Artigo WebMobile 22 - LINQ to SQL - Acessando e entendendo os conceitos de acesso a dados com LINQ to SQL

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (1)  (0)

Nesse artigo veremos sobre LINQ, LINQ to SQL, LinqDataSource e ASP.NET GridView.

 Esse artigo faz parte da revista WebMobile edição 22. Clique aqui para ler todos os artigos desta edição

imagem_pdf.jpg

ASP.NET

LINQ to SQL

Acessando dados com o LINQ to SQL

 

Nesse artigo veremos

·                              LINQ;

·                              LINQ to SQL;

·                              LinqDataSource;

·                              ASP.NET GridView;

Qual a finalidade?

·                         Conhecer na prática como funciona a ferramenta LINQ to SQL;

Quais situações utilizam esses recursos?

·                         O desenvolvimento rápido de aplicações Web que acessam dados em bases de dados do SQL Server;

 

Resumo do DevMan

Atualizar-se nas mais diversas tecnologias existentes no mercado hoje, é uma das principais premissas para quem deseja ser um bom profissional da área de TI. E certamente uma tecnologia que tem evoluído muito juntamente com o lançamento do .net framework 3.5 da Microsoft, foi o LINQ. Mas o que é exatamente LINQ? Como funciona? Como  utilizá-lo no dia-a-dia?

Nesse artigo você vai ver qual a maneira mais simples e prática de começar a utilizar a linguagem LINQ nas suas aplicações. O LINQ to SQL é a ferramenta mais fácil que temos no .NET 3.5 para quem deseja entrar nesse mundo.

 

Como sabemos, o Visual Studio 2008 e o .NET Framework 3.5 já possuem um Service Pack 1 e recentemente a Microsoft anunciou que vai lançar em 2010 a nova versão do Visual Studio, juntamente com o .NET Framework 4.0.

Nós como profissionais da área de tecnologia precisamos estar atualizados com as novidades, e caminhar no mesmo ritmo com que a tecnologia se renova. Ou como diz Tião Carrero: Cochilou o Cachimbo Cai. Essa deve ser a premissa básica do desenvolvedor de software.

Das muitas novidades que surgiram na plataforma .NET nos últimos dois anos, a que considero mais importante é a linguagem LINQ. E este tem sido o tema principal dos meus artigos e vídeo-aulas nos últimos meses. Mas muita gente me pergunta: Como eu faço para começar a utilizar o LINQ em minhas aplicações?. Com tanto material sobre o assunto, tantos exemplos e apresentações, mesmo assim sinto certa resistência em colocar o LINQ em prática.

É claro que não há uma resposta mágica para a questão. A adoção de uma nova tecnologia sempre é um processo traumático, principalmente se você pretende aplicar essas novidades em aplicações já em funcionamento.

Mas vamos tentar nesse artigo, ver qual é a maneira mais fácil e rápida de colocar o LINQ em prática na construção de aplicações Web. Iremos explorar a ferramenta mais simples que trabalha com o LINQ, o LINQ to SQL. E sentiremos na prática quais são as vantagens que a linguagem nos oferece.

 

LINQ na Teoria

Dê uma forma bem simples podemos dizer que o LINQ, da sigla Language Integrated Query, é uma linguagem que oferece suporte à consulta de dados dentro das linguagens C# e VB.NET.

É importante notar que LINQ é simplesmente a linguagem que permite a realização das queries. Paralelamente a essa linguagem temos uma série de ferramentas ou providers que habilitam o uso do LINQ contra diversas fontes de dados, como por exemplo, o LINQ to SQL, que habilita o uso do LINQ contra bases de dados do SQL Server.

Essa é uma confusão muito comum para quem começa a estudar o LINQ. É importante fazer essa diferenciação, para entender até onde vai a linguagem, e onde começam os providers.

Além do LINQ to SQL, temos hoje uma quantidade imensa de providers que permitem o uso do LINQ, tais como:

·                         LINQ to XML: para acesso a dados armazenados em arquivos XML;

·                         LINQ to Entities: para acesso à databases relacionais através do ADO.NET Entity Framework;

·                         LINQ to DataSet: permite o uso do LINQ em Datasets tipados do .NET 2.0;

 

Na Figura 1 você vai ver uma ilustração de como é a arquitetura do LINQ. E na nota do DevMan você vai encontrar uma enorme lista de providers (a maior parte de terceiros) que habilitam o uso do LINQ nas mais diversas fontes de dados.

Esse é um forte indício de que o LINQ está sendo amplamente adotado pela comunidade, e que precisamos começar a adotá-lo urgentemente.

 

Figura 1. Arquitetura do LINQ

 

 

Nota DevMan

 

Providers LINQ

Abaixo temos uma lista de vários Providers e ferramentas que temos para viabilizar o uso do LINQ para acesso aos mais diversos tipos de dados. Uma especial atenção ao LINQ Extender, que é uma ferramenta que ajuda a você criar o seu próprio Provider.

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?