Artigo SQL Magazine 70 - Clonando um Usuário de um Banco de Dados Oracle

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

Criação de scripts para clonagem de usuário do banco de dados Oracle.

[lead]De que trata o artigo?

Criação de scripts para clonagem de usuário do banco de dados Oracle.

Para que serve?

Criar um script para a criação de um usuário no banco de dados Oracle com exatamente todas as características de um outro usuário já existente no banco de dados.

Em que situação o tema é útil?

Em situações em que o Administrador de Banco de Dados é requisitado para criar usuários no banco de dados com características idênticas a de outro usuário já existente. É uma situação bastante comum quando se trata de usuários da aplicação que precisam acessar o banco de dados.[/lead]

É comum o DBA encontrar um ambiente em que cada usuário real do sistema precisa ter sua própria "conta" para acessar o banco de dados.

Esta prática é especialmente importante para que se possa garantir uma boa segurança e uma boa política de auditoria.

Usuários compartilhados, onde todos conhecem a senha, impedem que seja feita uma boa auditoria para descobrir, por exemplo, quem foi o usuário que "disparou" aquele comando update sem uma cláusula where, por exemplo. E isso é o menor dos problemas, pois um rollback resolveria o problema.

Normas de segurança, como o SOX (Nota DevMan 1), são adotadas nas empresas a cada dia mais e mais, e precisamos estar preparados para esse novo modelo.

[nota]Nota doDevMan 1. SOX - Sarbanes-Oxley Act.

Sarbanes-Oxley Act ou Lei Sarbanes-Oxley é uma lei dos EUA assinada em 30 de julho de 2002 pelo senador Paul Sarbanes (Democrata de Maryland) e pelo deputado Michael Oxley (Republicano de Ohio)[/nota]

Motivada por escândalos financeiros coorporativos (dentre eles o da Enron, que acabou por afetar drasticamente a empresa de auditoria Arthur Andersen), essa lei foi redigida com o objetivo de evitar o esvaziamento dos investimentos financeiros e a fuga dos investidores causada pela aparente insegurança a respeito da governança adequada das empresas.

A lei Sarbanes-Oxley, como foi chamada, foi apelidada carinhosamente de Sarbox ou ainda de SOX. Seu conjunto busca garantir a criação de mecanismos de auditoria e segurança confiáveis nas empresas, incluindo ainda regras para a criação de comitês e comissões encarregados de supervisionar suas atividades e operações de modo a mitigar riscos aos negócios, evitar a ocorrência de fraudes ou ter meios de identificar quando elas ocorrem, garantindo a transparência na gestão das empresas.

Atualmente grandes empresas com operações financeiras no exterior seguem a lei Sarbanes-Oxley.

A lei Sarbannes-Oxley afeta dezenas de empresas brasileiras que mantém ADRs (American Depositary Receipts) negociadas na NYSE, como a Petrobrás, a Sabesp, a TAM Linhas Aéreas, a Brasil Telecom, Ultrapar (Ultragaz), a Companhia Brasileira de Distribuição (Grupo Pão de Açúcar) e a Telemig Celular.

O objetivo deste artigo é o de levar ao leitor um script que, automaticamente, "descubra" TODAS as características de um determinado usuário e gere um novo script para a criação de um segundo usuário com exatamente todas as características do primeiro, ou seja, de maneira mais direta, um usuário clone.

[subtitulo]O script principal[/subtitulo]

A Listagem 1 apresenta o script principal, ou seja, o script que solicita o nome do usuário a ser clonado, o nome do novo usuário e a nova senha, caso deseje alterar.

Listagem 1"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?