Aplicações Web Modernas – Revista easy .net Magazine 14

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (1)  (0)

O desenvolvimento Web moderno faz uso intenso das tecnologias HTML, CSS, AJAX e Javascript / jQuery. Conhecer essas tecnologias é fundamental para todo profissional que deseja construir aplicações para Internet de última geração.

Atenção: esse artigo tem um vídeo complementar. Clique e assista!

De que se trata o artigo

O desenvolvimento Web moderno faz uso intenso das tecnologias HTML, CSS, AJAX e Javascript / jQuery. Conhecer essas tecnologias é fundamental para todo profissional que deseja construir aplicações para Internet de última geração. Esse é o assunto principal deste artigo, que trata de introduzir, com exemplos práticos, algumas dessas tecnologias.

Em que situação o tema é útil

Tecnologias como AJAX, jQuery e Javascript são úteis na criação de aplicações para Web que possuem interfaces ricas, com um melhor experiência para o usuário, e com bem mais recursos gráficos e interatividade. Sem o AJAX, por exemplo, toda requisição ao servidor requer que a página toda seja recarregada a cada ação do usuário. Ao invés disso, as tecnologias aqui apresentadas permitem criar interfaces bem mais elaboradas, sem atualizações totais de página. São as chamadas RIA – Rich Internet Application, que se comportam de forma bastante semelhante às aplicações Desktop, com uma riqueza de recursos. Bons exemplos do emprego dessas tecnologias são os sites de rede sociais, como Facebook e Twitter.

Aplicações Web Modernas

Vamos iniciar falando do Javascript, linguagem para criação de funcionalidades que rodam no lado cliente da aplicação, ou seja, no browser (para o bom entendimento deste, vamos ver antes alguns conceitos importantes sobre HTML). A seguir vamos notar o grande poder da arquitetura Web moderna ao utilizar o jQuery, biblioteca com inúmeras funções e rotinas para criar interfaces Web extremamente arrojadas, com efeitos semelhantes aos que vemos em sites de redes sociais. E finalmente, veremos na prática o AJAX, criando requisições assíncronas ao servidor, de forma extremamente simples (vale lembrar que, com o crescimento do ASP.NET MVC, que vem se tornando um padrão para o desenvolvimento Web, conhecer essas tecnologias se tornou algo fundamental, o que não era obrigatório no caso do ASP.NET tradicional).

HTML

O HTML é a linguagem padrão para criação de Web Sites. Hoje, a sua especificação é mantida pelo W3C (World Wide Web Consortium) e a versão 4.0 é a mais utilizada atualmente, juntamente com a versão XHTML 1.1.

Nota DevMan

W3C

A missão do World Wide Web Consortium é desenvolver padrões de alta qualidade para a internet de forma que várias empresas entrem em um consenso claro sobre o que deve ser feito e utilizado para garantir uma interoperabilidade entre si. Para a definição desses padrões, o W3C conta com um time de profissionais altamente qualificados, sem contar a liderança do criador da internet, Tim Berners-Lee. Além disso membros do W3C e convidados também auxiliam os diversos grupos que definem esses padrões. Esses grupos são organizados pelos mais diversos assuntos como CSS, Educação e Pesquisa, Intercâmbio Eficiente de XML, Geolocalização, Melhores Práticas para Internet Móvel, Schema XML, Navegação por Voz, Web Semântica, e muito mais. Os membros são compostos por grandes empresas como Adobe Systems Inc., Alcatel-Lucent, Apple Inc., AT&T, BBC, o banco brasileiro CAIXA (Caixa Econômica Federal), Academia de Ciências Chinesa, Google, Microsoft e diversas outras incluindo universidades. Toda essa equipe, junta, pesquisa e desenvolve projetos que venham contemplar a visão W3C:

- Web para todos: Ressaltar o valor social da internet, como meio e comunicação para os mais diferentes povos, tornando-a disponível mesmo nas mais adversas situações;

- Web em tudo: Garantir o acesso à web para todo tipo de equipamento de comunicação;

- Web para interação rica: Troca, compartilhamento de informação;

- Web de dados e serviços: Disponibilização de dados e serviços úteis aos seus usuários;

- Web de confiança: Mais do que nunca a internet tem sido utilizada como meio social, para realização de encontros, conhecimento de novas pessoas e negócios. Para acompanhar esse fenômeno social ela deve ser segura e passar segurança aos seus usuários.

Nota DevMan

XHTML

O XHTML, ou eXtensible Hypertext Markup Language, é uma reformulação da linguagem de marcação HTML, baseada em XML. Combina as tags de marcação HTML com regras da XML. Este processo de padronização tem em vista a exibição de páginas Web em diversos dispositivos (televisão, palm, celular etc.). Sua intenção é melhorar a acessibilidade.

O XHTML consegue ser interpretado por qualquer dispositivo, independentemente da plataforma utilizada. O HTML não consegue esta implementação. No entanto, não existem muitas diferenças entre o HTML e o XHTML.

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?