MySQL: Modelando um Sistema de Reserva de Carros

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

Este artigo descreve o projeto de um banco de dados para um sistema de locação de carros, apresentando um roteiro que poderia ser seguido para construção de banco de dados a partir de sua especificação até a sua implementação em um SGBD.

Atenção: esse artigo tem uma palestra complementar. Clique e assista!

Atenção: esse artigo tem um vídeo complementar. Clique e assista!

[lead]De que se trata o artigo:

Este artigo descreve o projeto de um banco de dados para um sistema de locação de carros, apresentando um roteiro que poderia ser seguido para construção de banco de dados a partir de sua especificação até a sua implementação em um SGBD.

Para que serve:

Auxiliaria projetistas de banco de dados que possuem a necessidade de modelar e projetar bancos de dados para sistemas de informação, pois apresenta um roteiro que apoiaria em tal tarefa.

Em que situação o tema é útil:

Banco de dados é um elemento essencial em qualquer sistema orientado a informações. Dessa forma, sua modelagem e projeto se torna uma atividade essencial para atingir qualidade e sucesso na aplicação a ser desenvolvida. [/lead]

Imagine uma situação onde uma empresa deseja divulgar uma super promoção aos seus clientes. Como saber quais seriam seus clientes e como acessá-los? Ter um caderno contendo o nome, telefone e email é algo impraticável nos dias atuais. Em um segundo exemplo, imagine que uma organização deseja ter o controle de todo o seu estoque e deseja saber quando um produto bastante vendido pela loja está em falta, ou melhor, como prevenir a ausência total deste produto em estoque? Imaginar que a organização contrataria um funcionário apenas para manter esse controle contando os produtos ainda em seu depósito é custoso não apenas financeiramente, mas também levaria um custo de tempo muito grande.

No desenvolvimento de qualquer sistema computacional orientado a informação, ou simplesmente Sistemas de Informação, o banco de dados possui papel essencial para seu funcionamento e sua qualidade. Normalmente, as principais transações que seriam o carro-chefe de uma organização são processadas e armazenadas em bancos de dados, de forma que estes podem conter boa parte da vida de uma determinada organização.

Neste artigo, trataremos de uma das etapas iniciais do processo de construção de um sistema de informação: a modelagem, projeto e construção do banco de dados de um sistema de informação. Usaremos um estudo de caso de um sistema de uma locadora de carros, que deseja gerenciar as informações sobre seu patrimônio (carros), clientes e reservas. Partiremos da descrição do problema em linguagem natural até a construção do banco de dados utilizando o SGBD MySQL.

[subtitulo]Modelagem de Dados [/subtitulo]

Modelagem de dados é um método usado para definir e analisar requisitos de dados necessários para apoiar o processo de negócio de uma organização. Os requisitos de dados são registrados como um modelo de dados conceitual com definições dos dados e seus tipos. A implementação real de um modelo conceitual é chamada de modelo de dados lógico. Implementar um modelo de dados conceitual pode requerer vários modelos de dados lógicos. Por fim, os modelos lógicos são transformados em modelos físicos, representados em alguma linguagem ou banco de dados. A modelagem de dados define não apenas seus elementos, mas sua estrutura e seus relacionamentos. A modelagem de dados pode ser realizada em vários tipos de projetos e em diversas fases do projeto. Modelos de dados são progressivos; não existe um modelo final para uma aplicação.

[subtitulo]Modelo Conceitual [/subtitulo]

Um modelo mental captura ideias em um domínio de problema, enquanto que um modelo conceitual representa “conceitos” (entidades) e seus relacionamentos em um alto nível de abstração.

O modelo conceitual deve ser definido independentemente dos detalhes de implementação, e seu objetivo é expressar o significado dos termos e conceitos usados por especialistas do domínio para que possamos discutir um problema, e encontrar o relacionamento correto entre os diferentes conceitos.

Entre as principais características de um modelo conceitual, podemos citar:

• Ele inclui as entidades importantes que compõem o problema a ser tratado e o relacionamento entre elas.

• Não há a necessidade de especificar os atributos das entidades e nem dos relacionamentos.

• Nenhuma chave primária é especificada.

Um modelo conceitual pode ser descrito usando várias notações, dentre as principais podemos citar a UML. Na linguagem UML, o modelo conceitual é normalmente descrito através de um Diagrama de Classes, no qual as classes representam os conceitos e associações representam os relacionamentos entre os conceitos. Na notação de Modelo de Entidade-Relacionamento (ER) (ler Nota "

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?