Guia Plataforma Universal do Windows

Desenvolvendo aplicações Windows Universal com a Bing API

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (1)  (0)

Criando uma aplicação para sugestão de rotas no Windows Universal com a Bing API. Também será utilizado o Bing Maps API da Microsoft.

Fique por dentro
Este artigo é útil para que o leitor seja capaz de desenvolver aplicativos que utilizem recursos de mapas, tais como: indicação de rotas, marcação de pontos, recuperação de posição atual, velocidade atual, entre outros, utilizando o Bing Maps API da Microsoft. Ele tratará de forma descomplicada o uso dessa ferramenta, fazendo com que seja possível desenvolver os seus próprios sistemas com recursos de GPS, ou simplesmente uma apresentação de mapas em seus aplicativos, os quais podem ser adaptados para os mais diversos fins, como informações demográficas, mapa de calor, localização, etc.

Imaginemos o seguinte cenário: suponha que uma rede hoteleira contratou os seus serviços para desenvolver uma aplicação. Os proprietários da rede solicitaram um aplicativo bem específico e básico, algo que permita que seus usuários possam acessar uma página de reservas que contenha valores e diversas outras informações sobre os quartos.

Outro requisito levantado pelo solicitante do sistema é que, boa parte das funcionalidades do sistema seja acessível a partir de qualquer dispositivo com acesso à internet, sendo que o usuário possa, a partir do ponto geográfico em que se encontra, localizar um hotel pertencente à rede que esteja mais próximo. O objetivo principal do cliente é permitir que o usuário localize o hotel mais próximo sem que tenha que acessar outro aplicativo de localização geográfica.

Realizar a implementação de um software com os recursos propostos anteriormente pode vir a ser uma atividade um tanto quanto complexa, pois algumas ferramentas exigem maior conhecimento em plataformas do gênero, entretanto, grande parte dessa complexidade pode ser substancialmente reduzida se o desenvolvedor utilizar alguns recursos disponibilizados pela Bing API distribuída pela Microsoft. Com a biblioteca Bing Maps API o trabalho de criar rotas entre pontos específicos com base nos mapas rodoviários de uma cidade torna-se relativamente simples, pois ela possui ótimos recursos que facilitam o desenvolvimento, principalmente, para quem está familiarizado com programação .NET.

O que é a Bing API

Trata-se de uma API desenvolvida e disponibilizada gratuitamente - mas com algumas restrições (explicaremos mais adiante) - pela Microsoft. Segundo a própria empresa, essa biblioteca permite inserir um poderoso e flexível sistema de pesquisa, totalmente personalizado em sites e aplicativos. Na prática, pudemos constatar que com esta API é possível realizar buscas por conteúdos na web, imagens, notícias, apresentar sugestões de ortografia, pesquisar entradas em listas telefônicas, consultas com retorno de uma lista de resultados mais semelhantes ao termo da consulta que está sendo realizada, pesquisar por vídeos na web, além de fornecer recursos de mapas entre outros. É uma API de fácil utilização e com interfaces que permitem sua integração com diversas tecnologias, como Android, iOS e websites no geral.

Além disso, ela permite a incorporação de um sistema de buscas extremamente flexível para as aplicações que dela fazem uso, permitindo também que a integração com os sistemas seja realizada através de requisições HTTP, que, por sua vez, fornecem resultados em XML ou JSON, além de oferecer suporte aprimorado ao protocolo SOAP e uma interface RSS compatível com diversas tecnologias de desenvolvimento.

Escolhendo a API

Ao acessar o portal do Bing Maps você verá que ele oferece diversas APIs, visando atender aos diferentes tipos de necessidades dos desenvolvedores e seus usuários. Na Tabela 1, temos uma relação dos principais serviços de mapas que a Microsoft disponibiliza, bem como suas características e finalidades mais importantes.

APIs Descrição
Mapas do Bing para aplicativos da loja do Windows Os aplicativos do Bing Maps para Windows Store incorporam os últimos roteiros, vistas aéreas e imagens de alta resolução de baixo ângulo em aplicativos do Windows Store.Observe que isso é para criar aplicativos do Windows 8.1.
Serviços do Bing Maps REST Os serviços REST do Bing Maps usam URLs REST para executar tarefas como criar um mapa com pushpins, geocodificar um endereço, recuperar metadados de imagens ou calcular uma rota.
Serviços de Dados Espaciais Bing O Bing Spatial Data Services usa URLs REST para geocodificar em reverso grandes conjuntos de dados espaciais, a fim de criar e consultar fontes de dados.Estas, por sua vez, contêm conjuntos de informações para um tipo de entidade definida pelo usuário que possui um componente espacial.Por exemplo, você pode criar uma fonte de dados para um conjunto de lojas e, em seguida, consultar a mesma para localizar lojas perto de um local.
Controle WPF do Bing Maps O Bing Maps WPF Controle SDK permite aos desenvolvedores integrar o Bing Maps em aplicativos do Windows Presentation Foundation (WPF).Usando uma abordagem de software + services, o Bing Maps WPF Control recupera as imagens mais recentes do Bing Maps para o aplicativo WPF usando a arquitetura baseada em nuvem do Bing.

Tabela 1. Lista de API’s do Bing

Para o exemplo construído neste artigo utilizaremos os Mapas do Bing, mas caso opte por outra API, todas estão disponíveis na loja de aplicativos do Windows.

Quando se obtém uma chave de utilização gratuita para a API Bing Maps, aceita-se também algumas limitações quanto ao número de operações que podem ser realizadas dentro de um período de tempo. Para aplicações Windows Store, Windows Phone e WPF, existe um limite de 50.000 transações para cada período de 24 horas. Para a" [...]

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?