Artigo Clube Delphi 82 - Crie passo a passo um leitor de RSS com o Delphi

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (2)  (0)

Artigo da Revista Clube Delphi Edição 82.

Esse artigo faz parte da revista Clube Delphi Edição 82. Clique aqui para ler todos os artigos desta edição

. imagem_pdf.jpg

Mão na massa

Crie passo a passo um leitor de RSS com o Delphi

 

Informação sempre foi algo precioso, e obtê-la nunca foi fácil. Com o advento da Internet e sua popularização, o acesso à informação foi enormemente facilitado. Mas, como todos sabemos, existe muita (muita mesmo!) coisa na Internet, e garimpar o que interessa nem sempre é uma tarefa simples, e por que não dizer, confortável de fazer.

Não seria muito melhor se fosse possível escolher exatamente o assunto desejado e esperar que ele venha até nós, e não o contrário? Bom, como provavelmente você leitor sabe, isso não é nenhuma previsão minha. Algo assim já existe e está em plena expansão, atendendo pelo nome de sindicalização, traduzido de Syndication. E nesse meio, o formato que mais se destaca atualmente é o RSS.

 

Uma breve história do formato RSS

Embora pareça novidade, o RSS existe desde 1999. A primeira versão foi criada por Ramanathan V. Guha, na época funcionário da Netscape. Desde então o formato foi aprimorado por várias pessoas diferentes, e hoje temos a versão 2.0 (internamente, 2.0.1), implementada em 2002 e declarada como “congelada” pelo atual proprietário do formato, a Universidade de Harvard (Fonte: Wikipedia).

Isso significa, segundo a especificação oficial, que “nenhuma mudança significativa pode ser feita e que futuros trabalhos devem ser realizados sob outro nome”. Porém, ambas as versões 1.0 e 2.0 do RSS são ainda largamente utilizadas por muitos Web Sites e grandes empresas, o que indica que o formato dificilmente desaparecerá em curto prazo.

O acrônimo RSS varia de significado, de acordo com a versão referida:

·         RDF Site Summary (0.9 e 1.0);

·         Rich Site Summary (0.91 e 1.0);

·         Really Simple Syndication (2.0).

 

Dica: Para conhecer mais sobre esse formato, consulte a seção Links.

 

Milhares de sites oferecem notícias no formato RSS. Geralmente, para acessar o conteúdo publicado basta apontar o seu browser para uma URL mais ou menos assim: www.site.com.br/noticias.xml. Esse tipo de link também é conhecido como Web Feed ou apenas feed.

Nesse artigo vamos aprender como consumir o conteúdo desses feeds criando um projeto no Delphi e, “de quebra”, aprender várias coisas sobre programação com a ferramenta.

 

Como funciona o RSS

O formato RSS é baseado na linguagem XML, estruturado em tags que representam o conteúdo sendo distribuído. Essas tags estão definidas na especificação oficial (veja seção Links). Portanto, consumir informações no formato RSS não é nada mais do que ser capaz de ler um arquivo XML. Veja na Listagem 1 um exemplo de documento RSS.

 

Listagem 1. Estrutura de um arquivo RSS baseado no XML

<?xml version="1.0" encoding="ISO-8859-1" ?>

<rss version="2.00">

  <channel>

    <title/>

    <link/>

    <description/>

    <language/>

    <copyright/>

    <image>

      <title/>

      <url/>

      <link/>

    </image>

    <item>

      <title/>

      <description/>

      <link/>

      <pubDate/>

      <guid/>

    </item>

  </channel>

</rss>

 

Vamos ver o que algumas dessas tags significam:

·         rss: É a tag raiz (root) de um documento RSS. Junto dela vem o atributo version, para informar qual versão do formato está sendo utilizada;

·         channel: Canal de notícias. Dentro dessa tag ficam o conteúdo do RSS e informações extras;

o        title: Título do canal;

o        link: URL para acessar o canal;

o        description: Descrição do conteúdo oferecido pelo canal;

o        image: Imagem que representa o canal. Na maioria das vezes é o logotipo do site de informações produtor do RSS;

o        item: Representa uma notícia dentro do XML. Pode haver várias tags desse tipo dentro do arquivo.

 

Você pode encontrar todas as demais tags e o que cada uma significa através da especificação do formato RSS (seção Links). Deixando a teoria de lado, começaremos nosso projeto a partir do próximo tópico.

 

Criando o formulário principal

Para esse artigo eu utilizei o Turbo Delphi Professional, mas você poderá seguir o exemplo usando outras versões. As diferenças, quando existirem, serão destacadas. Vá ao menu File e selecione New>VCL Forms Application. Adicione ao formulário principal os seguintes controles: um Panel, dois Labels, um ListView, quatro Buttons"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?