Artigo .net magazine 69 - PDC 2009

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

O artigo vai mostrar como foi o Microsoft PDC, vai citar os lançamentos principais, e vai oferecer todos os recursos necessários para que você se atualize após esta onda de novidades.

[lead]Do que trata o artigo

O artigo vai mostrar como foi o Microsoft PDC, vai citar os lançamentos principais, e vai oferecer todos os recursos necessários para que você se atualize após esta onda de novidades.

Para que serve

O PDC é o maior evento de desenvolvedores da Microsoft, e como tal, traz grandes novidades para qualquer desenvolvedor que pretenda se manter atualizado. O PDC seta o curso dos próximos anos na plataforma de desenvolvimento Microsoft.

Em que situação o tema é útil

Caso você queira conhecer as tecnologias em que estará trabalhando nos próximos meses e anos, este artigo lhe dará uma rápida perspectiva, e permitirá aprofundar seu conhecimento posteriormente.

Resumo do DevMan

O PDC é um evento único realizado pela Microsoft sempre que há grandes novidades para demonstrar. Este ano o evento apresentou a versão final do Windows Azure, apresentou o Beta do Silverlight 4, e do Office 2010, além de ter introduzido uma série de outras tecnologias, e apresentado ideias e projetos em que a Microsoft pretende focar nos próximos anos.[/lead]

Nos dias 17, 18 e 19 de Novembro aconteceu o maior evento da Microsoft para desenvolvedores, o Microsoft PDC. O evento reuniu milhares de desenvolvedores do mundo inteiro no Los Angeles Convention Center para apresentar o que há de mais novo na plataforma de desenvolvimento da Microsoft. Durante os três dias do evento a Microsoft apresentou tecnologias recentes e também novidades, anunciadas durante o evento. As palestras foram ministradas por funcionários da Microsoft, membros da comunidade, MVPs e influenciadores do mercado, e apresentaram uma quantidade surpreendente de informação, como você verá ao longo deste resumo do PDC.

A .Net Magazine esteve por lá e acompanhou o evento de perto. Entrevistamos executivos da Microsoft americana e brasileira e lhe traremos em primeira mão informações com um grau de profundidade técnica suficiente para que você possa seguir no estudo das novidades. Mostrarei neste artigo as principais novidades apresentadas no evento e darei uma visão geral de como ele foi, para que você possa sentir um pouco como é estar presente no evento de maior relevância para desenvolvedores do mundo Microsoft.

[subtitulo]Os keynotes e a estrutura do evento[/subtitulo]

A Microsoft é conhecida por fazer eventos com uma qualidade excepcional, e o PDC não fugiu à regra. O evento foi muito bem planejado, e não falhou em absolutamente nada. A organização cuidou dos mínimos detalhes para oferecer a melhor experiência possível aos congressistas. O evento favorecia o contato entre os congressistas, o networking, e o contato com as novas tecnologias sendo apresentadas. O público, forte entusiasta, reagiu sempre positivamente em todas as possibilidades. Definitivamente quem vai ao PDC e paga quase quatro mil reais para estar lá (só no custo da entrada do evento) o faz por gostar muito de tecnologia Microsoft, e muitos fazem dela não só sua profissão, mas também seu hobby.

O evento abriu com o keynote do Ray Ozzie (Figura 1), que hoje ocupa a antiga posição de Bill Gates, como Chief Software Architect da Microsoft. Ozzie abriu o evento falando de Windows Azure. Ozzie anunciou que o Wordpress passaria a trabalhar com Azure e mostrou também um projeto da NASA que está utilizando o Windows Azure.

Figura 1. Ray Ozzie abrindo o Microsoft PDC

Bob Muglia, presidente da divisão de Server and Tools, fechou o keynote falando de outros cenários de Azure. O dia então seguiu em 11 sessões paralelas de 1 hora, com cinco sessões além do keynote.

No segundo dia quem abriu o keynote foi Steven Sinofsky, presidente da divisão de Windows e Windows Live. Ele explicou sobre o processo de desenvolvimento do Windows, e, entre outras coisas, mostrou o investimento feito pela Microsoft em usabilidade com os usuários das versões de testes do Windows 7. Perto do fim do seu keynote, ele mostrou alguns notebooks preparados para rodar o novo sistema operacional da Microsoft, desde um netbook, e até um notebook servidor, de tamanho razoável. Ao final mostrou um notebook com tela multi-touch, e, enquanto explicava sobre o hardware, anunciou que todos os participantes do PDC ganhariam um notebook daquele de presente, algo inesperado. Ao anunciar isso o auditório onde o keynote acontecia foi tomado por aplausos, gritos, entre outras manifestações, já que poucas pessoas conseguiam crer que a Microsoft estava dando um notebook tão poderoso como brinde. Mas era verdade. Você pode ver o notebook apresentado, na verdade um tablet, neste link: microsoftpdc.com/tablet. Durante o keynote também foi apresentado um pouco do Internet Explorer 9, onde a Microsoft se comprometeu a entregá-lo já suportando o HTML 5 (ou o que houver pronto dele, uma vez que a especificação final do HTML 5 está prevista para 2022), entre outros padrões. O foco, segundo eles, é bater o Acid 3, um teste que verifica se um navegador está de acordo com alguns padrões da web, tornar o navegador mais rápido e amigável.

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?