Usando JSP + Bean (Iniciantes) Parte III

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (1)  (0)

Neste artigo desmistificamos os famosos JavaBeans de maneira bem didática, passo-a-passo.

Olá a todos(as), aproveito, para agradecer os vários acessos que estamos tendo nesses artigos e por isso, vamos dar continuidade e desmistificar o uso de javaBeans.
Mas afinal o que são BEANS?
 
De acordo com a nossa Wikipedia(r) , o conceito de bean é:
 
"Um componente de software reutilizável que cumpre determinadas convenções de desenho e nomenclatura. As convenções permitem que os beans sejam facilmente combináveis para criar uma aplicação, usando ferramentas que compreendem as convenções."
 
Seguindo o padrão da criação de classes em Java, assim como em C também:
 
Estrutura Básica de um programa (Classe) em Java

public class ClasseExemplo{


public  ClasseExemplo(); //Método construtor


private Integer codigo =0;


private String nome=””;


private String endereço=””;


public Abrir( ){ // metodos//


}


public Fechar( ){ //métodos//


}


}


Temos então a necessidade de entender que uma classe publica (ou melhor public) tem seus atributos (características), são protegidas na classe, onde encontramos os termos privados (ou melhor private)

ex:


A partir daí, temos a compreensão que classes possuem : Atributos e métodos.
 
Os Beans por sua vez tem uma característica marcante que são métodos especiais, (além do método CONSTRUTOR), que são os métodos getters e os métodos setters.
 
São esses métodos que são responsáveis, a primeiro momento, à manipulação de dados das suas classes em questão, no nosso exemplo a classe acima Pessoa.
 
Os métodos getters, são métodos responsáveis por capturar os dados que estiverem dentro de uma variável.
 
Ex: getNome(); // retornaria o nome gravado dentro de uma instância da classe Pessoa.
 
Ou seja como nossos atributos são private, somente conseguiríamos acessá-lo através de instâncias da classe Pessoa;
 
Ficaria assim, para pegarmos um nome.
 
Pessoa p = new Pessoa();  //instância de Pessoa

p.getNome();                     //objeto "p" do tipo Pessoa, fazendo um get, para getNome.

Os métodos setters, são métodos responsáveis por inserir um dado, dentro de uma variável.
 
Ex: setNome();   // insere um nome passado por parâmetro pelo usuário, através de uma instância da  classe Pessoa.
 

 Então temos a máxima dos métodos getters e setters:
 
     "getters" =  pegar algo(dados) de um atributo(variável)
 
     "setters" = recupera algo (dados) de um atributo (variável) 

 Então vamos criar os métodos responsáveis por acesso aos atributos.

 



..Pronto

Agora nosso Bean de Pessoa está pronto pra ser usado em qualquer parte de nosso programa.

Só mais uma dica, no NetBeans se você clicar com o botão direito e selecionar "Inserir Código", e depois selecionar "getters and setters" ele faz tudo isso pra você, ok?
 
...Na próxima usaremos os nossos Beans em nossas aplicações.
 
...Caso tenham perdido algum detalhe das outras partes dos artigos sigam os links abaixo:


 Um forte abraço++
 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?