Artigo Clube Delphi Edição 4 - Visual Basic 6.0: um concorrente à altura?

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (3)  (0)

Artigo da Revista Clube Delphi Edição 4.

Esse artigo faz parte da revista Clube Delphi edição 4. Clique aqui para ler todos os artigos desta edição



Atenção: por essa edição ser muito antiga não há arquivo PDF para download. Os artigos dessa edição estão disponíveis somente através do formato HTML. 

 

Visual Basic 6.0: um concorrente à altura?

 

Mais cedo ou mais tarde esta seção acabaria falando sobre o visual basic. Amado por uns e odiado por outros, o VB, sem sombra de dúvidas, é a ferramenta visual mais usada na atualidade. Este domínio do VB no mercado de desenvolvimento não é à toa: Ele surgiu praticamente com o Windws 3.x, e na época o Visual Basic era muito mais fácil e interativo de operar do que seus principais concorrentes:Visual Objects e Power Buider.

Atualmente na versão 6.0, o VB amadureceu bastante e seu atrativo já não é somente a facilidade de aprendizado (que continua muito boa). Várias características justificam a presença e a influência desta linguagem:

 

°    Linguagem de fácil aprendizado e um ambiente RAD;

°    Acesso a bancos de dados via ODBC e OLE DB;

°    Cria facilmente aplicações para web, em conjunto com o Internet Information     Server;

°    Interação com objetos ActiveX;

°    Possibilidade de criação de Objetos e Formulários ActiveX;

°    Total compatibilidade e a criação de objetos COM/DCOM.

 

Como ponto negativo, o VB, apesar de ter melhorado muito neste aspecto, continua gerando um executável muito pesado. Os testes comparativos de performace sempre fazem o VB atingiras últimas colocações neste quadro.A organização de desenvolvimento também é muito ruim.Os objetos ficam concentrados nas janelas de componentes, e dependendo da quantidade de objetos usados na aplicação,uma grande janela fica flutuando sobre o projeto, atrapalhando muito se o desenvolver estiver operando em uma 768 pixels.As firulas que a Microsft também insiste  em colocar em seus programas acabam por vezes irritando, depois do uso contínuo de ferramenta.

Outro aspecto ruidoso é a parte de acesso de dados do VB. A cada versão nova ferramenta, os usuários esperam uma grande melhoria nesta área, mas até hoje os controles linkados não funcionam (ou pelo menos do jeito que gostaríamos que funcionassem). O problema foi agravado ainda mais nesta versão, que conta com diferentes formas de acesso a dados: DAO, RDO e ADO,sendo o último o recomendado pela Microsoft.

Apesar de tudo, o VB tem suas inegáveis vantagens e é uma linguagem em constante ascensão. O sucesso talvez seja uma combinação conhecida de seu fabricante: facilidade de uso + baixo custo. O VB é vendido juntamente com o pacote do Visual Studio e pode ser do Delphi Client/Server.Maiores informações podem ser adquiridas em HTTP:/?www.microsft.com/Brasil/vbasic.

 

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?