Guia Requisitos, Modelagem e UML

SOA com SoaML: Análise e modelagem de serviços

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (1)

Na fase de análise e modelagem de um sistema é recomendado como boa prática o uso de uma linguagem de modelagem de software.

De que se trata o artigo?

Na fase de análise e modelagem de um sistema é recomendado como boa prática o uso de uma linguagem de modelagem de software. Pode-se dizer com segurança que hoje a linguagem mais utilizada na modelagem de sistemas orientados a objetos é a UML (Unified Modeling Language). Uma característica importante suportada pela linguagem UML é que ela permite criar extensões de sua linguagem, essas extensões são conhecidas como profile.

No ambiente que exige uma análise de sistemas orientados a serviços, como SOA, por exemplo, se faz necessário o uso de um profile que contenha estereótipos que permitam a especificação de serviços. Para isso, esse artigo apresenta uma proposta da OMG (Objetc Management Group) para atender a esta necessidade, a linguagem de modelagem SoaML.


Em que situação o tema é útil?

A integração e troca de informações entre sistemas sempre foi um grande desafio para a equipe de desenvolvimento de software. Suponhamos um cenário no qual uma empresa trabalhe com diferentes parceiros, tais como: transportadoras, publicidade, bancos, entre outros, porém todos de maneira independente e que desejam trocar informações online sem a necessidade de reprojetar seus processos de negócio. Este é o cenário perfeito para o uso de uma arquitetura orientada a serviços, o SOA pode proporcionar a esse domínio um ambiente de negócio aberto e ágil. Para isso, o SoaML oferece o suporte para uma modelagem de serviços e uma melhor visão do escopo do projeto.

Resumo DevMan:

A UML não oferece suporte direto à modelagem de serviços baseado em SOA. Dessa forma, o uso de extensões UML é extremamente necessário para especificar as informações inerentes a um serviço. Estas extensões da linguagem UML são conhecidas como profile. Os profiles oferecem estereótipos específicos para representação de artefatos com semânticas e características fundamentais para representação de diferentes objetos, tais como: serviços, provedores, consumidores, troca de mensagens entre serviços e etc. Com isso, este artigo apresenta o SoaML proposto pela OMG, que pretende que este se torne um padrão de especificação de artefatos em SOA.

Os modelos existentes para modelagem de serviços e arquiteturas de sistemas mostraram-se insuficientes para descrever SOA de forma precisa e padronizada. Em geral, alguns profiles UML foram propostos para atender e apoiar as necessidades do SOA, essas propostas surgiram tanto no meio acadêmico, quanto no meio empresarial, como foi o caso da OMG em 2009.

Neste artigo vamos conhecer e destacar a proposta apoiada pela OMG que, embora ainda esteja na sua versão beta e em fase de refinamento de suas especificações, tende a se tornar um padrão para a modelagem de sistemas orientados a serviços e o padrão de especificação de artefatos baseado em SOA. Este profile já pode ser utilizado e está disponível para avaliação na ferramenta ModelPro

O SoaML (Service Modeling Language Oriented Architecture) fornece um modelo de profile UML para a especificação e concepção de serviços dentro de uma arquitetura orientada a serviços. O SoaML foi criado para atender as exigências da UPMS (UML Profile and Metamodel for Services). O SoaML foi desenvolvido para apoiar a capacidade de modelagem de serviços e oferecer suporte a novos recursos, como:

· Serviços de identificação: descreve as necessidades prescritas nos requisitos e suas dependências.

· Especificação dos serviços: detalhe do serviço desde funcionalidades como necessidades requeridas para se consumir os serviços.

· Consumidores e provedores: descreve todo o conceito que envolve o processo de consumir e fornecer serviço, desde como estão conectados até quais são os protocolos, especificações e exigências do serviço.

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?