Array
(
)

Sim, somos acomodados

Repa
   - 17 mai 2005

Apesar de ter confiado e votado no Lula, acho que ele não está fazendo muito por merecer essa confiança. :roll:

(em resposta às afirmações do Presidente de que somos um povo acomodado)

(por Alessandro Eloy Braga, Professor de Literatura e Escritor de
Brasília-DF)


Sim, Excelentíssimo Senhor Presidente da República, somos acomodados. Somos acomodados porque aceitamos receber um salário mínimo de R$ 300,00 reais, enquanto os franceses recebem um de R$ 4.000,00. Somos acomodados porque aceitamos pagar juros e encargos contratuais a cartões de crédito e bancos que ultrapassam os 12¬ ao mês e porque aceitamos que a Caderneta de Poupança renda apenas 0,5¬.

Somos acomodados porque aceitamos que o Governo passe a cobrar novamente contribuição social dos aposentados. Somos acomodados porque permitimos que nossos idosos passem mais de 10 horas em uma fila para receber ou dar entrada em sua aposentadoria. Somos acomodados porque aceitamos que o Comitê de Política Monetária do Banco Central aumente todos os meses a taxa básica de juros e que isso provoque um efeito cascata na economia que nos faz pagar os juros mais altos do mundo em todos os setores do mercado.

Somos acomodados porque aceitamos pagar mais de 40¬ do valor de tudo o que compramos em impostos e impostos e impostos e impostos e impostos... Somos acomodados porque aceitamos pagar em impostos retidos na fonte o equivalente a três meses de trabalho. Somos acomodados porque aceitamos transitar em rodovias e avenidas deterioradas e que danificam nossos carros e que provocam tantos acidentes e que matam tantas pessoas, enquanto não sabemos exatamente para onde vão as verbas arrecadadas com a enorme quantia que pagamos em impostos, como o IPVA, CPMF e aqueles cobrados sobre o preço dos combustíveis.

Somos acomodados porque aceitamos colocar nossos filhos em escolas públicas deterioradas, sem segurança, com profissionais desanimados e insatisfeitos, com professores que são vistos como os profissionais mais desclassificados da sociedade e que ganham salários que não são suficientes nem para preencher o vazio da barriga, quem diria se alimentar de cultura. Ou como disse o outro Presidente que o antecedeu: que os professores são apenas pessoas que não conseguiram ser outra coisa melhor na vida, são derrotados.

Somos acomodados porque permitidos tantas diferenças sociais e que tantos passem fome e vivam abaixo da linha da miséria, porque é evidente que somos nós que fazemos essa distribuição desigual da renda. Somos acomodados porque permitimos que os madeireiros destruam a selva amazônica e que os norte-americanos e europeus e japoneses roubem nossa biodiversidade e depois a vendam a nós por preços altíssimos.

Somos acomodados porque ainda comparecemos às urnas de dois em dois anos para escolhermos pessoas que não representam o povo, mas que representam apenas seus próprios interesses. Somos acomodados porque ainda não resolvemos, todos nós eleitores, anular nossos votos e mostrar nossa descrença em governos como o seu. Somos acomodados porque aceitamos que estes ´representantes do povo´ façam leis que não beneficiam em nada ou muito pouco o povo ou que aumentem, quando bem entendem, os seus próprios salários, que já passam de R$ 35.000,00, somadas todas as regalias
parlamentares.

Somos acomodados porque permitimos as altas taxas de desemprego. Somos acomodados por vivemos em um país em que, para se comprar uma simples geladeira, é preciso dividir seu preço em 24 vezes, com juros falsos de 1¬ ao mês, quando deveríamos ser capazes de compra-la à vista. Somos acomodados porque permitimos o aumento das tarifas básicas de água, luz e telefone e dos combustíveis, valores que representam as maiores contribuições para o aumento da inflação e que são, em sua maioria, autorizados por esse mesmo Governo que chama seu povo de acomodado.

