UML Unified Modeling Language – Parte 01

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (2)  (0)

Veja neste artigo o desenvolvimento e elementos do modelo na UML.



Cristiane Greziak, Mônica Antunes, Renata Ely Sayago, Viviane Luz

1.   Desenvolvimento

A UML tem várias divisões, cada uma com uma apresentação distinta.

Suas divisões são:


·                     Visões;

·                     Modelos de Elementos;

·                     Mecanismos Gerais;

·                     Diagramas.

Vamos falar de cada divisão em particular, elas mostram os diferentes aspectos do sistema.

É descrita por um número de diagramas que contém informações que dão ênfase aos aspectos particulares do sistema.

Os diagramas podem fazer parte de mais de uma visão do sistema.

Os sistemas são compostos por diferentes níveis de visões.

As visões do sistema são:

·                     Visão de Casos de Uso - Descreve as funcionalidades do sistema desempenhadas pelos atores externos. É a visão central, base para as outras visões do sistema. Diagramas de Casos de Uso e eventualmente Atividades.

·                     Visão de Componentes - Descreve a implementação dos módulos e suas dependências. Consiste nos componentes dos diagramas.

·                     Visão Lógica - Descreve como as funcionalidades do sistema serão implementadas, especifica a estrutura estática e dinâmica. Diagramas de Classe e Objetos e Diagramas de Estado, Seqüência, Colaboração e Atividades.

·                     Visão de Organização - Mostra a organização física do sistema, os computadores, periféricos etc e como eles se conectam entre si. Diagrama de Execução.

·                     Visão de Concorrência - Trata da divisão do sistema em processos e processadores. Diagramas de Estado, Seqüência, Colaboração e Atividade.

2.   Modelos de Elementos

São os conceitos utilizados nos diagramas, os elementos da UML são blocos de construção para os modelos dos diagramas  são essenciais para o entendimento da UML, cada elemento tem um propósito, regras e notações diferentes. Alguns elementos podem ser usados em diferentes diagramas.

Elementos do Modelo:

• Caso de Uso - É a descrição de um conjunto de seqüências de ações realizadas pelo sistema, que proporciona resultados observáveis de valor para um determinado ator. Um caso de uso é realizado por uma colaboração. Graficamente é representado por uma elipse de linhas contínuas, incluindo somente seu nome.

• Ator- O Ator é alguém ou algo externo ao sistema, mas que vai interagir com o sistema, é representado como um boneco.

• Classe - É a descrição do conjunto de objetos que compartilham os mesmos atributos e relacionamentos (estado), operações e semântica (comportamento), podem implementar uma ou mais interfaces e, graficamente, são representadas por retângulos, com três divisões: 1ª-Nome da Classe, 2°-Conjunto de Atributos e 3°Conjunto de Métodos.  

• Objeto - É uma instância de uma classe, em tempo de execução. É graficamente representado por um retângulo com o nome sublinhado, ou o nome seguido de dois-pontos, o nome da classe e do seu tipo.

• Interface - É um elemento que define uma coleção de operações que especificam serviços de uma classe ou componente. Ela representa todo o comportamento externamente visível do elemento. Pode representar todo o comportamento, ou apenas parte dele. Ela define um conjunto de especificações de operações, mas nunca de um conjunto de implementações de operações. É representada graficamente por um círculo e o respectivo nome.Uma interface raramente aparece sozinha.

• Estado - Todos os objetos possuem um estado, que é o resultado das atividades executadas por ele. O estado representado por um retângulo com os cantos arredondados e o nome do evento dentro do desenho.

• Componente - É a parte modular de um sistema, cujo comportamento é definido pelas suas interfaces. O trabalho interno dos componentes deve ser invisível, e o seu uso deve ser independente de plataforma. Geralmente códigos-fonte, DLLs, Java Beans e outros artefatos são considerados componentes. Graficamente é representado por um retângulo com duas abas na lateral esquerda.

• Nó - É uma peça física de equipamento, na qual o sistema será disponibilizado, por exemplo, uma estação de trabalho ou um servidor. Ele geralmente contém os componentes e outras artes executáveis do código, que podem ser ligados a processos em  particular ou espaços de execução, são usados nos diagramas de deployment, para modelar o deploy de um sistema, e para ilustrar a alocação física dos artefatos implementados. Graficamente é representado como um cubo.

• Colaboração - Define as iterações e o comportamento cooperativo, resultado da soma das funções dos elementos, sendo assim, as colaborações contém dimensões estruturais e comportamentais. Graficamente são representadas como elipses tracejadas com o seu nome.

• Pacote - É um mecanismo de propósito geral para a organização de elementos em grupo.      

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?