Artigo Clube Delphi 88 - Bug Tracking

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

Implementando Bug Tracking em uma aplicação apoiada por Controle de Mudanças.

Esse artigo faz parte da revista Clube Delphi Edição 88. Clique aqui para ler todos os artigos desta edição

Análise/Projeto

Bug Tracking

Implementando Bug Tracking em uma aplicação apoiada por Controle de Mudanças

 

Atualmente com o rápido avanço da tecnologia, desenvolver e manter sistemas de informação tornou-se algo difícil e complexo. Toda essa nova tecnologia também gera um aumento de novas solicitações e expectativas do usuário final e, para que possamos construir softwares de qualidade, é necessário não somente uma equipe técnica competente, mas também uma comunicação efetiva entre equipe de desenvolvimento e usuário final.

Ao longo do ciclo de vida de um software, modificações são inevitáveis, podendo ocorrer mudanças nas necessidades dos usuários, alterações do ambiente onde o sistema será utilizado, correções de defeitos, melhorias das funcionalidades do sistema.

Essas modificações afetam todos os tipos de artefatos como requisitos do sistema, documentos de análise e projeto, código-fonte e testes. A Gerência de Configuração é um conjunto de atividades projetadas para controlar mudanças inerentes ao desenvolvimento, mantendo a estabilidade na evolução do software, desempenhando um papel importante durante o desenvolvimento do projeto, tais como:

·         Identificar os itens de configuração de acordo com as funcionalidades que deverão desempenhar;

·         Documentar os itens ao longo do processo de desenvolvimento, gerando interação entre eles;

·         Controlar as modificações ocorridas nos itens;

·         Auditar modificações, garantindo a confiabilidade do produto.

Não é objetivo da gerência de configuração evitar modificações, mas permitir que elas ocorram de maneira controlada.  Neste artigo será discutida uma de suas atividades principais, que é o controle de mudança.

Esse controle pode ser feito através do uso de ferramentas conhecidas como Bug Tracking, permitindo assim ao desenvolvedor rastrear essas mudanças e identificar o impacto no projeto como um todo.

 

Controle de mudanças

É uma coleção de procedimentos documentados e formais que definem como as mudanças no software serão monitoradas e avaliadas. Oferece processos para identificar, analisar, rastrear e controlar mudanças. O uso de ferramentas possibilita a melhoria dos processos utilizados no desenvolvimento e manutenção de produtos de software.

As ferramentas de Bug Tracking estão prontas para auxiliar desenvolvedores no controle de mudanças, permitindo também que usuários façam o acompanhamento completo dos pedidos de alterações sobre erros encontrados no sistema. No mercado existem várias ferramentas open source de Bug Tracking disponíveis como Bugzilla e Trac.

Principais funcionalidades que uma ferramenta de Controle de Mudanças deve possuir:

·         Acompanhamento de todo o ciclo de vida do pedido de mudança;

·         Anexar arquivos ao pedido para facilitar o entendimento do problema ou complementar a especificação;

·         Configuração do fluxo de trabalho, definindo os estados pelo qual um pedido passa durante o seu ciclo de vida;

·         Notificações de acompanhamento, mantendo informados todos os envolvidos com um pedido de mudança sobre alterações recebidas durante o ciclo de vida;

·         Possibilitar o uso de campos personalizados, caso seja necessário acrescentar mais informações para atender a uma necessidade específica do projeto;

·         Rastreamento de mudanças identificando todas as suas dependências;

·         Relatórios personalizados para consulta de toda a evolução dos pedidos de mudança.

Trac

A ferramenta Trac é uma das mais completas. Baseada na Web é implementada como um CGI ou como um programa independente. Foi desenvolvida na linguagem de programação Phyton, e possui alguns diferenciais como acompanhamento da evolução do projeto, integração com a ferramenta Subversion e outras ferramentas de controle de versões, arquitetura de plugins, além de suporte para os bancos de dados SQLite, PostgreSql e MySql.

No endereço www.hosted-projects.com/trac/TracDemo/Demo podemos testar a ferramenta através de um demo. Para reportar um erro, clique no menu New Ticket. Na Figura 1 vemos como a estrutura do Trac é bem simples, utilizando os campos:

·         Your email or username: responsável em reportar um problema ou uma nova necessidade do usuário do software;

·         Short summary: definição objetiva do problema encontrado ou nova necessidade;

·         Type: tipo do que está sendo reportado, um problema ou uma nova necessidade;

·         Full description: descrição completa do problema ou nova necessidade;

·         Priority: usado para marcar a urgência da resolução do que está sendo reportado;

·         Component: subsistema ou módulo de um produto;

·         Severity: mostra o quanto é relevante o que está sendo reportado;

·         Version: indica a versão do software que ocorreu o problema ou a nova necessidade;

·         Assign to: responsável pela resolução do problema ou implementação da nova necessidade;

·         Cc: lista de pessoas que podem ser informadas sobre o que está sendo reportado;

·         Keywords: palavras-chave para categorizar o que está sendo reportado.

 

Figura 1. Visualização de um Ticket na ferramenta Trac

 

Uma de suas características mais interessantes é a formatação Wiki. Um Wiki é utilizado para identificar um tipo específico de coleção de documentos em hipertexto ou o conteúdo de um documento que pode ficar disponível a qualquer momento através de um navegador.

Todas as informações adicionais e modificações feitas após a criação do ticket são mantidas, gerando um histórico da evolução do erro. Dessa forma, as mudanças que foram solicitadas e as correções feitas no software a partir delas são rastreadas pelos links criados através da formatação Wiki.

Bugzilla

A ferramenta Bugzilla é uma da mais utilizadas entre os desenvolvedores, porém é de mais difícil instalação e, na instalação default, ainda precisa de uma grande quantidade de informações para descrever um problema.

Ela também é baseada na Web"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?