Sim, somos acomodados porque permitimos que nossa segurança pública seja tão precária. Somos acomodados porque permitimos que os bandidos (traficantes, ladrões, seqüestradores, parlamentares, prefeitos, governadores, ministros e presidentes, entre outros) tomem conta de nossa sociedade e façam desse povo uma simples massa de manobra.

Sim, somos acomodados porque acreditamos que um operário, um homem saído do sofrimento mais rude da seca, um sindicalista, um ex-comunista, um nacionalista fosse fazer algo de significativo pelo país, provocar mudanças profundas nas estruturas políticas, econômicas e sociais e por isso fomos acomodados e votamos em Vossa Excelência, e acreditamos em Vossa Excelência.

Sim, Senhor Presidente, somos acomodados porque somos nós que não oferecemos uma educação de qualidade, capaz de formar cidadãos críticos, lutadores e não acomodados. Sim, Senhor Presidente, somos acomodados porque aceitamos que o Senhor vá à televisão e diga palavras tão vis e hipócritas a esse povo que é tão acomodado por não acreditar mais que seja possível mudar algo nesse país de pouquíssimos escolhidos e de muitos apartados.

Somos acomodados porque ainda conseguimos sobreviver nesse Brasil que nem é o nosso.


Edilcimar
   - 17 mai 2005

Qquem mandou votar na porcaria!


Afarias
   - 17 mai 2005


Citação:
Qquem mandou votar na porcaria!


A ´porcaria´ ainda foi a *melhor* opção naquela ocasião (provavelmente ainda é hoje! -- basta olhar pro nosso cenário político atual)



T+


Edilcimar
   - 17 mai 2005

é a corrupção e a safadeza assolam em todas as partes e níveis


Tnaires
   - 18 mai 2005


Citação:
é a corrupção e a safadeza assolam em todas as partes e níveis

Por falar nisso... viram a reportagem d capa da Veja nova?


Tnaires
   - 18 mai 2005

Putz... não é a reportagem de capa, mas sim uma que fala das safadezas envolvendo deputados e a empresa de Correios.


Raserafim
   - 18 mai 2005

Mais uma vez não posso ficar calado, e vou responder a cada um que julgo merecer ser respondido:
- ao autor do texto Alessandro Eloy Braga
- ao colega Edilcimar
- e inclusive ao Presidente Lula

É Edilcimar, parece que somos mesmo acomodados, pois igual a você tem muitos, que lê textos escrito pelos outros e se acomodam em apenas passar a vista sem analisar o que o autor está tentando mostrar e que muitas vezes também é um acomodado tentando criticar algo específico com argumentos generalistas, pois tentou criticar o governo mas citou fatos histórico que vem se arrastando de muito tempo atrás, e comparações totalmente fora da realidade. E que se acomodou e nem re-leu o texto pra perceber sua própria incoerência no tempo: pois se ´...acreditamos que um operário, um homem saído do sofrimento mais rude da seca, um sindicalista, um ex-comunista, um nacionalista fosse fazer algo de significativo pelo país, provocar mudanças profundas nas estruturas políticas, econômicas e sociais...´ então naquele momento não podemos ser chamados de acomodados, pelo simples fato de termos tomado a atitude de fazer o que acreditávamos naquela fase. Você, Edilcimar, é um acomodado pois sempre coloca toda a culpa no governo e nas pessoas que o elegeram, se acomodou em achar que ele é uma ´porcaria´ e com isso não analisa os fatos para se posicionar, com isso nem percebe que não é a corrupção que está aumentando, mas sim o número de denúncias, prisões e flagrantes.


Sim, somos acomodados pois não estudamos e nem nos aprofundamos para nos beneficiar do recorde de postos de trabalho com carteira assinada gerados em 2004, e o mesmo parece estar acontecendo com o recorde de empregos gerados no mês de janeiro de 2005, tudo isso foi gerado pelo recorde do crescimento do PID de 2004, essa oportunidade não tínhamos deste 1992. Somos mesmo acomodados, pois estamos presenciando a melhora dos indicadores econômicos, os recordes atrás de recordes de crescimento da exportação, do crescimento da indústria siderúrgica, dos recordes de superávit da balança comercial que até 2002 estava dando negativa, que com isso vai ajudar a diminuir a relação dívida/PIB o que fará o nosso Brasil ter mais recursos para investir em infra-estrutura, o que pode melhorar ainda mais o nosso desempenho, e mesmo assim estamos mais uma vez acomodados, sem a coragem de aproveitar o aumento da disponibilidade de crédito para aproveitar essas oportunidades.

