Desenvolvimento para iOS com Delphi XE2 - Revista ClubeDelphi Magazine 149

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (3)  (0)

Veremos passo a passo como criar sua 1a aplicação para disp. móveis de forma nativa, envolvendo etapas de configuração de ambiente, compilação, execução e toda a cobertura de detalhes para que você possa ingressar neste modelo de desenvolvimento.

Artigo do tipo Tutorial
Recursos especiais neste artigo:
Contém nota Quickupdate, Conteúdo sobre novidades.
Desenvolvimento para iOS com Delphi XE2
O mercado de aplicativos móveis está em alta e em constante crescimento. Como se sabe, na versão XE2 o Delphi passou a suportar o desenvolvimento não só para Windows, mas sim para os ambientes MAC e iOS. Tudo isso foi possível graças ao FireMonkey que permitiu a criação de aplicações para estas plataformas de uma forma nativa. Neste artigo, veremos passo a passo como criar sua primeira aplicação para dispositivos móveis de forma nativa, envolvendo etapas de configuração de ambiente, compilação, execução e toda a cobertura de detalhes para que você possa ingressar neste modelo de desenvolvimento.


Em que situação o tema é útil

O tema é útil para desenvolvedores que estão iniciando no desenvolvimento Mobile para a plataforma iOS ou mesmo para quem deseja criar aplicações para iPad ou MAC. Para isso, são apresentados componentes específicos desenvolvidos pela Embarcadero que auxiliam o desenvolvedor nas tarefas de comunicação com recursos nativos do dispositivo.

O mercado de aplicações móveis vem crescendo continuamente e o Brasil atualmente é um dos maiores consumidores do mundo. Dentre todo esse “boom” mercadológico, vários desenvolvedores iniciaram projetos e investimento em aplicações para o mundo móvel. Dentre todas as plataformas atualmente existentes, três em particular vem ganhando um maior destaque sendo elas: o Android, iOS e Windows Phone.

Como se sabe, o Android é a plataforma da Google, que domina hoje a maior parte dos dispositivos móveis do mercado, rodando nos mais variados tipos de dispositivos (Tablets e Smartphones) e tem seu desenvolvimento nativo baseado na plataforma Java com o SDK Android (Nota do DevMan 1) além de uma extensa gama de IDEs como o NetBeans e o Eclipse por exemplo. Já o iOS é o Sistema Operacional oficial e exclusivo da Apple presente nos SmartPhones iPhone e no Tablet iPad e que adota como linguagem nativa de desenvolvimento o Object-C ou Objective-C além de seu IDE, também exclusivo, o xCode. E por último, o Windows Phone que é propriedade da Microsoft e traz suporte através de várias linguagens suportadas pelo IDE do Visual Studio como C#, VB.Net entre tantas outras, baseando-se no desenvolvimento através do Silverlight.

Nota do DevMan 1 – SDK

SDK são as siglas de “Software Development Kit” que como o próprio nome sugere, é um conjunto de tecnologias para desenvolvimento. São frequentemente utilizados em Java (JSDK), Android entre outras das mais comuns tecnologias do mercado.

Desta forma, pensando no futuro, a Embarcadero dedicou-se a suportar, integrar e incorporar estes ambientes por meio de sua principal suíte de desenvolvimento, o RAD Studio. Sendo assim, o Android (e outras plataformas) foram abrangidas pelo desenvolvimento por meio do RADPHP que utiliza-se do SDK Android e PhoneGap/Cordova (Nota do DevMan 2) para a criação de aplicações híbridas (Nota do DevMan 3). Para o desenvolvimento voltado ao Windows Phone a solução que ofereceu suporte nativo foi o PrismXE2, que por meio do compilador Oxygene, oferece a possibilidade de criação de aplicações WP7 (Windows Phone 7) dentro do Visual Studio com Silverlight e por último, o carro chefe da Embarcadero, o Delphi XE2 que veio com uma proposta inovadora na qual permitia pela primeira vez, a criação de aplicações para Mac por meio do FireMonkey (também lançado nesta versão), suportando assim a criação de Apps para os ambientes iOS (iPhone/iPad) e MacOSX.

Nota do DevMan 2 - PhoneGap

PhoneGap ou Cordova como também é conhecido, é um Framework hibrido (ver Nota do DevMan 3) que une as tecnologias HTML, CSS e Java Script, permitindo assim um desenvolvimento multiplataforma. Sua proposta é escrever o código uma única vez e permitir a criação da aplicação nas principais plataformas móveis do mercado. Possui um compilador online (Adobe Phonegap Build – ver seção Links) que permite a depuração no próprio emulador de acordo com a plataforma selecionada.

Nota do DevMan 3 – Aplicações híbridas

Ao contrário de aplicações nativas que tem como a principal vantagem e característica a utilização total dos recursos disponíveis no dispositivo móvel, as aplicações híbridas são nada mais do que Frameworks que encapsulam diversas tecnologias com a finalidade de permitir desenvolver para múltiplas plataformas móveis com o mesmo código. Geralmente baseiam-se em linguagens como HTML, CSS e Java Script (jQueryMobile) para realizar o trabalho de efeitos visuais, entre outros. A principal vantagem é a curva de aprendizado menor, já que para quem tem conhecimento de web, pode facilmente desenvolver usando esta abordagem. A grande desvantagem é que nem sempre os recursos dos Frameworks híbridos irão suportar os recursos mais novos do dispositivo, no entanto, é um conceito que vem crescendo muito entre o desenvolvimento móvel.

Embora esta mudança tenha desagradado uma parte da comunidade Delphi, o lançamento do Delphi XE3 marca um ponto chave na estratégia da Embarcadero. Com a finalidade de criar uma ferramenta definitiva para o desenvolvimento móvel, a Embarcadero acabou “desacoplando” a parte de desenvolvimento Mobile que integrava o Delphi XE2 e FireMonkey, embora a criação de aplicações para MacOSX ainda fosse suportada de forma nativa na versão XE3.

Toda essa mudança dará origem (em breve), a mais nova suíte de desenvolvimento, o Mobile Studio. Assim como parte desta mudança, o lançamento do XE3 também marca o fim da era RADPHP, dando lugar ao HTML5 Builder, na qual se tornou seu sucessor e que continuará abordando o desenvolvimento Web/Mobile de forma hibrida utilizando-se de linguagens e tecnologias como o HTML5, CSS, Java Script, jQueryMobile entre tantos outros.

No entanto, se você ainda não possui o Delphi XE3 e deseja criar aplicações para dispositivos móveis da Apple, até o presente momento é possível desenvolver para dispositivos Macintosh/Apple adotando o Delphi XE2 e o FireMonkey, utilizando como linguagem principal o Object Pascal, na qual o leitor já está ambientado, o que permite uma produtividade muito maior, já que o desenvolvimento das telas e a programação das regras é extremamente intuitivo e a curva de aprendizado é fantástica!

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?