MySQL Administrator

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (18)  (1)

Veja neste artigo como instalar e usar o MySQl Administrator no ambiente Windows.

 

Este artigo mostra como instalar e usar o MySql Administrator no ambiente Windows.

 

O MySql Adminstrator é uma ferramenta gráfica usada para fazer operações administrativas como, configurar, monitorar, parar e iniciar o serviço do Mysql, gerenciar conexões e usuários, fazer backup, dentre outras funções administrativas.

 

A maioria das funções executadas pelo MySql Administrator, podem ser executadas através de linha de comando usando os clientes mysqladmin e mysql. Porém usando o MySql Administrator você tem algumas vantagens como: Interface gráfica que é mais intuitiva, Você consegue ter uma visão geral das configurações importantes sobre performance, confiabilidade e segurança e tem indicadores gráficos e fáceis de interpretar facilitando a configuração do servidor.

 

Você encontra o MySql Administrator no link: http://dev.mysql.com/downloads//gui-tools/5.0.html , dentro de um pacote de ferramentas com o nome mysql-gui-tools-versão-win32.msi (versão indica a versão atual do pacote). Você deverá escolher o pacote conforme o Sistema Operacional: Windows, Linux ou Mac.

 

Como disse anteriormente, vou abordar a instalação MySql Administrator no Windows, que pode ser instalado no Windows 2000, XP, 2003 ou superior, não pode ser instalado no Windows NT 4 ou  inferior. 

 

O MySql GUI Tools vem num pacote de instalação para Windows (.msi) que usa o Windows Installer, sendo assim será necessário ter a versão mais recente do Windows installer que pode ser obtido no link: http://download.microsoft.com/download/WindowsInstaller/Install/2.0/NT45/EN-US/InstMsiW.exe .

 

A Instalação do pacote é simples, você pode clicar com o botão direito do mouse e escolher instalar ou dar um duplo no arquivo baixado (mysql-gui-tools-5.0-r12-win32.msi foi a instalação usada para o artigo), caso esteja instalando o pacote no Windows XP com SP 2 poderá  aparecerá uma tela de diálogo do firewall do Win XP, questionando sobre a execução no aplicativo, você deve escolher executar.

 

Aparecerá à tela de boas vindas com as instruções de instalação em Inglês, então clique em Next.

 

O Instalador irá mostrar o os termos de licença de uso, você deve escolher a opção:

 

         I accept terms in the licese agreement (Aceito os termos de da licença de uso).

 

Em seguida clicar em Next.

 

Na próxima tela você poderá alterar a pasta padrão de instalação do pacote clicando no botão Change no canto superior direito, escolhe a nova pasta de destino e clica em Next, ou clique diretamente no Next para manter a pasta padrão.

 

Na tela seguinte você terá as opções de instalação que são: Complete (completa) todas as ferramentas do pacote serão instaladas e Custom (customizável), onde você pode escolher quais ferramentas você irá instalar, suporte a outras línguas, componentes comuns ou alterar a pasta de instalação da (s) ferramenta (s). Mesmo escolhendo a opção Custom, todos os itens vêm marcados como padrão para a instalação. Veja na figura abaixo.

 

19-10-2007pic01.JPG 

 

Para desmarcar um item você deve clicar na seta da figura 19-10-2007pic02.JPG onde aparecera um menu de opções:


19-10-2007pic03.JPG
 

Basicamente usaremos apenas a primeira opção e a última opção, mas farei uma breve descrição de todas elas.

 

19-10-2007pic04.JPG 

 

Após escolha das ferramentas a serem instaladas Clique em Next, aparecerá uma tela informando o tipo de instalação escolhido e a pasta onde serão instaladas as ferramentas, então clique em Install.

 

Será apresentada uma tela com o status da instalação e após o término da instalação será apresentada uma tela com a oferta da assinatura Enterprise do MySql; clique em Next , aparecerá uma outra tela sobre produtos MySql, clique em Next e por fim Finish. Resumindo, após clicar no Install clique next, next e finish.

 

O MySql Administrator já está instalado, agora é só usar. Você deverá acessar o MySql Administrator pelo menu iniciar do Windows, pois o instalador não cria o ícone na área de trabalho, então vamos lá, clique no menu iniciar, Programas , MySql e finalmente MySql Administrator.

Aparecerá então a tela para fazer conexão com o banco conforme a figura abaixo.

 

19-10-2007pic05.JPG 


Nessa tela será criada uma conexão que ficará armazena localmente para facilitar futuras conexões com o banco de dados.

 

Stored Connection: Local onde você deverá dar um nome para a conexão que será criada.


Server Host:
Você deverá colocar o Nome ou IP do Servidor onde se encontra o MySql, no caso acima está sendo usado um Servidor Local.


Port:
Porta de conexão usada pelo MySql, o padrão é a porta 3306, mas esta poderá se alterada no momento da instalação do MySql.


Username:
Nome do usuário que vai se conectar ao banco de dados. No caso acima foi usado como exemplo o administrador padrão do MySql, somente a título de demonstração, pois o usuário root não dever ser  usado em produção e deve ter uma senha com mais e 12 caracteres, incluindo letras e números.


Password:
Senha do usuário.

