Artigo SQL Magazine 69 - Estudos de Caso – Projeto de Banco de Dados para Controle de Frota

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (4)  (0)

Veja como modelar um banco de dados para o controle de uma frota de veículos.

[lead]De que trata o artigo

Modelagem da estrutura de armazenamento de dados para um sistema de controle dos veículos de uma frota.

Para que serve

Oferecer um modelo inicial para a construção de um sistema que gerencia a alocação de veículos de uma frota, podendo ser adaptado para diversos outros projetos que se baseiam na alocação dinâmica de veículos a pessoas.

Em que situação o tema é útil

O modelo de dados para um sistema de acesso aos veículos de uma frota genérica apresentado neste artigo é útil para a construção de sistemas que lidem com alocação dinâmica de veículos, além de gerenciar o estado e os eventos relevantes na vida útil dos mesmos. A partir do modelo sugerido pode-se modificar as entidades, atributos e relacionamentos para adequar a estrutura de acordo com outros tipos de sistemas que lidem com o controle e acesso dinâmico de veículos

Estudos de Caso – Projeto de Banco de Dados para Controle de frota

Diversas empresas possuem frotas com veículos utilizados por seus funcionários para realizar seus trabalhos. Com base neste cenário este artigo apresentará como montar um modelo de banco de dados que pode ser utilizada por qualquer empresa que possui um frota de veículos cuja alocação é dinâmica e serve às necessidade dos funcionários e colaboradores. O modelo conta com diversas entidades que abordam os principais aspectos relacionados ao controle, acesso e gerenciamento do uso típico de veículos em uma empresa de tamanho médio.[/lead]

Atualmente diversas empresas possuem frotas com veículos utilizados por seus funcionários para realizar seus trabalhos. Conforme a empresa vai crescendo novos veículos vão sendo adquiridos e colocados à disposição daqueles que precisam deles para transporte, locomoção, entregas, retiradas, viagens e outros fins.

Porém, gerenciar o acesso dos funcionários e colaboradores aos veículos requer um modelo adequado para organizar e controlar o uso dos veículos da frota, pois caso contrário há margem para abusos e uso indevido dos recursos. Além disso, é preciso armazenar informações relacionadas à reserva, estado, manutenções, histórico, eventos relevantes e outras entidades que compõem um modelo de banco de dados utilizado por um sistema de controle de frota.

A partir deste cenário este artigo apresentará como montar um modelo de banco de dados que pode ser utilizado por qualquer empresa que possui uma frota de veículos cuja alocação é dinâmica e serve para as necessidades dos funcionários e colaboradores. O modelo conta com diversas entidades que abordam os principais aspectos relacionados ao controle e gerenciamento do uso típico de veículos em uma empresa de tamanho médio.

Apesar de contemplar diversas situações, o modelo apresentado neste artigo é razoavelmente simples e pode ser adaptado para diferentes tipos de controle de frota de acordo com os requisitos e cenários de utilização. Algumas entidades do modelo são criadas visando a extensão das funcionalidades por meio do cadastro de novos elementos como, por exemplo, as características do veículo e os eventos relevantes na sua vida útil.

[subtitulo]Entendendo o controle de frota[/subtitulo]

Para entender como é a utilização dos veículos da frota em uma empresa é preciso primeiro delimitar o escopo e escolher um cenário típico onde há alocação deste tipo de recurso. Neste artigo vamos considerar uma empresa de tamanho médio que possui mais de 50 funcionários ou colaboradores. Nestas empresas é comum encontrar uma frota de veículos que é disponibilizada para quem precisa deste tipo de recurso com uma condição: o uso do veículo deve ser estritamente voltado para a atividade profissional, ou seja, não é permitido o uso de veículos para fins pessoais.

Neste contexto podemos considerar que a frota é composta de diversos tipos de veículos, como carros, motocicletas, vans, triciclos, tratores, barcos, aviões de pequeno porte, etc. O tipo de veículo em questão deve ser armazenado no nosso modelo, assim como as diversas características próprias do mesmo como, por exemplo, fabricante, modelo, cor, placa, tipo de combustível, quantidade de portas e opcionais. Como existem muitos tipos de opcionais, acessório, customizações e outras características que estão relacionados ao veículo o modelo de banco de dados deve possuir uma maneira de permitir que um usuário administrador do sistema inclua características e valores para estas características dinamicamente.

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?