Artigo SQL Magazine 69 - Conhecendo o Resource Governor no SQL Server 2008

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (3)  (0)

Veja nesse artigo como utilizar o recurso Resource Governor em um exemplo prático no SQL Server.

[lead]

De que trata o artigo:

Apresenta a nova feature do SQL Server 2008, chamada de Resource Governor, que tem por objetivo priorizar cargas de trabalho distintas na aplicação. Desta forma, o Administrador de Banco de Dados (DBA) poderá limitar CPU/Memória usadas na aplicação.

Para que serve:

Definirmos a quantidade exata de CPU/Memória usadas pelos usuários. Podemos também evitar que ocorra gargalos inesperados através de códigos Transact-SQL infinitos.

Em que situação o tema é útil:

Este artigo pode ser útil em ambientes corporativos que envolvam grande massa de uso de CPU e/ou memória consumida pelo servidor.

Hoje em dia, as aplicações estão sofrendo vastos problemas quando se trata de gerenciamento de desempenho. Isto ocorre principalmente devido à falta de estratégias e conhecimento de uma determinada ferramenta que possa apoiar nessa tarefa.[/lead]

O SQL Server 2008 introduziu o Resource Governor, o qual é uma das features (características) que nos garante controlar a limitação de CPU e Memória consumida pelo servidor. Com isto, podemos evitar que ocorram gargalos inesperados na aplicação executados por usuários anônimos.

Neste artigo iremos abordar esta nova feature do SQL Server 2008 (Resource Governor) através do seu uso em um estudo de caso prático, que descreve como configurá-lo e aproveitar seus benefícios para o monitoramento e controle de diferentes cargas de trabalho (CPU e Memória) utilizadas através das instâncias no SQL Server.

[subtitulo]O que é o Resource Governor?[/subtitulo]

O Resource Governor é uma das características da Engine do SQL Server que tem por objetivo controlar a quantidade utilizada de CPU e/ou memória no servidor. Em versões anteriores ao SQL Server 2008, não era possível diferenciarmos entre diferentes cargas de trabalho a quantidade pelo qual o produto irá consumir. Por este motivo, a Microsoft introduziu esta interessante funcionalidade no SQL Server 2008.

O Resource Governor pode ser configurado de dois modos, sendo eles:

· Object Explorer: a janela que por padrão vem situada no lado esquerdo do SQL Server. Se por acaso não estiver visível, clique na opção de menu ViewàObject Explorer.

· Transact-SQL: centro de todas as aplicações que utilizam transações enviadas do cliente e servidor. Links com mais informações sobre o Transact-SQL estão disponíveis na seção Referências situada ao final do artigo.

Conforme dito anteriormente, ambos estão aptos ao uso do SQL Server Management Studio (SSMS).

Existem três componentes fundamentais que engloba o Resource Governor: workload groups (grupos de carga de trabalho), resource pools (fonte de recursos) e classifier function (função de classificação), conforme a Figura 1.

Figura 1. Resource Pools, Classifier Functions, Workload Groups

A Figura 1 apresenta os três componentes do Resource Governor. Os Usuários B1, B2 e B3 representam os autores citados na figura acima. O retângulo Classifier Functions representa a função de classificação, ou seja, sua função é classificar os usuários aos grupos Grupo 01, 02, 03, que por sua vez representam os grupos de cargas de trabalho, ou melhor, workload groups. Por último, os círculos Pool A e B representam as fontes de recursos (Resource Pools). Como pode ser observado, esta figura ilustra uma hierarquia que engloba todos os padrões adotados do Resource Governor interligando um a um.

A partir de agora conheceremos um pouco mais sobre cada componente do Resource Governor.

[subtitulo]Resource Pools[/subtitulo]

Resource Pools (fonte de recursos) representa a coleção de fontes físicas do sistema gerenciador de banco de dados. Isto pode ser observado de forma clara como uma instância virtual no SQL Server de forma visível na aplicação.

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?