Artigo Engenharia de Software 13 - Como extrair os requisitos de usabilidade de uma aplicação

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

Artigo da Revista Engenharia de Software edição 13.

Esse artigo faz parte da revista Engenharia de Software 13 edição especial. Clique aqui para ler todos os artigos desta edição

Engenharia de Requisitos

Como extrair os requisitos de usabilidade de uma aplicação

Artefatos de software que devem ser utilizados durante a extração dos requisitos de usabilidade de um sistema

 

De que se trata o artigo:

Neste artigo veremos como extrair os requisitos de usabilidade de uma aplicação, além de apresentar alguns artefatos de forma a agilizar a extração facilitando o trabalho do engenheiro de usabilidade.

 

Para que serve:

Apresentar como é importante desenvolver sistemas com boa usabilidade e mostrar como esse fator é um diferencial em diversos tipos de aplicações nos dias de hoje.

 

Em que situação o tema é útil:

Na extração de requisitos de usabilidade para desenvolvimento de quaisquer sistemas do tipo Client/Servidor ou Web. Além disso, o tema visa conscientizar as empresas de desenvolvimento que fornecer aplicações com melhor usabilidade é um diferencial no mercado.

 

 

O conceito de usabilidade surgiu da necessidade de facilitar o manuseio de aplicações complexas, como sistemas para foguetes, aviação, trens, usinas, etc., proporcionando maior segurança para a vida humana. Com o passar do tempo o conceito foi difundido em outras áreas, como aplicações Client/Server e Web Sites, visando melhorar as características dos produtos tornando-os mais rentáveis. Mas como identificar que um software é mais usual do que outro? Neste artigo, será explicado como extrair os requisitos de usabilidade para o desenvolvimento de sistemas, obtendo informações objetivas e relevantes de como melhorar o manuseio de um produto, aumentando conseqüentemente sua rentabilidade.

Para extrair os requisitos de usabilidade de um sistema é necessário estudar quatro fatores responsáveis em direcionar o entendimento do desenvolvedor no momento da concepção do produto. Esses fatores podem ser expressos por meio de artefatos que deverão explicar sobre o perfil do usuário, a análise de tarefas, a plataforma em que o produto funcionará e os princípios gerais de design. Antes de explicar esses artefatos, será feito um overview sobre cada um deles:

·         Perfil do usuário: artefato indicando um estudo do público alvo que utilizará o software. As informações relevantes servirão para modificar a concepção do produto;

·         Análise de tarefas: artefato mostrando quais as ações mais críticas (importantes) o usuário fará no sistema. Em um Web Site de E-commerce, por exemplo, uma das tarefas mais críticas seria o cadastro do usuário e todo o ciclo de abertura e fechamento de pedido;

·         Plataforma utilizada: artefato que descreve as características da plataforma em que o sistema funcionará. Conhecer bem a plataforma é um fator muito importante de forma a identificar quais recursos devem ser ou não utilizados dela;

·         Princípios gerais de design: artefato que avalia o resultado baseado em estudos anteriores que descrevem o design do projeto, formatos, cores, etc. Através deste artefato tem-se um refinamento da solução, atacando realmente o que interessa.

Perfil do usuário

Não existe o melhor tipo de interface para todos os usuários de um sistema. Algumas interfaces podem otimizar o manuseio de uma aplicação para alguns usuários, como podem tornar um sistema extremamente complicado para outros. Por esta razão é necessário realizar um estudo sobre o perfil dos usuários que mais utilizarão a aplicação com o objetivo de que ela fique mais usual para a maioria dos “clientes”. O resultado do estudo sobre o perfil dos usuários é uma lista de requisitos, podendo ser segmentada por categoria (profissão), que servirá para direcionar a construção da interface.

Para iniciar o estudo, recomenda-se que você avalie as características mais comuns entre os usuários da aplicação e em seguida faça alguns refinamentos levando em consideração;

·         Características fisiológicas (atitude, motivação);

·         Conhecimento e experiência (habilidades específicas);

·         Características de trabalho (freqüência de uso);

·         Características físicas (deficientes visuais, daltônicos, etc.).

 

Essas características podem ser determinadas por meio de entrevistas e/ou questionários. No caso de sistemas desenvolvidos para utilização interna da companhia, várias informações podem ser obtidas através do RH da própria empresa. No caso de sistemas que serão utilizados pelos clientes de uma companhia, entrevistas e ações de marketing podem ser realizadas a fim de que os dados sejam coletados. No final do levantamento, as informações devem ser resumidas com o objetivo de que as conclusões sejam tiradas para compor a lista de requisitos de interface. Em alguns casos é válido dividir essa lista por categoria de usuários como médicos, engenheiros, recepcionistas, técnicos, etc.

É válido destacar que se a empresa deseja lançar um sistema (produto) radicalmente inovador haverá dificuldades para extração dos requisitos de interface, sendo em alguns momentos quase impossível determinar os potenciais usuários para a aplicação. Nesta situação, o produto deve ser lançado e os ajustes na interface devem ser feitos à medida que as características dos usuários forem levantadas com a utilização da aplicação.

A seguir, mostra-se um estudo feito para um sistema fictício com o objetivo de extrair os requisitos, que mais tarde influenciarão em outros documentos e na interface do sistema.

 

Nome do sistema: SGCP (Sistema para Controle e Gerenciamento de Pedidos)

Área: Engenharia Mecânica

Função: Gerenciar os pedidos de uma loja de autopeças

Observação: Foram entrevistadas somente as pessoas que utilizarão o sistema

 

A seguir, apresenta-se a Tabela 1 contendo os tipos de usuários que utilizarão o sistema e a respectiva descrição de cada um.

 

Usuário Postulado

Descrição

Operador

Usuário responsável pelo atendimento e registro de venda dos produtos:

  • Atende Mecânicos;
  • Atende Concessionárias;
  • Atende Auto-Peças.

 

Supervisor

Usuário responsável pela supervisão da equipe de Operadores.

Possui privilégios de cancelar pedidos e alterar taxa de desconto.

Responsável também pelo controle de desempenho dos operadores.

Gerente

Controlar aspectos financeiros das vendas, controlar produtividade através de relatórios do sistema e possuir alçada para delegar funções.

Tabela 1. Perfil do Usuário Postulado

 

Após apresentar uma rápida descrição sobre perfil do usuário, veremos na Tabela 2 o instrumento de coleta de dados de identificação do perfil do usuário. O instrumento de coleta de dados é formado por objetivos e perguntas que servirão para que um questionário seja gerado a fim de ser aplicado ao usuário final.

 

Objetivo

Perguntas

Determinar conhecimentos gerais do usuário.

Qual a sua idade?

Qual o seu grau de instrução/escolaridade?

Qual a sua opinião sobre cursos e treinamentos?

Qual a sua facilidade em lidar com números (contas de multiplicação e divisão)?

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?