Artigo da WebMobile 10 - Acesso a dados no Windows Mobile 5.0 e SQL Server Mobile Edition

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (1)  (0)

Artigo Originalmente publicado na WebMobile 10.

capa10.JPG

Clique aqui para ler todos os artigos desta edição

 

Acesso a dados no Windows Mobile 5.0 e SQL Server Mobile Edition

Saiba como criar um banco de dados e publicá-lo no Pocket PC ou Smartphone

 

O acesso a dados em dispositivos móveis tem se tornado uma necessidade em alguns tipos de aplicações. O Windows Mobile 5.0 e o SQL Mobile Edition (nova versão do SQL Server CE) fazem uma dupla imbatível nesta área. Com o SQL Mobile Edition você pode criar o banco de dados direto no SQL Server 2005 e usá-lo na aplicação desenvolvida no Visual Studio .NET 2005.

O objetivo deste artigo é mostrar como criar o banco de dados, criar uma massa de dados de teste, criar a aplicação e fazer o deploy com todos os dados existentes no banco de dados.

O primeiro passo é criar o banco de dados (iremos utilizar no nosso exemplo o banco de dados Northwind, mas vou explicar aqui como proceder com a criação de um banco de dados por razões didáticas), portanto abra o SQL Server 2005 Management Studio, selecione o menu File / Connect Object Explorer. Na janela do Connect to Server, você tem disponíveis vários tipos de servidores. Como iremos criar o banco de dados, selecione SQL Server Mobile (Figura 1).

 

image002.jpg

Figura 1. Conexão com o servidor.

Na opção Database file, selecione New Database (conforme Figura 2), afinal iremos criar o banco de dados. Caso você tenha algum banco de dados com a extensão SDF você pode selecioná-lo para abri-lo. Neste caso, você poderia alterar a estrutura e dar manutenção em todos os registros conforme a sua necessidade. Mas, como vou mostrar todos os passos, selecione New Database.

 

image004.jpg

Figura 2. Novo banco de dados.

A próxima janela solicita o caminho completo e o nome do banco de dados a ser criado. Digite conforme a Figura 3 e caso queira, clique no botão Browse para indicar o local a ser criado. Note que temos o checkbox “Overwrite” onde podemos gravar este novo arquivo sob um outro já existente com o mesmo nome. As opções de “Password”(senha) não iremos informar mas se a sua aplicação exigir, é exatamente nesta janela que você deverá informá-la.

 

image006.jpg

Figura 3. Nome e caminho do banco de dados.

Clique no botão OK e veja que é exibida uma janela questionando se haverá senha ou não (Figura 4). Clique no botão Yes, pois não teremos senha neste arquivo.

 

image008.jpg

Figura 4.  Confirmação de senha em branco.

Automaticamente será exibida a janela inicial contendo o “Database file” a ser conectado (Figura 5).

 

image010.jpg

Figura 5.  Arquivo a ser conectado.

Um banco de dados contém algumas configurações iniciais (Figura 6) que você poderá acessar clicando no botão Options. Teoricamente não alteramos nenhum dado nesta janela, pois isso deverá ser analisado conforme o cenário da sua aplicação.

image012.jpg

Figura 6.  Opções do novo banco de dados.

O banco de dados Assinantes será criado e na janela do Object Explorer (Figura 7) você irá notar os objetos Tables, Views, Programmability e Replication. No entanto, tais objetos contêm apenas os objetos default, por exemplo, as consultas (Views) de sistema.

 

image014.jpg"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?