Trabalhando com Chart Controls - Revista easy .net Magazine 29

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (3)  (0)

Este artigo apresenta os conceitos relacionados aos gráficos, onde inicialmente serão exibidos os tipos mais utilizados e suas aplicabilidades.

Artigo do tipo Tutorial
Recursos especiais neste artigo:
Contém nota quickupdate
Trabalhando com Chart Controls
Os gráficos se apresentam como uma ferramenta extremamente útil no processo de análise, interpretação e comparação de um conjunto de informações. Este recurso é utilizado nos mais variados meios de comunicação, auxiliando muitas vezes na tomada de decisão das organizações. O Microsoft Chart é o controle disponibilizado pelo .NET Framework para a construção de diversos tipos de gráficos de uma forma bem simples. Este artigo inicia apresentando os conceitos relacionados aos gráficos, onde inicialmente serão exibidos os tipos mais utilizados e suas aplicabilidades. Em seguida iremos tratar do controle Microsoft Chart em uma abordagem prática, por meio de uma aplicação Web. Neste contexto, além de exibir algumas de suas propriedades mais importantes, será demonstrado como popular o mesmo com informações provenientes de uma base de dados e alterar algumas de suas configurações em tempo de execução.


Em que situação o tema é útil

Este tema é útil na necessidade de geração de relatórios para análise de dados, muitas vezes sendo necessário compará-los em períodos de tempo distintos, sendo a análise baseada em gráficos uma ótima solução para facilitar o processo de compreensão da informação. Tendo o conhecimento de como manipular a ferramenta de construção de gráficos da Microsoft, é possível construí-los de forma eficiente e rápida.

Imagine uma empresa que necessita analisar o volume de vendas mensal realizadas nos últimos 10 anos com o propósito de verificar quais meses foram mais lucrativos, os setores que mais venderam e os produtos mais procurados. Utilizando apenas os dados numéricos obtidos é possível chegar a uma conclusão, porém é mais trabalhoso e menos intuitivo. Já ao utilizar uma abordagem de análise baseada em gráficos podemos chegar aos mesmos resultados de uma forma mais rápida e simples.

Devido à facilidade e agilidade que os gráficos proporcionam no processo de análise e interpretação de dados ou valores, sejam estes qualitativos ou quantitativos, eles são muito utilizados em diversos ambientes e meios de comunicação, como por exemplo, revistas, jornais, escolas e empresas.

Esta representação da informação em forma de imagem é o grande atrativo dos gráficos, pois facilita a interpretação dos dados coletados, permitindo realizar uma análise comparativa entre os mesmos. Desta forma, os gráficos podem ajudar no esclarecimento de determinados pontos de análise, podendo até auxiliar na tomada de decisão de uma organização.

Muitas vezes, as informações necessárias para a criação dos gráficos estão armazenadas em um banco de dados e, em alguns casos, precisam ser associados a valores fornecidos em tempo de execução, ou configurados de forma a atender determinada situação. Sendo assim, faz-se necessário a utilização de uma ferramenta para obter estes dados e apresentá-los de forma gráfica. Neste ponto entra o Microsoft Chart que é um controle para criação de gráficos, já fazendo parte do .NET Framework 4.0 e disponível no Visual Studio 2010 (em versões anteriores do framework é necessário fazer o download do controle). Mais a frente serão apresentados alguns aspectos adicionais deste controle.

Chart Control

O controle de gráficos do .NET, denominado Chart, foi introduzido no framework a partir da versão 3.5 em forma de add-on, ou seja, era uma extensão que precisava ser instalada. A versão 4.0 já inclui este controle como parte do framework, não sendo necessário realizar o download do mesmo.

Ele é composto de diversas classes que estão presentes no namespace System.Web.UI.DataVisualization.Charting, que possibilita a criação de gráficos em aplicações Web (ASP.Net) . Em projetos Windows Forms, as classes se encontram no namespace System.Windows.Forms.DataVisualization.Charting. Em ambos os projetos a classe Chart é a mais importante. Por meio dela é possível trabalhar sob os diversos componentes que constituem os gráficos: grupo de informações, legendas, escalas, títulos, etc.

Dentre os principais recursos disponibilizados pelo Microsoft Chart, destacam-se:

· Variedade de tipos de gráficos: são 35 opções disponíveis: setor, coluna, pontos, pirâmide, entre outros;

· Aparência: é possível aplicar um visual 3D à maioria dos gráficos possibilitando uma visualização mais atrativa, além de permitir a configuração de diversos elementos comuns presentes nos gráficos, como legendas, cores e escalas;

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?