Somos acomodados pois vemos o seu governo liderar a campanha do software open-source, migrando a plataforma dos órgãos públicos para o Linux, fazendo declarações do tipo: ´Na gestão Lula, começamos uma política tecnológica que faz o Brasil quebrar o monopólio de fornecedores. Precisamos parar de comprar programas como compramos trigo ou qualquer outro produto. Software é tecnologia de informação e, portanto, deve ser considerado item estratégico para a nação´, e mesmo assim continuamos usando Windows e desenvolvendo para Windows. E nos acomodamos pois vimos você prolongando a isenção de impostos sobre o desenvolvimento de softwares para 2010. Mesmo vendo pronunciamento do seu governo como: ´Um país da magnitude do Brasil não pode se contentar em ser uma grande comunidade de usuários, temos de produzir nossos softwares´, continuamos acomodados sem produzir.

Somos acomodados pois, apesar de termos um salário baixo de R$ 300 e de sabemos que este foi o maior aumento dos últimos tempos, temos vários recursos que nos ampara como, por exemplo, previdência social, seguro desemprego, etc... e quando as mulheres ficam grávidas podem ficar em casa com licença maternidade recebendo o salário sem trabalhar. E agora a gente ainda ganha mais uma: nós homens ganhamos o mesmo direito, de ficar alguns dias ajudando a esposa. Ficamos acomodados pois vários desses países que tem um salário lá pelos R$ 4.000 não tem essas proteções. Mas neste aspecto, desculpa Lula, queremos e vamos continuar à ser chamados de acomodados.

Somos acomodados pois preferimos gastar o nosso pouco dinheiro para fazer exames de sangue em clínicas particulares, quando poderíamos ser mais econômicos e mais prestativos se fossemos doar sangue nos hospitais públicos, pois receberíamos esses exames de graça. Somos acomodados pois não usamos camisinha, apesar de toda a campanha que existe na ´acomodante TV´ e das camisinhas distribuídas nos postos de saúde. Também somos acomodados pois algumas vezes sofremos e morremos de AIDS, e deixamos o nosso bebê nascer infectado quando poderíamos usufruir de medicamentos como o Coquetel-Anti-AIDS distribuído gratuitamente pelo nosso Sistema Único de Saúde, que neste aspecto serve e é modelo para o mundo inteiro, e agora no seu governo triplicado o número de municípios atendidos. Ainda somos acomodados pois não cuidamos dos nossos dentes, e nem mesmo vamos atrás do programa odontológico ´Brasil Sorridente´ que o seu governo criou e que está atendendo mais de 47 milhões de brasileiros.

Somos acomodados, e realmente o somos. Ficamos acomodados quando falou-se em privatizações, e quando elas de fato foram se consumar acomodamos-nos e não fizemos o suficiente para evitar que este absurdo acorresse. Quando vivemos a paridade um Dólar igual a um Real, nos deixamos envolver com a empolgação e nos acomodamos em não procurar entender como é essa ´mágica´. E não era ´mágica´, e mais uma vez nos acomodamos em aceitar aquilo, vendo nossa balança comercial sempre deficitária, o nosso lastro indo embora, a crise chegando... a acomodação também chegou e votamos para a continuação de mais quatro anos de FHC. Chegou também a crise energética e ficamos acomodados vendo alguns especialistas falando da falta de estrutura. Quando a crise chegou não tinha outra saída: tínhamos que racionalizar, porém fomos obrigados a pagar o seguro apagão e mais uma vez nos acomodamos. Mas agora no seu mandato, Senhor Presidente Lula, parece que vamos nos acomodar mais uma vez pois não precisamos mais racionalizar a energia elétrica devido aos investimentos feitos pelo seu governo.

