Artigo Clube Delphi Magazine 104 - Google Maps com Win32

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (2)  (0)

Saiba como integrar seus sistemas Delphi Win 32 com o Google Maps.

 

Esse artigo faz parte da revista Clube Delphi Magazine edição 104. Clique aqui para ler todos os artigos desta edição

EasyDelphi

Google Maps com Win32

Integre seus sistemas com o Google Maps

 

 

Neste artigo veremos

·         Utilização de mapas em aplicações Win32;

·         Criando uma apontador de rotas.

Qual a finalidade?

·         Entender o funcionamento do Google Maps e aplicar a soluções Win32;

Quais situações utilizam esses recursos?

·         A aplicação de mapas em aplicações de todo tipo tem se tornado um padrão e uma mania nacional. Nesse artigo veremos como utilizar a API do Google Maps em nossas aplicações Win32;

 

Resumo do DevMan

         Grande parte dos Web Sites de empresas, bares e instituições no geral, oferecem o recurso de mapa para localização do estabelecimento. Porém, há muito mais formas de utilização de mapas em nossas aplicações. Imagine por exemplo que nosso usuário possa ver um mapa com a localização exata de seu cliente ao abrir o cadastro dele. Ou então que o sistema possa traçar uma rota para que o carro de entrega da empresa possa saber como chegar ao seu destino.

         Tudo isso é possível ser aplicado em sistemas Win32, o que é bem diferente do uso na internet. Veremos nesse artigo como fazer isso e como funcionam os mapas do Google.

 

Já há algum tempo venho acompanhado de perto a evolução de uma das empresas que mais admiro no mercado de TI: o Google. Suas idéias são sempre inovadoras e ousadas e acabam se tornando referência no mercado. Aqui mesmo na DevMedia e no meu dia-a-dia utilizo algumas ferramentas, tais como Google Docs (Editor de Textos) e Google Spreadsheats (Planilha Eletrônica), além é claro do Orkut e GMail. Isso não é uma propaganda e sim a divulgação gratuita de recursos que realmente podem nos ajudar no dia-a-dia. Uma ferramenta me chamou bastante a atenção em particular nos últimos dias: o Google Maps.

Precisei incluir mapas em minhas aplicações Win32 e Intraweb e por esse motivo acabei tendo que estudar sua API. Acabei descobrindo que podemos utilizá-lo das mais variadas formas, inclusive em aplicações Win32.

O que acham de mostrarmos um mapa com a localização exata de um cliente ao consultar seu cadastro? O mais interessante é tudo isso é gratuito e está disponível na internet para usarmos e abusarmos. Vejamos então nesse artigo como fazer uso dessa tecnologia em aplicações Win32.

Adquirindo uma licença de uso

Isso mesmo, embora seja gratuito o Google Inc exige que façamos um registro para obter a facilidade de utilização de seus produtos, mas não se assuste, pois não receberá nenhum boleto em sua residência e nem é tão difícil assim fazer o registro. Mão na massa!

A primeira coisa é acessarmos o site do Google que refere-se ao Google Maps. Acesse então o link http://code.google.com/apis/maps/, onde é possível adquirir todo tipo de informação a respeito da API do Google. À direita do site encontramos o link Sign up for a Google Maps API key e é esse link que contém as instruções e onde podemos obter a licença de uso. Ao final do contrato encontramos um campo para preenchimento. Devemos informar nesse campo, qual o link do nosso site que utilizará o recurso. Podemos informar tranquilamente quantos links quisermos. Ao pressionar o botão Generate API Key, uma string será criada e algumas instruções são dadas, veja Figura 1.

Figura 1. String gerada pelo Google Maps API

Essa string será usada sempre que for necessário fazer alguma consulta. Veremos mais adiante. O que vemos nos dois quadros em seguida são para qual link essa string se refere e um pequeno exemplo de uso. Veja na Figura 2 o local exato onde o código gerado pelo Google é utilizado. O que acontece é que todo código gerado para utilização dos mapas, precisa ter esse número de licenciamento. Perceba que o código é HTML e JavaScript, o que nos dará um pouco de trabalho ao implementá-lo em Win32.

 

Figura 2. Utilização da string de licença

Entendendo o uso do Google Maps

Há realmente uma vasta enciclopédia no link exemplos de  API’s do Google Maps encontrado a direita desse site. É possível lermos e baixarmos os mais variados tipos de mapas e consultas. Para usarmos o Google Maps precisamos criar uma página HTML e nela colocar o código JavaScript necessário para a consulta. Ele ficará entre as tags <head> e </head>. Para quem já desenvolve ou desenvolveu alguma página HTML isso é fácil, mas para que nunca colocou a mão na massa pode parecer um bicho de 7 cabeças. Posso afirmar com ganho de causa que é bastante simples a utilização. Vamos analisar primeiramente um mapa bem simples.

Acesse o link http://code.google.com/intl/pt-BR/apis/maps/documentation/examples/, onde encontramos uma série de exemplos do Google Maps. Clique com o botão direito sobre o link map-simple.html e escolha a opção Salvar esse link como, assim teremos o código HTML desse arquivo. Seu código-fonte está descrito na Listagem 1. Esse código gera o mapa visto na Figura 3.

 

Listagem 1. Código simples de página com Google Maps

01 <!DOCTYPE html PUBLIC "-//W3C//DTD XHTML 1.0 Strict//EN"

02   "

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?