Conhecendo o MySQL-Front - Parte 2

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (6)  (0)

Veja neste artigo a importação e as estruturas de dados que podemos utilizar no MySQL-Front.



Na 2º parte do artigo falarei sobre a importação e as estruturas de dados que podemos utilizar no MySQL-Front. Então vamos ao artigo, espero que estejam gostando da apresentação do MySQL-Front.

Importação de estrutura de dados

Arquivo SQL

Através do MySQL Front é possível executar todas as queries SQL de um arquivo especificado no banco de dados selecionado.

São executadas queries SQL diretamente, sem carregar o arquivo inteiro no Editor do SQL. Isto significa que a execução é muito mais rápida e economiza recursos de sistema. Nas figuras 1, 2, 3 e 4 podemos confirmar o processo de importação do arquivo bairro.sql.

31-10-2007pic01.JPG
Figura 1. Selecionando a opção de importação do arquivo .SQL.

31-10-2007pic02.JPG
Figura 2. Seleção do arquivo bairro.sql para a importação.

31-10-2007pic03.JPG
Figura 3. Importação do arquivo bairro.sql efetuada com sucesso.

31-10-2007pic04.JPG
Figura 4. Nesta tela confirmamos a importação bairro.sql para o banco de dados biblioteca.

Arquivo de texto (CSV formatação)

Efetua a importação de um arquivo .csv para a tabela de destino;
A primeira linha do arquivo de importação contém os nomes de campo;
Separa os campos por um caractere do tipo “;” (ponto e vírgula);
Serão substituídas as informações contidas na tabela sem nenhuma advertência.


31-10-2007pic05.JPG
Figura 5. Seleção do tipo de arquivo que será importado.

31-10-2007pic06.JPG
Figura 6. Escolha do arquivo bairro.csv para a importação.

31-10-2007pic07.JPG
Figura 7. Visualização parcial das informações contidas no arquivo bairro.csv e as opções de para a importação.

31-10-2007pic08.JPG
Figura 8. Nome dos campos no arquivo bairro.csv e nomes dos campos na tabela.

31-10-2007pic09.JPG
Figura 9. Arquivo importado com sucesso.


MS Access Arquivo

Dados de importações de uma tabela de um arquivo .mdb para a tabela selecionada.
Dados existentes: As informações existentes na tabela serão substituídas sem qualquer advertência.

31-10-2007pic10.JPG
Figura 10. Importação de arquivo do tipo .mdb.

31-10-2007pic11.JPG
Figura 11.
Escolha do arquivo a ser importado.

31-10-2007pic12.JPG
Figura 12.
Tela para a seleção das opções a serem executadas no momento da importação.

31-10-2007pic13.JPG
Figura 13.
Nesta tela visualizamos os campos do banco de dados e os campos da tabela de destino.

31-10-2007pic14.JPG
Figura 14.
Importação efetuada com sucesso.

31-10-2007pic15.JPG
Figura 15.
Tela do banco de dados desenvolvido em ACCESS (bairro.mdb).

MS Excel Arquivo

Dados de importações de uma tabela de um arquivo .xls para a tabela selecionada.
Comentários: A primeira linha do arquivo de importação contém os nomes de campo.
Dados existentes: Serão substituídos os dados existentes sem qualquer advertência.

31-10-2007pic16.JPG
Figura 16. Escolha do tipo de arquivo que será importado.

31-10-2007pic17.JPG
Figura 17.
Arquivo selecionado para a importação bairo.xls

31-10-2007pic18.JPG
Figura 18.
Visualização parcial do conteúdo do arquivo bairro.xls

31-10-2007pic19.JPG
Figura 19.
Tela com o nome dos campos no arquivo .xls e na tabela de destino.

31-10-2007pic20.JPG
Figura 20.
Importação efetuada com sucesso.


Aqui terminamos a 2º parte do nosso artigo, na 3º parte veremos como é o funcionamento da exportação de dados e suas estruturas. Até a próxima.

 

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?