Sim, Senhor Presidente, somos acomodados pois nem precisamos espernear muito e já esta lá a diplomacia da nossa pátria Brasil defendendo os nossos interesses em organismos internacionais como a OMC, e mudando regras da ALCA fazendo ao nosso ritmo. Ficamos acomodados em ter reconhecidamente pelo mundo inteiro, historicamente uma das melhores diplomacias do mundo, e nos acomodamos com as suas constantes vitórias. Nem precisamos protestar muito e já estava lá você levantando a voz contra a invasão no Iraque, defendendo a causa palestina, ajudando Hugo Chaves e convidando Fidel Castro. Acho que estamos acomodados pois estamos sendo visto como grande, mas com a prestatividade dos ´acomodados´ pequenos, ao qual demos exemplo para o mundo resgatando dívidas e perdoando outras. Estamos ganhando uma liderança natural dentro dos países em desenvolvimento e inclusive com apoio para um acento na ONU, onde queremos nos acomodar.

Somos acomodados, queremos ser acomodados, queremos nos acomodar, e temos orgulho de ser acomodado no seio da Pátria amada Brasil!

ass: Rodrigo Albuquerque Serafim (raserafim@bol.com.br)


Chico Gois
   - 18 mai 2005

Graças a DEUS ano que vem acaba........ :roll:


Edilcimar
   - 19 mai 2005

Raserafim
Se somos acomodados é porque queremos, ou porque não podemos deixar de sê-lo até mesmo por tradição, como diz o ditado ´uma andorinha não faz verão´.
Você está errado ao dizer que só agora estão aparecendo as corrupções, não é bem assim, pois todas as corrupções que estão aparecendo o governo sempre tenta abafar, ou será que você já ouviu falar do retorno dos U$ 30 bi do Banestado? A Georgina já devolveu o dinheiro?
A tentativa ontem de defesa, por parte do governo, de inocentar os corruptos dos correiros, ou será que o Waldomiro já está atrás das grades?
Quanto ao Lula, não gosto dele não pelo fato do grau de instrução, mas pela falta de todo o resto, pois dinheiro para comprar avião, fazer turismo pelo mundo, etc, existe, porém para recuperar o salário dos funcionários públicos(eu não sou), aposentados, recuperação de estradas, saúde, etc, para isto não existe.
Por que será que para os ´colegas´ políticos sempre há dinheiro? Se não me falha a memória(afinal não sou advogado), existe uma lei sobre dilapidação do erário público! Onde estão os órgãos e pessoas que possuem a obrigação de denunciar e até mesmo prender estes safados?
Respondo, normalmente são cargos comissionados escolhidos por estes mesmos dirigentes, os quais fazem as leis para poderem continuar fazendo o mesmo(a escolha das chefias).
Se olharmos por este lado somos sim acomodados, porém qual a solução
a) matar os safados? R. de que adiantaria, colocariam outro no lugar
b) eleger pessoas sérias? R. estão não nos são apresentadas
c) provocar uma gerra civil? R. matariamos muitos inocentes e os culpados contnuariam vivos
d) desobediência civil onde ninguém pagaria imposto? R. impossível conscientizar toda a população
e) sair do país? R. ir para onde?
Você sabia que o Brasil poderia deter muitas patentes industriais e intelectuais mas não as detém devido a grande burocracia, tornando quase impossível a criação de patentes intelectuais? No entanto o governo facilita a saída de tudo para que cientistas de fora patenteiem coisas só existentes na região amazônica.
Quanto ao Fidel, creio que o Lula se acha o próprio e está tentanto instituir uma nova colônia canavieira aqui.
Somos uma grande nação, a qual infelizmente é governada por pessoas que só olham o próprio bucho em vez de olhar os interesses do povo, somos acomodados por não nos fornecerem políticos comprometidos com a nação ou por não deixarmos de votar?


