na página .aspx Page_Load()... Esta rotina poderá ser usada para preenchermos também
o nosso controlo Label.

olaportugal5.aspx
  1.  
  2. <%@ Page Language="VB" %>
  3. <script runat="server">
  4. Sub Page_Load(Sender As Object, E As EventArgs)
  5. OlaPortugal.Text = "Olá Portugal!"
  6. End Sub
  7. </script>
  8. <html>
  9. <head>
  10. <title>ASP.NET Olá Portugal</title>
  11. </head>
  12. <body bgcolor="#FFFFFF">
  13. <p><asp:label id="OlaPortugal" runat="server" /></p>
  14. </body>
  15. </html>
  16.  


Assim fica um documento, com o básico dos básicos das ASP.NET, a partir daqui ainda tem muito que aprender,  a ideia era um início do mais básico.

Eleuterio Roson

Guru .net e tecnologias MS