Array
(
)

Banco de dados em arquivo .txt

Carlos Oliveira
   - 14 ago 2015

Boa tarde a todos, rapaz, fiz um serviço para uma farmacia, nada muito complexo, apenas manutenção em alguns micros, vi que o sistema que ele utiliza, salva os dados em um arquivo txt, isso é confiavel? O que posso oferecer para esse cliente como uma forma melhor de guardar os dados? Eu achei amador, pensei certo?

Mariana Carvalho
   - 14 ago 2015

Em arquivo .txt??? A melhor forma de guardar dados é utilizando um SGBD! fica dificil saber como esse sistema trabalha.

Jothaz
   - 14 ago 2015

Você pode gravar seus dados em qualquer formato que possa ser lido (txt, xml, yaml e etc), só que não tem segurança nenhuma e não garante a integridade dos dados.

Opçãos seriam bd´s tais como: access, sqllite, postgresql e mysql.

Carlos Oliveira
   - 14 ago 2015

Achei meio tosco, sem falar que quem produziu ou vendeu esse software ganhou uma boa grana, tem como fazer a migração desses dados e oferecer um banco gratuito pra ele?
e como fazer essa comunicação com o sistema, só entrando em contato com quem vendeu ou quem desenvolveu?

Jothaz
   - 14 ago 2015

Dependendo da data em que o software foi criado era usual gravar os dados em txt. Ainda mais quando era usado Delphi. Devemos lembrar que nem sempre existiam vários "sabores" de bancos de dados como acontece hoje e principalmente grátis. Então é algo um tanto amador, mas dependendo de quando foi feito era a solução.

Não adianta oferecer um banco de dados gratuito se você não conseguir migrar ou mesmo fazer com que a aplicação acesse a nova estrutura.
E é ai que o bicho pega.
Você tem acesso aos fontes?
Você tem a expertise para alterar toda a estrutura para um modelo relacional?
Você tem a expertise para efetuar a migração?

Claro que é possível migra os dados e muito bd´s possuem ferramentas para isto, ou existem ferramentas que vão auxiliá-lo neste processo. Mas você tem de conhecer a estrutura do txt atual para conseguir migrar.

Não é um assunto trivial e requer um nível avançado de conhecimento em modelagem e programação.

O caminho seria trabalhar em conjunto como desenvolvedor, mas claro que gerará custo e seu cliente esta disposto a investir.

Então muita calma, pois é trabalhoso e requer a definição muito clara do que será feito e de quem será a responsabilidade de cada em em cada tarefa.

Mariana Carvalho
   - 14 ago 2015

Jothaz tem razão, fazer isso não é simples!

Carlos Oliveira
   - 14 ago 2015

Sem os fontes, só se eu me informar ao dono da farmácia, para saber como adquiriu esse sistema, mas pelo visto vai ser dificil.

Jothaz
   - 14 ago 2015


Citação:
Sem os fontes, só se eu me informar ao dono da farmácia, para saber como adquiriu esse sistema, mas pelo visto vai ser dificil.


Sem os fontes é melhor esquecer, por não tem como. E normalmente que fez o sistema não vai passar os fontes sem cobrar.
Mesmo com os fonte será uma mudança tão estrutural que seria como criar do zero. Pois as formas de consulta de gravação em um txt não tema nada a ver com um banco de dados relacional.

Sinceramente se for para mudar é melhor criar um aplicação nova. Agora o complicado é convencer o cliente a investir em um novo projeto, sendo que o que existe atualmente funciona.

Carlos Oliveira
   - 14 ago 2015

Estava querendo ver isso com a melhor das intenções, só imagino ele perdendo essa "base" de dados, sem falar nesse questão que citou sobre gastar $$$, o cara não vai querer de forma alguma. Melhor deixar do jeito que está, apesar de achar um perigo.

Jothaz
   - 16 ago 2015


Citação:
Estava querendo ver isso com a melhor das intenções, só imagino ele perdendo essa "base" de dados, sem falar nesse questão que citou sobre gastar $$$, o cara não vai querer de forma alguma. Melhor deixar do jeito que está, apesar de achar um perigo.