Cristiam
   - 19 mai 2005

Raserafim,
Finalmente alguém postou algo no governo Lula que muitos esquecem o quanto ele está fazendo pelo Brasil.
Eu digo que sou acomodado sim, pois nem palavras decentes eu consigo escrever.
Mas mesmo assim dou parabéns a vc pelo excelente comentário que colocou. :wink:


Michaell
   - 19 mai 2005

Nunca denfendi político algum, pois no ´fim das contas´ todos são corruptos e demagogos. Seja ele Fernando Henrique Cardoso ou o próprio Lula, em questão.
Vivemos em uma ´democracia´, e como tal - pelo menos na teoria - o ´povo´ possui seu direito de reclamar e participar de decisões tomadas pelo Governo.
Bom, na minha opnião, Lula foi - e não foi a primeira e nem a última vez - bastante infeliz em suas colocações e discursos improvisados, sim. Não há o que discutir. Agora, todos sabem (ou pelo menos deveriam saber) que Lula nada mais é do que um ´fantoche´ na mão de seus assessores. Quem faz, fez ou deixa e deixou de fazer alguma coisa são os seus assessores. E outra, não podemos esquecer que em grande parcela, nós somos responsáveis pelo crescimento da Nação. Se milhões de empregos estão sendo gerados é porque novas empresas estão ´nascendo´. E quem foi que disse que é apenas o Governo que gera empregos?! Não podemos esquecer que as empresas privadas geram empregos, também.
Aí vemos o Governo na mídia: ´Crescimento de emprego no mandato de Lula...´. B.A.L.E.L.A.

[]´s


Beppe
   - 22 mai 2005


Citação:
Putz... não é a reportagem de capa, mas sim uma que fala das safadezas envolvendo deputados e a empresa de Correios.

Não era daquele deputado que disse que ia entender aquele dinheirinho como um ´agrado´?


Tnaires
   - 23 mai 2005


Citação:
Não era daquele deputado que disse que ia entender aquele dinheirinho como um ´agrado´?

Isso...
Tem um político daqui do RN envolvido, Fernando Bezerra. Esse cara já tem um histórico, mas sempre se safou. Quero ver como ele sai dessa agora.


Motta
   - 23 mai 2005

As democracias parecem ser mais corruptas pois apenas nelas se pode noticiar.

Nas ditaduras não se publica nada.

A proposito, acho bom uma CPI para a questão dos Correios.


Bruno Belchior
   - 23 mai 2005


Citação:
As democracias parecem ser mais corruptas pois apenas nelas se pode noticiar.

Nas ditaduras não se publica nada.

A proposito, acho bom uma CPI para a questão dos Correios.

Concordo com o colega em abrir uma CPI para a questão Correios, mas que dessa vez seja algo sério e que realmente haja punição para os culpados. Apesar de tudo como o colega afarias comentou esse ´porcaria´ em quem votei (votamos) era o melhor que tinhamos na época e é quase unanimidade que ainda, seja digamos assim a opção menos ruim das próximas eleições... é uma pena o povo brasileiro reeleger um homem como color, e o que é pior a justiça permitir isso, como no caso garotinho, duvido muito que em pouco tempo com discursos demagogos não volte a um cargo alto no próprio Rio...


Rm
   - 26 mai 2005

Todos que acompanharam a viagem do Lula à Coréia do Sul devem ter ouvido falar do sistema de ensino, lá instalado, que produziu uma revolução cultural com conseqüências econômicas transformando o país em uma potência especialmente em TI.
Como foi possível? Será que ninguém no Brasil sabe como fazer o mesmo?

Foi possível pois os EUA precisavam fortalecer a Coréia do Sul para fazer frente política na região em contraponto à inimiga Coréia do Norte.

Eles como os daqui sabem como fazer,a diferença é que lá foi permitido.

Será que nunca vamos compreender a estrutura política mundial e o papel de nossos políticos (seja de que sigla,tendência,etc) nela?

Só os que concordam com esta estrutura chegam ao ´poder´.