Artigo Java Magazine 21 - Leveza Extrema com Thinlet

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

Artigo publicado pela Java Magazine edição 21.

Esse artigo faz parte da revista Java Magazine edição 21. Clique aqui para ler todos os artigos desta edição

Atenção: por essa edição ser muito antiga não há arquivo PDF para download.Os artigos dessa edição estão disponíveis somente através do formato HTML. 

Leveza Extrema com Thinlet

Mais uma Alternativa para o Desktop

Crie aplicações visuais leves com Java e XML, mas sem Swing, com o toolkit livre Thinlet

 

É sabido que a tecnologia Java vem ganhando espaço no desenvolvimento desktop. Um dos motivos é a liberdade que oferece para definir novos componentes ou estendê-los e para criar aplicações gráficas fáceis de manter, além de realmente multiplataforma. Porém, um dos problemas da principal tecnologia Java para aplicações locais, o Swing, é sua curva de aprendizado relativamente grande, especialmente para os desenvolvedores acostumados com o "arrastar e soltar"

de ferramentas como VB e Delphi. A API Thinlet se encaixa bem nessa lacuna.

 

O toolkit

Thinlet é uma API (ou toolkit) para a criação de interfaces gráficas leves. Aplicações

Thinlet são baseadas essencialmente numa única classe Java que processa a definição

das telas, gerencia eventos e realiza a chamada à lógica de negócio da aplicação. As

telas são definidas de forma declarativa em arquivos XML que seguem o padrão XUL

(XML User Interface Language). Para quem tem facilidade com HTML e conhecimentos

básicos de XML, será fácil aprender e usar a tecnologia.

O site oficial do projeto, thinlet.com, disponibiliza um arquivo zip com aproximadamente 300 Kb, contendo o jar binário, código-fonte completo, aplicações

de exemplo e documentação. O projeto é livre, sob licença LGPL. Depois de fazer o

download da versão mais atual e descompactar o zip, coloque o arquivo thinlet.jar no

classpath do seu sistema operacional (ou o acrescente como biblioteca à sua IDE).

Este jar tem apenas 38 kb e é tudo o que é necessário para rodar suas aplicações

baseadas na tecnologia. Aplicações Thinlet precisam apenas do JDK 1.1 e dispensam

o Swing. Podem rodar como aplicações ou como applets.

 

Componentes e definição XML

A Thinlet implementa os componentes gráficos mais comuns: PopupMenu, Label,

Button, CheckBox, ToggleButton, ComboBox, TextField, PasswordField, TextArea, TabbedPane, Panel, Desktop, Dialog, SpinBox, ProgressBar, Slider, SplitPane, List, Table, Tree, Separator e MenuBar. Estes seguem uma hierarquia semelhante à do AWT: quase todos são extensões de uma classe Component, compartilhando as propriedades e o comportamento da classe pai.

Nos arquivos de definição de telas, cada componente é especificado por um elemento

XML. Atributos determinam o estado inicial e a lógica de interação com o usuário

dos componentes.

 

Primeiro programa com Thinlet

Vamos pôr as mãos na massa. O primeiro exemplo (adaptado do site do projeto) é

muito simples: um contador com botões para decrementar, incrementar e zerar o

valor atual.

Primeiro devemos definir o XML de descrição da tela. Crie um arquivo contador.xml,

com o conteúdo mostrado na Listagem 1. Vamos analisar o código. A tag <panel>

define um painel para agrupar e organizar os componentes, o valor de text define o

texto exibido no painel e column divide o painel em colunas facilitando a disposição"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?