O IDE Eclipse - Revista easy Java Magazine 23 - Parte 3

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

O artigo aborda a criação passo a passo de uma pequena aplicação GUI usando recursos do IDE estudados anteriormente e da extensão WindowBuilder. O desenvolvimento é feito usando o GroupLayout, gerenciador criado para ser usado com os editores de GUI.

Do que se trata o artigo:

O artigo aborda a criação passo a passo de uma pequena aplicação GUI usando recursos do IDE estudados anteriormente e da extensão WindowBuilder. O desenvolvimento é feito usando o GroupLayout, gerenciador criado para ser usado com os editores de GUI.

Em que situação o tema é útil:

A implementação de sistemas em Java, que devem rodar em várias plataformas e ambientes, necessita principalmente do conhecimento e utilização de gerenciadores de layout. Dessa forma, o tema é fundamental para quem precisa criar aplicações com GUI, utilizando um editor que facilita o desenho e ainda permite fazer modificações no código sem comprometer o comportamento da interface.

O IDE Eclipse – Parte 3:

Com este artigo encerramos a série dedicada ao Eclipse mostrando a criação de uma aplicação Swing simples e funcional, onde são aplicados recursos do WindowBuilderplug-in desenvolvido pelo Google. É dado destaque à utilização do GroupLayout, que, como poderá ser comprovado, é um gerenciador de layout que torna o esforço gasto no desenho das interfaces gráficas bem mais leve. Além disso, são apresentadas as diversas maneiras de criar os manipuladores de eventos e, principalmente, é demonstrado que o WindowBuilder é uma ferramenta de duas vias, onde o desenvolvedor pode alterar livremente o código gerado, com a certeza de que isso se refletirá na aparência e comportamento da interface.

Nas duas partes iniciais desta série de artigos, foram introduzidos os elementos que permitem customizar o ambiente do Eclipse e as muitas maneiras de adicionar novas funcionalidades através da instalação de plugins. Além disso, logo no início, procuramos oferecer ao leitor o conhecimento básico para que ele pudesse de imediato começar a usar a ferramenta e desenvolver suas primeiras aplicações usando Java.

Dando continuidade à nossa matéria, nesta parte iremos apresentar o WindowBuilder, uma ferramenta desenvolvida pelo Google que tem a finalidade de facilitar a criação de aplicações com Interface Gráfica do Usuário (GUI) Java.

Com o surgimento dos ambientes com interface gráfica, um requisito tornou-se fundamental para o sucesso de uma aplicação – a usabilidade. A GUI não precisa apenas ter um visual agradável, mas também deve facilitar o trabalho do usuário. Principalmente, a interface gráfica de um programa deve considerar a experiência do usuário. Ou seja, deve levar em conta que o usuário já utiliza outros aplicativos e que alguns paradigmas foram criados, tais como a disposição das opções Copiar e Colar no menu Editar. Qualquer mudança em relação a isso pode prejudicar a utilização de uma aplicação. Por isso é tão importante o cuidado com a definição de uma boa interface gráfica e o aprendizado de ferramentas que facilitam esse trabalho, tais como o WindowBuilder.

O WindowBuilder foi criado como um plug-in do Eclipse, cuja instalação foi mostrada no artigo “O IDE Eclipse – Parte 2” na Easy Java Magazine nº 21. No entanto, mesmo que você já o tenha instalado, é aconselhável sempre verificar se há atualizações para o pacote. Para fazer isso, acesse o item de menu Help | Check for Updates. Se houver algo a ser atualizado, uma caixa de diálogo será apresentada e o usuário precisará selecionar os componentes desejados. Após isso você pressiona o botão Next e em seguida Finish. Pode ser necessário reiniciar o IDE após a atualização.

Interface do Usuário

A fim de nos familiarizarmos com o ambiente do WindowBuilder, vamos criar um novo projeto. Para isso, selecione o menu File | New > Java Project. Na caixa de texto Project name informe “Teste” e pressione o botão Finish. Agora expanda o projeto “Teste” na view Package Explorer. Clique com o botão direito do mouse sobre a pasta src e escolha New > Other. Veja na Figura 1 a caixa de diálogo que será executada.

Antes de prosseguir com a criação da aplicação, é necessário saber que o Swing oferece três contêineres de alto nível – JFrame, JDialog e JApplet. JFrame é uma janela com título e borda, adequada para a tela principal de uma aplicação, JApplet é uma janela para aplicações que executam no navegador web e JDialog é usada para apresentar mensagens de erro, alertas ou de informação. Como neste exemplo queremos criar a janela principal da aplicação, usaremos JFrame.

Dessa forma, na janela mostrada na "

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?