Artigo .net magazine 71 - Visual Studio 2010 e .NET 4.0

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (1)  (0)

Neste mini-curso veremos as principais novidades do Visual Studio 2010 e do .NET Framework 4.0, abordando inúmeros aspectos inovadores, incluindo novos tipos de projeto, novas linguagens como o F#, melhorias no WPF, ASP.NET, AJAX, melhorias no ambiente integrado de desenvolvimento, suporte à modelagem UML entre outros.

Atenção: esse artigo tem uma palestra complementar. Clique e assista!

Atenção: esse artigo tem um vídeo complementar. Clique e assista!

[lead]Do que trata o artigo

Neste mini-curso veremos as principais novidades do Visual Studio 2010 e do .NET Framework 4.0, abordando inúmeros aspectos inovadores, incluindo novos tipos de projeto, novas linguagens como o F#, melhorias no WPF, ASP.NET, AJAX, melhorias no ambiente integrado de desenvolvimento, suporte à modelagem UML entre outros.

Para que serve

Desde o lançamento da sua primeira versão, o Visual Studio se consolidou como uma IDE poderosa e versátil. O Visual Studio 2010 juntamente com o .NET Framework 4.0 traz dezenas de novidades que darão maior poder para os desenvolvedores. É fundamental que essas novidades sejam conhecidas e principalmente entendidas para que tenhamos condições de avaliar os cenários onde poderemos beneficiar-nos.

Em que situação o tema é útil

São tantas as novidades trazidas pelo Visual Studio 2010 em conjunto com o .NET Framework 4 que pode levar um tempo até que os desenvolvedores as insiram em seus “cintos de ferramentas” e comecem efetivamente a aplicá-las em projetos reais. Com esta série de artigos vamos abordar essas novas funcionalidades para que possamos em pouco tempo aplicá-las em situações reais.

Resumo do DevMan

O Visual Studio é um conjunto completo de ferramentas de desenvolvimento para compilar aplicativos Web ASP.NET, Web Services, aplicativos para desktops e dispositivos móveis. Em sua nova versão, o Visual Studio 2010, dezenas de melhorias e novidades trarão para os desenvolvedores mais simplicidade e melhores resultados. A primeira parte desta série de artigos apresentará os novos gráficos, diagramas e ferramentas para modelagem, as melhorias e novos comandos do editor de códigos.[/lead]

Um único ambiente integrado de desenvolvimento que aprimora suas habilidades e se ajusta ao modo como você trabalha. Com esse objetivo a Microsoft preparou para 2010 o lançamento da nova versão da sua IDE de desenvolvimento, o Visual Studio 2010.

Desde o lançamento da primeira versão em 2002, o Visual Studio .NET e o .NET Framework nunca trouxeram tantas melhorias como na nova versão. Do novo logo até as novas linguagens, passando pelos novos tipos de projetos, o Visual Studio se consolida como uma IDE altamente produtiva e flexível, integrando o desenvolvimento de diversos outros produtos da Microsoft, como o SQL Server, SharePoint, BizTalk, Office, entre outros. O .NET Framework traz na versão 4.0 suporte a parallel programing, melhorias no modelo de segurança, novas funcionalidades no core como o Dynamic Language Runtime, covariância e contravariância, só para citar algumas novidades.

Conhecer com antecedência os rumos de uma plataforma de desenvolvimento é uma atitude válida, levando em consideração o competitivo mercado de TI. Obviamente, quando falamos de um produto beta, devemos ter em mente que o objetivo do conhecimento adquirido é avaliar a tecnologia, vislumbrando novas possibilidades e tendências. Nessa série de três artigos veremos os principais tópicos (já que as novidades são inúmeras) e certamente isso será o suficiente para uma avaliação concisa.

[nota]Nota

Todos os exemplos foram desenvolvidos com o Visual Studio 2010 Ultimate Beta 2, sendo essa a versão mais recente disponível até o término do artigo. Na sessão de links, no final do artigo, você encontra duas opções de download para o Visual Studio 2010 Ultimate. É possível que para a versão final novos recursos sejam acrescidos tanto ao .NET Framework 4.0 quanto ao Visual Studio 2010, entretanto, neste artigo foi utilizado como referência o material já disponibilizado no MSDN sobre as tecnologias aqui mencionadas.[/nota]

Como podemos conferir na Tabela 1, o Visual Studio possui agora três versões principais: Professional, Premium e Ultimate. A tabela apresenta um comparativo entre essas versões dividindo as funcionalidades do produto por grupos.

Visual Studio 2010 Professional com MSDN

Visual Studio 2010

Premium com MSDN

Visual Studio 2010

Ultimate com MSDN

fEATURES DO PRODUTO

Team Foundation Server

Version Control

Work Item Tracking

Build Automation

Team Portal

Reporting & Business Intelligence

Agile Planning Workbook

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?