InterBase 7.5 – uma prévia do que vem por aí

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

Veja neste artigo um pouco do que o InterBase trás de novidades e nela vem um pouco de Brasil, alguns dos novos recursos do InterBase Performance Monitor foram desenvolvidos por mim em conjunto com Craig Stuntz o idealizador desta fantástica ferramenta.

Olá pessoal,

Caros internautas do SQL Magazine, na BorCon USA 2004 foi apresentado por Charlie Caro uma prévia do que teremos no InterBase 7.5.

Neste artigo vocês saberão um pouco do que o InterBase trás de novidades e nela vem um pouco de Brasil, alguns dos novos recursos do InterBase Performance Monitor foram desenvolvidos por mim em conjunto com Craig Stuntz o idealizador desta fantástica ferramenta.

Quando será lançado?
Será lançado quando o Diamondback estiver pronto.

O que é Diamondback?
É a nova versão do Delphi 9 que terá a versão do InterBase 7.5 Developer Edition.

Novos recursos do InterBase 7.5

• Funcionalidade SQL

  • Global temporary tables – traduzindo para o bom português são tabelas temporárias que poderão ser criadas no banco de dados e ao final da transação ou conexão poderão deletar ou comitar os dados, estas tabelas poderão ser indexadas, mas não poderão ter relacionamentos(constraints) com outras tabelas, o padrão SQL não prevê esta funcionalidade.
  • CASE, COALESCE, NULLIF.

• Performance SQL

  • O algoritmo de gerenciamento de memória foi alterado para explorar melhor toda a arquitetura do servidor, conseqüentemente o suporte SMP terá benefícios.
  • Reclaimed Memory, este recurso permite intervenções via linha de comando e Performance Monitor no gerenciamento de memória to servidor. Clone de Stored procedure, querys internas podem requisitar este recurso por um intervalo de tempo ou a qualquer hora, por default isso irá ocorrer a cada 5 minutos ou através de linha de comando, este tempo pode ser alterado.
  • Alocação de Sort buffer foi otimizador para reduzir páginas com falhas.
  • O limite máximo do Page size foi aumentado pára 16K, o page buffer foi aumentado para 131,000 – isso permite o endereçamento de 2GB de memória para o processo do InterBase. Este valor máximo não quer dizer que o InterBase use apenas 2GB de memória.
  • O tamanho do Page cache irá aumentar dinamicamente de acordo com as solicitações do cliente.
  • Estratégias de I/O: Duas novas alternativas para forced writes ou asynchronous writes:
    • Asynchronous writes com flush periódico – O InterBase garante a gravação dos dados em cache toda vez que for efetuada uma solicitação, esta pode ser disparada por trigger, manualmente ou agendada. As páginas são gravadas na ordem que traga melhor performance ao servidor, esta gravação é efetuada por ume thread interna do InterBase.
    • "Group commit" – garante que todas as transações marcadas como Commit sejam gravadas em disco.
  • Database linger – previne que o Server altere a memória cache a cada conexão e desconexão, isso é muito bom para aplicações web, situação em que é freqüente esta ocorrência. Pode ser configurado através de um intervalo de tempo. Permite também que o garbage collection ou o sweep continuem processando.

• Performance no Server - SMP

  • Melhoria no Atom synchronization – impede interrupção excessiva de threads que ocorrem com uma freqüência muito alta, isso significa que o InterBase irá usar o máximo de CPU.
  • Aumento de performance SMP na troca de páginas reduzindo a necessidade de sincronização de threads, com isso processos e querys muito longas terão aumento de 100% a 300% de performance; o processo de sweep poderá ser 3 vezes mais rápido.
  • JDBC driver – suporte a savepoints e melhorias de performance em conexões remotas.

• Segurança

  • Embedded user authentication (EUA) – no bom português poderíamos falar o seguinte, autenticação de usuário por banco de dados, ou seja, usando este recurso ao copiar o banco de dados para outro servidor só terá acesso ao mesmo quem tiver a senha do banco de dados, pois a mesma fica gravada no seu “.GDB” ou “.IB” e não mais no admin.ib. Será permite as duas formas de autenticação, por servidor ou por banco de dados ficando a critério de cada um qual irá usar.

• Distribuição

  • Em um mesmo servidor poderá ser instalada várias versões de InterBase ou apenas um Server.

• Facilidade de utilização

  • Alias de DB no servidor. Serão definidos no admin.ib na tabelas DB_ALIAS.

• InterBase Performance Monitor

  • InterBase 7.5 implementa 3 novas funcionalidades para manutenção do servidor através de um simples UPDATE na tabela TMP$DATABASE, com a nova versão do performance monitor você poderá:
    • Gravação dos dados em cachê no disco
    • Efetuar o Reclaim memory para compactar o uso do heap e descartar as procedure e triggers clonadas.
    • Inicializar o processo de SWEEP;

Foram efetuadas também diversas novas funcionalidades na interface gráfica do InterBase Performance Monitor, como:

    • Customização de colunas
    • Gravação do layout de apresentação das informações
    • Exportação dos dados para diversos formatos e muito mais...

Isso é um pouco do que teremos na próxima versão, em breve taremos todos os detalhes.

Abraços e até aproxima.

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?