Eclipse Color Themes

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (8)  (0)

Veja neste artigo como mudar os temas de cores no seu Eclipse IDE. Mais que isso, veja como criar seus próprios temas, compartilhá-los e publicá-los tornando seu IDE bem mais poderoso.

1. Overview

Alguma vez você já se perguntou, dentre todos os anos de experiência acumulados junto a uma ferramenta IDE como o Eclipse, como seria interessante mudar o tema da mesma? Digo, não simplesmente alterar as configurações de preferências disponíveis no menu de “Preferences” para as janelas do IDE, mas sim mudar o tema de uma forma geral, ou melhor selecionar temas feitos previamente e buscá-los e/ou indicá-los em uma espécie de “market place”.

O Eclipse não é o melhor quando se trata de personalizações, mas com alguns truques podemos aliviar alguns dos problemas. Uma dessas questões é quando se trata de temas de cores. Não há nenhuma maneira fácil de exportar as configurações de cores (para a criação de temas), mas há dois arquivos que possuem a coloração dos editores de sintaxe e texto de informação.

É interessante notar que o “Eclipse Color Themes”, como o próprio nome diz, lida diretamente com a mudança das cores de fonte e de plano de fundo de alguns editores dentro do Eclipse.

Não há configurações de cores centrais, então cada plugin armazena suas próprias, no formato de sua escolha. Na prática, isso significa que mesmo se você realmente mudar todas as cores para o editor Java manualmente, você terá que fazê-lo novamente para o editor de JavaScript, para o editor de XML e qualquer outro editor que deseja usar. Isto é extremamente inconveniente.

Mais interessante ainda é reparar que se desejar um dia compartilhar as preferências de cores feitas em qualquer editor no seu Eclipse com outras pessoas, terá de compartilhar todas as preferências em formato XML, porém isso também irá obrigar a importação de todas as preferências que não tem relação com o que realmente se objetiva. Neste caso, além da complicação de ter de mudar outros visuais do Eclipse, foge-se do objetivo final de tudo isso: mudar a cor.

2. Instalação

Quando queremos alterar alguma cor ou estilo no modo de exibição, seguimos sempre o script:

Window > Preferences > General > Appearence > Colors and Fonts.

Preferências do Eclipse

Figura 1: Preferências do Eclipse

Nessa tela é possível customizar a aparência de determinados itens da interface do Eclipse, separados por categorias, como a for do plano de fundo das áreas de edição e as fontes utilizadas.

Isso às vezes torna-se um tanto custoso pelo fato de termos de alterar opção por opção as cores e padrões do nosso IDE, repetindo esse processo sempre que se deseja fazer alguma modificação.

E se existisse algo pronto? Com templates e cores que pudéssemos pré-selecionar e apenas aplicar on IDE, sem precisar alterar individualmente cada item?

E existe, se chama Color Themes, um plugin para o Eclipse que provê exatamente este serviço!

Para instalá-lo é muito simples. Se a sua versão do Eclipse já contempla o Eclipse Market Place, pode digitar "Eclipse Color Theme" e instalar a primeira opção que aparecer, tal como na Figura 2.

Market Place - Color Themes

Figura 2: Market Place - Color Themes

Ou poderá atualizar via “update site”, para isso vá ao menu

Window > Help > Install New Software > Add.

E digite a seguinte URL: http://eclipse-color-theme.github.com/update, conforme Figura 3 ou conforme instruções do site oficial.

Install New Software Color Themes

Figura 3: Install New Software Color Themes

Aguarde a instalação completar e logo após reinicie a IDE.

Após instalar, pode acessar novamente o menu:

Window > Preferences > General > Appearence > Color Theme.

Ao selecionar esta opção você poderá visualizar todos os temas que já vêm instalados por default no plugin (Figura 4).

Temas default do Color Themes

Figura 4: Temas default do Color Themes

Para cada tema existe um nome e um autor que pode ser visualizado logo abaixo da caixa de modelo exemplo para cada um respectivamente.

Observação: observe que ao selecionar um novo tema é necessário aguardar um pouco até que o plugin atualize a caixa modelo de exibição.

Além disso, temos três botões abaixo. O botão “Import a theme...” é usado para o compartilhamento de temas, estes que podem ser baixados no site oficial do plugin (http://eclipsecolorthemes.org) ou obtidos com algum outro desenvolvedor. O botão “Restore Defaults” é usado para restaurar o tema padrão que já existe naturalmente no Eclipse, caso tenha se cansado ou não queira mais os temas do plugin no seu IDE. Por fim, o botão “Apply” aplica todas as mudanças feitas na janela para o Eclipse de uma forma geral.

Basicamente é isso que o plugin tem a oferecer. O interessante de tudo é brincar de trocar temas e abrir seus documentos (Java, Javascript, XML, HTML) para ver como tudo fica. É como o tema do seu desktop que com frequência você muda para deixar as coisas mais legais, aqui funciona da mesma forma.

Outrossim, no próprio site do projeto você também tem a opção de criar seus modelos e templates. Entre no site informado acima e você visualizará a página mostrada na Figura 5.

Site oficial do projeto

Figura 5: Site oficial do projeto

Selecione o botão “Build Theme” (Construir Tema) e você será levado para uma página de cadastro básico com alguns dados básicos como nome e email, e logo após aceitar a licença. Pronto, você estará apto a criar seu plugin agora. Repare na Figura 6 como o processo é bem intuitivo e sem complicações.

Criando tema no plugin web

Figura 6: Criando tema no plugin web

3. Sobre o futuro

Um tópico interessante para o futuro é o Eclipse 4, que vai apresentar uma interface nova, themable. Aparentemente, plugins poderão usar a velha ou a nova tecnologia de interface, o que significa que vai levar um tempo até que todos os plugins importantes façam uso dele. Talvez ele fará sentido para apoiar o Eclipse 4, vamos esperar e ver.

Desde que o Eclipse Color Themes seja (em teoria) modular, ou seja, novos editores podem ser adicionados por outros plugins, seria bom dividi-los em vários plugins, por exemplo, um para cada pacote plugin do Eclipse (JDT, WTP, CDT, PDT, etc.). Idealmente, os desenvolvedores do pacote também mantêm os mapeamentos de cores.

No mais, esse plugin pode ser muito poderoso do ponto de vista visual, basta instalar e usar. Cansou dos que existem? Crie os seus próprios!

Deixem seus comentários e até a próxima oportunidade.

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?