Entendo perfeitamente! Isto é ter uma visão e comportamento profissional.

Só que para ajudar as pessoas precisam querer ser ajudadas e neste caso, como tudo esta ok, acho difícil convencer o cliente a mudar Ainda mais pela dificuldade em obter os fonte. E os fontes não garante que a migração vá ser fácil, pois vai ter de haver uma mudança na estrutura e muitas das vezes é melhor começar do zero.

Outro ponto que vejo é se você se sente confortável em realizar esta tarefa de converter os fontes e migrar os dados. Pois não lago trivial.

Talvez seja interessante um conversa com seu cliente, isto vai depender de sua relação com ele, e mostrar embasado em argumentos técnicos que armazenar dados em txt é algo muito frágil e pode causar um transtorno enorme.

Agora com a minha experiência acho que mostrar um problema se apresentar um solução não á muito produtivo e muitas vezes pode ser interpretado com que você esta desqualificando o serviço de que fez o projeto inicial, então só você poderá decidir qual o melhor caminho.

No fim tudo se resume a custo e benefícios. Agora convencer um cliente que não possui conhecimentos na área de que o sistema que ele tem e funciona deva ser mudado é uma tarefa hercúlea.

Carlos Oliveira
   - 16 ago 2015

Jothaz tambem é cultura, aumentando meu vocabulario! "hercúlea".

No minimo complicado convencer o cliente a gastar dinheiro, mesmo propondo uma enorme melhoria e tambem evitar problemas sérios como perca de dados, já pensou perder o cadastro de clientes, tabela de preços e afins.

Alisson
|
MVP
Pontos: 3400
    17 ago 2015

Carlos lendo tudo isso que foi falado a você e por eu ter uma certa experiencia nessa área.
Acho legal você orientar o seu cliente sim sobre a periculosidade do mesmo perder todos os dados corrompendo os arquivos txt.
Tendo em vista que se isso ocorrer ele perderá todos os dados existentes e a chance de recuperação é minima.
O difícil é como nossos companheiros falou acima, que para uma migração da informação para o bando de dados terá que ser feito pelo desenvolvedor do sistema ou por uma pessoa que tenha expertise na área de banco de dados e que consiga tornar os dados que estão em txt em tabelas relacionadas.
Isso até parece difícil de ser feito mais não é. Lógico que o tempo é maior quando não se tem conhecimento da estrutura do arquivo, mais é possível e custoso para o cliente.
O cliente do jeito que está para ele está bom, mais na verdade ele não consegue ver que isso lhe trará uma certa dor de cabeça ou futuros prejuízos. Imagine se ele perder os dados de clientes que estão com faturas em aberto ou que ele tem a pagar para os fornecedores?
Converse com o cliente, exponha para ele o que viu e o que pode ocasionar. Pode ser que o cliente nem queira fazer nada, mais pode ser que ele procure algo que melhore essa segurança. Fazendo isso já tenha um sistema que pode suprir as necessidades dele no momento que for falar com ele pois ele pode querer saber como fazer essa migração de sistema ou até mesmo um contato com o desenvolvedor do sistema atual para criar algo mais seguro.
Falo isso pois já participei de desenvolvimento aonde tivemos que interpretar uma estrutura de um sistema erp inteiro que trabalhava em txt e criar o banco e um aplicativo que fica inserindo as informações do txt no banco que foi criado, como também já propomos outro sistema e o cliente optou por trocar de sistema.

Fica ai a minha dica.

Carlos Oliveira
   - 18 ago 2015

Alisson, obrigado pela dica, vou procurar informa-lo sobre isso e fazer com que ele tenha ou me passe algum contato, mas acredito que realmente seja necessario fazer um outro sistema.(estou supondo).

Edvaldo Amorim
   - 20 ago 2015

Complicado, já vi esses sistemas "toscos"! Complicado, a melhor opção é fazer tudo do zero.