Artigo SQL Magazine 59 - Novidades no SQL Server 2008

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

Este artigo apresentará alguns dos novos recursos ligados à linguagem T-SQL e o DMF, funcionalidade ligada à administração de servidores de banco de dados SQL Server.

Esse artigo faz parte da revista SQL Magazine edição 59. Clique aqui para ler todos os artigos desta edição

imagem_pdf.jpg

SQL Server

Novidades no SQL Server 2008

 

A versão do SQL Server 2008 traz inúmeros recursos que merecem destaque. Este artigo apresentará alguns dos novos recursos ligados à linguagem T-SQL e uma poderosa funcionalidade ligada à administração de servidores de banco de dados SQL Server em geral, o DMF. Dessa forma, pretendemos agradar aos dois perfis de profissionais que utilizam o SQL Server: o desenvolvedor e o administrador.

A primeira parte do artigo será voltada, principalmente, aos desenvolvedores que utilizam o SQL Server 2005, seja escrevendo código DML comum ou escrevendo procedures e triggers. Serão tratados aqui os principais recursos que foram adicionados à linguagem T-SQL na nova versão do SQL Server 2008. É importante ressaltar que os recursos mostrados aqui são apenas parte do conjunto de novas funcionalidades incluídas nesta versão. Para acesso à lista completa, veja o books online do SQL Server 2008.

A segunda parte trata do DMF (Declarative Management Framework), um conjunto de objetos que permitem a criação de regras que podem ser criadas e associadas, através de uma política de verificação, a determinados itens do servidor de bancos de dados. Por exemplo, através de DMF é possível garantir que todas as funções definidas pelo usuário deverão iniciar com o prefixo ‘fn’ ou que a opção autoshrink de determinado banco de dados não poderá ser habilitada.

 

Declaração e inicialização de variáveis locais

Tente executar o código abaixo numa sessão do Management Studio do SQL Server 2005:

 

declare @lit_contador int = 1

 

A mensagem de erro que você receberá é: "Msg 139, Level 15, State 1, Line 0 Cannot assign a default value to a local variable."

O tipo de construção acima não era válida até a versão 2008 do SQL Server. Assim como nas principais linguagens de programação, a partir desta versão, é possível a declaração e inicialização de variáveis de forma tão simples quanto no exemplo acima.

Esse é um poderoso recurso que foi adicionado à linguagem T-SQL, que em princípio pode parecer uma alteração muito simples, mas que traz muita agilidade e permite que os códigos sejam mais enxutos e limpos.

Tomemos, por exemplo, o fragmento de código mostrado na Listagem 1, que declara três variáveis inteiras e em seguida preenche cada uma delas com valores aleatórios.

 

Listagem 1. Declaração e inicialização de variáveis locais usando T-SQL convencional (até o SQL Server 2005).

 

declare           @lit_x         int,    

                @lit_y    int,

                @lit_z    int

 

set @lit_x = 1

set @lit_y = 5

set @lit_z = 8

 

No SQL Server 2008, ele poderá ser reescrito conforme apresentado na Listagem 2.

 

Listagem 2. Declaração e inicialização de variáveis locais usando SQL Server 2008.

 

declare   @lit_x        int = 1,        

              @lit_y      int = 5,

              @lit_z      int = 8

 

Operadores de atribuição composta

Esse é mais um recurso que a versão 2008 do SQL Server "toma emprestado" de linguagens de programação como .Net, C, C++ e Java. Com ele, é possível escrever linhas de código como essa:

 

set @lit_contador += 1

 

O código acima equivale a:

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?