 

Existe ainda um botão com três pontos onde você poderá criar outras conexões, essa opção é muito útil principalmente quando você trabalha com vários servidores e precisa monitorá-los constantemente.

 

Após a conexão será mostrada a tela inicial do MySql Administrator, que é dividida em dois painéis. No painel da esquerda tem um menu com as opções de configurações e de Status, o painel da direita é onde são feitas as configurações e onde são apresentados os status do banco conforme a opção selecionada no menu da esquerda. E tem ainda um menu que fica acima dos dois painéis.

 

Por padrão, sempre que você se conectar ao banco com o MySql Administrator, será apresentado no menu da esquerda a opção Server Information selecionada e consequentemente no painel da direita serão apresentados as informações sobre o Servidor, sobre o banco e sobre a estação que está acessando banco. Veja Figura abaixo:


19-10-2007pic06.JPG 

 

No Painel da Direita ou área de trabalho podemos ver Server Status (se o servidor está “rodando” ou está parado). É  estranho porque uma vez parado não conseguiremos conectar no banco, mas veremos com mais detalhes à frente que podemos parar e iniciar o MySql através do MySql Administrator, por isso a apresentação do Status.

 

No primeiro grupo temos os dados da conexão com a instancia do Mysql, que são: usuário, host e porta.

 

No segundo grupo estão às informações referentes ao servidor, que são: Versão do MySql, Nome do servidor e IP de conexão com o servidor. Como se trata de uma conexão local o nome do servidor é localhost e Ip são locais.

 

No terceiro grupo veremos as informações do cliente, ou seja a configurações da máquina que fez a conexão com o MySql, que são: Versão do Client, Nome da Máquina na rede, IP do client, Sistema operacional usado no Client e a configuração física da máquina ou do Hardware. 

 

No painel da esquerda temos outras opções, vou fazer uma breve explicação de cada uma delas para depois detalhar para vocês.

 

Service Control: Controle do Serviço MySql, nesta opção de menu poderemos iniciar ou para o serviço e fazer configurações de como o MySql deve ser iniciado, local do arquivo de configuração dentre outros.

 

Startup Variables: Esta é a opção onde faremos a maior parte do das configurações e parametrizações do Servidor do MySql como: parâmetros gerais, parâmetros para uso de tabelas MyIsam, parâmetros para tabelas InnoDb, performance, arquivos de log, replicação, configurações avançadas, segurança e administração.

 

User administrator: Onde fazemos a administração de usuários, como incluir, alterar excluir etc...

 

Server Conections: Com esta opção veremos quais usuários estão conectados no servidor MySql,  o qual instrução está sendo executada o tempo consumido por esta instrução.

 

Health: Esta opção está relacionada ao desempenho, aqui você poderá verificar através de gráficos o desempenho da conexão, tráfego, o quanto a query está consumindo de memória e o status de muitas variáveis.

 

Server Log: Poderemos ver o conteúdo de alguns arquivos de log, desde que os logs sejam ativados.

 

Replication Status: Mostrará o status da replicação no servidor conectado conforme o tipo server ou host.

 

Backup: Permite criar uma rotina de backup, executar o backup e agendar o backup conforme as opções disponíveis.

 

Restore: Opção que permite você restaurar um backup e visualizar o conteúdo do backup a ser restaurado.

 

Catalogs: Selecionando esta opção, o painel da esquerda se dividirá ao meio na posição horizontal e apresentará na parte inferior o Schemas (ou bancos), disponíveis naquela instancia do MySql. No painel da direita (área de trabalho) serão mostrados os detalhes do Schemas, como tabelas, índices, visões (views) e procedimentos armazenados (stored Procedures).

Antes de detalhar as opções acima, vamos ver o que temos no menu superior que também serão detalhadas mais à frente:

 

File: Neste menu temos as opções de conectar numa nova instancia, reconectar na instancia atual (no caos de uma perda de conexão), copiar o conteúdo da área de trabalho (painel da direita) como texto e fechar o MySql Administrator.

 

Edit: Permite a você Selecionar, Recortar, Copiar e Colar.

 

Views: O Conteúdo deste menu é idêntico ao menu do painel esquerdo.

 

Tools: Neste menu poderemos ter acesso a outros aplicativos MySql, o MySql Query Browser, MySql Comand Line, o MySql System Tray Monitor, o Windows Command Line (Prompt), Manage Connection, Save Currrent Connection e Options referents ao Manage Connections.

 

Windows: Nos dará a opção de navegar entre as janelas, ou melhor entre os aplicativos acessados no menu Tools.

 

MySql Enterprise: É um menu para acessarmos os serviços referentes ao MySql Enterprise, que são Home, Software, Knowledge Base, Update Service, Monitoring Service e Technical Support.

 

Help: É o menu de ajuda, que tem o Help, Launch MySql.com Web site, List reported Bugs, Report a new Bug to MySql e About.

 

 

Este é o primeiro de uma série de artigos sobre o Mysql Administrator, espero que gostem do conteúdo. Iniciei com um artigo bem básico para dar oportunidade a quem está começando “se entender” com o MySql, no entanto iremos aprofundando mais à medida que formos falando sobre o detalhes de cada parte do menu.

Até o próximo artigo.

 

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?