Entedendo a Linguagem SQL

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (9)  (0)

Este artigo descreve de forma simples e prática as principais características dessa linguagem de manipulação de dados chamada SQL.

A linguagem SQL surgiu em meados da década de 70, sendo resultado de um estudo de E. F. Codd, membro do laboratório de pesquisa da IBM em San Jose, Califórnia. Este estudo tinha foco em desenvolver uma linguagem que adapta-se ao modelo relacional. O primeiro sistema de BD baseado em SQL tornou-se comercial no final dos anos 70 juntamente com outros sistema de BD’s relacionais. O sucesso da linguagem foi tão grande que obrigou o ANSI (American National Standarts Institute), a padronizar as implementações da linguagem, assim, nos dias de hoje, a maior parte de BD’s seguem criteriosamente esta padronização, podendo ter algumas variações, mais mesmo assim não afetando na padronização global da linguagem tornando assim a portabilidade mais fácil, se seguida de forma adequada pelo DBA.

Em 1982, foi lançada a primeira versão padronizada da SQL, que vieram ganhando melhorias de acordo com sua evolução e tornando-se assim, a mais poderosa ferramenta para definição e manipulação de BD’s e hoje utilizada em grande parte dos BD existente, tais como MySQL, SQLServer, Firebird dentre outros.

SQL: Linguagem de múltiplo uso

A linguagem SQL tem papel muito importante nos SGDBs atuais, podendo ter diversos enfoques:

  • Linguagem de Manipulação de Dados ou DML (Data Manipulation Language): A DML é um subconjunto da linguagem SQL, utilizada para Selecionar(SELECT), Inserir(INSERT), Atualizar(UPDATE) e Apagar(DELETE).
  • Linguagem de Definição de Dados ou DDL (Data Definition Language): A DDL permite ao usuário permite a manipulação de tabelas e elementos associados, tipo chave primária e chaves estrangeira, índices, etc. Os principais comandos são CREATE, DROP, ALTER(em algumas situações).
  • Linguagem de Controle de Dados ou DCL (Data Control Language): A DCL controla os aspectos destinados a autorização de dados e licenças de usuários para manipulação de dados dentro do BD.Alguns comandos comuns são GRANT(dá privilégios para usuários), REVOKE (revoga privilégios de usuários), COMMIT(em resumo grava dados no BD) e ROLLBACK(descarta dados existentes desde o último COMMIT).

Linguagem de Consultas de Dados ou DQL (Data Query Language): embora na DQL exista somente um comando(SELECT) é o mais utilizado, principalmente para consultas parametrizadas. Lembre que o SELECT também é considerado um comanda DML. São exemplos os apresentados na Listagem 1.

Listagem 1. Exemplos de DQL

SELECT nome FROM clientes;
SELECT id,nome FROM pessoas WHERE id = :id; 

Complementando a DQL, temos também uma série de Cláusulas (FROM, WHERE, GROUP BY, HAVING, ORDER BY, DISTINT), Operadores Lógicos (AND, OR, NOT), Operadores de Comparação (<, >, <>, <=, =, >=, BETWEEIN, LIKE) e Funções de Soma (AVG, COUNT, SUM, MIN, MAX).

Um grande abraços a todos e bom desenvolvimento.

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?