Array
(
)

Anti-vírus bom pra cachorro

Gandalf.nho
   - 26 nov 2004

Essa história é pra ser verídica e teria sido publicada originalmente no boletim Scan News 42, de junho de 1995, página 2 (a Compusul era representante oficial no Brasil da McAfee, na época):

´Anexo, por curiosidade, o que restou da última cópia do SCAN remetida pela COMPUSUL através do correio em ABR95 (embalagem single package e disquete de 3,5´ completamente destruídos a mordidas). O carteiro colocou o envelope com o disco embaixo da porta, ao invés de tocar a campainha para entregar, esquecendo que há outras ´pessoas´ na casa que também apreciam o produto: a minha cachorra Becky, uma Beagle, literalmente consumiu a última versão do SCAN! Agradeço a sua gentileza de ter me enviado outra cópia.

Cesar Werneck´


´Caro Cesar,

É realmente lastimável o estado em que a sua Becky deixou o disquete e a embalagem. Sinceramente, é o primeiro caso que vejo de amor compulsivo de uma Beagle pelo Scan. Acho até que podemos chamar isto de verdadeira paixão animal. Mordiscadas à parte, além do instinto compulsivo de Becky, podemos notar seu agudo interesse pela informática. Creio que ela poderia ser iniciada no mundo dos computadores, já que está vacinada contra 5.060 diferentes tipos de vírus. Em tempo: certifique-se de adestrá-la para, no caso de suspeita de infecção, sempre dar boot pelo drive A:, com disquete comprovadamente sadio.

Abraços,

Elisabete Zenobi
Deptº de Expedição´