JRuby – Java, Ruby, Eclipse e RDT – Parte II

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (1)  (0)

Instalação e configuração de um ambiente e os primeiros passos para desenvolvimento com JRuby

JRuby – Java, Ruby, Eclipse e RDT – Parte II

 

Instalação e configuração de um ambiente e os primeiros passos para desenvolvimento com JRuby

 

Marcelo Henrique da Silva e Marcos Alberto Lopes da Silva

 

Testando a instalação

Para verificar se as configurações estão corretas, no prompt de comando é só executar os seguintes comandos:

·         Para testar a configuração do Java: javac –version

·         Para testar a configuração do JRuby: jruby –v

 

Cada comando deve exibir informações sobre a versão instalada do Java e do JRuby respectivamente. Caso isto não aconteça, revise os procedimentos de instalação e configuração descritos anteriormente. Lembrando que se você já estava com o prompt aberto antes de configurar as variáveis de ambiente é necessário fechá-lo e abri-lo novamente.

 

Vamos demonstrar o funcionamento do JRuby criando um script Ruby bem simples que demonstra uma de suas principais características: tudo em Ruby é um objeto. O script (teste_instalacao.rb) possui apenas duas linhas, como pode ser visto abaixo:

 

variavel_inteira = 10

puts variavel_inteira.methods

 

A primeira linha apenas atribui o valor inteiro “10” na variável “variavel_inteira”. A segunda linha utiliza o método puts para imprimir o resultado da chamada ao método “methods” do objeto inteiro referenciado pela variável “variavel_inteira”. Neste exemplo o método “methods” retorna todos os métodos da classe int. Pode parecer estranho quando comparado a outras linguagens, em que int é um tipo primitivo, mas em Ruby tudo é objeto.

 

Para executar o script, na pasta onde ele foi salvo, basta executar o comando jruby teste_instalacao.rb. A Figura 1: Tudo em Ruby é objeto, mostra o exemplo de execução pelo JRuby do script teste_instacao.rb (considerando que este tenha sido salvo na pasta c:\teste_jruby). A mesma figura mostra uma parte do resultado gerado pelo script, ou seja, alguns dos métodos da classe int tais como id2name, abs, etc.

 

mhsjrubyfig01.jpg

Figura 1. Tudo em Ruby é objeto

 

Instalando o JRuby on Rails

A instalação do JRuby on Rails é semelhante à instalação do Rails para Ruby. Utilizaremos o RubyGem para realizar esta tarefa. RubyGem é uma ferramenta que já vem junto com o pacote do Ruby/JRuby para instalação e atualização de bibliotecas. É algo semelhante ao apt-get do Kurumin. O comando utiliza a conexão de internet para buscar e instalar os componentes. Para instalar o Rails, basta executar o comando a seguir:

 

%> gem install rails –y --ri –rdoc

 

Onde:

gem install: comando para instalar novas bibliotecas

rails: nome do gem (biblioteca que queremos instalar)

-y: opção para instalar as dependências automaticamente

--ri e --rdoc: opção para instalar a documentação.

 

O Rails necessita de um RubyGem chamado Rake (Ruby Make) que é similar ao make (bastante utilizado no linux). Como definido por Martin Fowler em http://www.martinfowler.com/articles/rake.html: “Rake is a build language, similar in purpose to make and ant”. A tradução seria algo como: Rake é uma linguagem de construção com objetivo similar às ferramentas make e ant. Utilizaremos o mesmo comando para instalar o Rake:

 

%> gem install rake –y --ri –rdoc

 

Vamos instalar também o servidor Mongrel, que é um servidor web tal como o Apache, porém bem mais leve e simples, e que suporta Ruby. O servidor é ideal para testar as aplicações. Para instalar o Mongrel utilize o comando a seguir:

 

%> gem install mongrel

 

Surgirá uma lista de opções para instalação. Utilizaremos a opção mswin32.

Provavelmente haverá dependências a serem instaladas. O próprio processo de instalação irá identificar e perguntar se queremos instalar as dependências. Basta ir confirmando até o término do processo. Com isso o JRuby on Rails está instalado. É hora de testar para ver se tudo está funcionando corretamente. Mas antes criaremos uma pasta onde guardaremos nossos projetos:

 

Criaremos a pasta projetos_ruby no diretório c:\. Assim teremos a estrutura: c:\projetos_ruby. Dentro desta pasta recém criada rodaremos o comando: jruby pasta_home_jruby/bin/rails nome_aplicacao_a_ser_criada.

 

Por exemplo, vamos criar uma aplicação chamada testeJruby:

 

%> jruby \jruby\bin\rails testeJruby

 

Este comando cria toda a estrutura do projeto. Entre na pasta testeJruby e verifique o que foi criado. Figura 2: Estrutura de pastas criada pelo Rails, ilustra a estrutura criada.

 

mhsjrubyfig02.jpg

Figura 2. Estrutura de pastas criada pelo Rails

 

Para verificar no browser o projeto recém criado, dentro da pasta do projeto (c:\projetos_jruby\testeJruby), devemos executar o seguinte comando para inicializar o servidor web Webrick (este servidor também já vem na instalação padrão do Ruby/JRuby):

 

%> jruby script\server

 

Após executado com sucesso, o comando exibe algumas informações dentre elas a porta utilizada pelo Webrick. Geralmente a porta padrão é a 3000.

 

Sendo assim para acessar o sistema recém criado, no browser devemos entrar no endereço http://localhost:3000. Acessando este endereço obtém-se a página do projeto criado. Nela é possível ver informações sobre o ambiente JRuby e os próximos passos pra continuar o desenvolvimento da aplicação conforme ilustra a Figura 3: Página do projeto.

 

mhsjrubyfig03.jpg

Figura 3. Página do projeto

 

Instalação completa! Mas não é muito produtivo ficar digitando comandos no prompt, então vamos utilizar uma IDE para facilitar as coisas. Utilizaremos o Eclipse com o plugin RDT para nos auxiliar.

 

Links

http://java.sun.com/

Java

http://www.ruby-lang.org/en/downloads/

Ruby – Linguagem Ruby

http://www.eustaquiorangel.com/files

Tutorial de Ruby – Tutorial sobre a linguagem Ruby

http://kb.reflectivesurface.com/br/tutoriais/railsDiversaoLucro/

Rails para sua Diversão e Lucro – Tutorial sobre Ruby on Rails

http://hacketyhack.net/

Hackety Hack – Kit para aprendizagem de Ruby para quem nunca programou

http://sitekreator.com/satishtalim/java_to_ruby.html

Java to Ruby - Comparativo entre Java e Ruby

http://jruby.codehaus.org/

JRuby – Site oficial

http://dist.codehaus.org/jruby/

JRuby – Arquivos para download

http://java.sun.com/developer/technicalArticles/scripting/jruby/

JRuby and the Java Platform – Artigo sobre JRuby

http://www.martinfowler.com/articles/rake.html

Using the Rake Build Language – Artigo sobre Rake

http://www.eclipse.org/downloads/

Eclipse – Site oficial da IDE Eclipse

http://rubyeclipse.sourceforge.net/

Plugin Ruby Development Tools - Plugin RDT para Eclipse

http://www-128.ibm.com/developerworks/opensource/library/os-rubyeclipse/

Using the Ruby Development Tools plug-in for Eclipse - Configuração do RDT no Eclipse

http://www.napcs.com/howto/railsonwindows.html

Setting up a Rails Development Environment on Windows Using Eclipse - Configuração do RDT no Eclipse

https://scripting.dev.java.net/

Scripting - JSR Scripting

 

Leia também

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?