Ferramentas de software livre usadas na criação de algoritmos

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (2)  (1)

Veja neste artigo como as ferramentas de software livre são usadas na criação de algoritmos, que têm o propósito de informar quais são os principais softwares livres mais usados nos últimos dez anos.

Autores: Júlia Palmieri, Rodrigo Siqueira, Emerson de Farias.

Co-autor: Professor Juliano Schimiguel. Faculdade Unianchieta.

Este artigo é visado para todos os usuários que tenham conhecimentos básicos sobre computação. O objetivo é aumentar o conhecimento sobre as ferramentas de softwares livres mais usadas na última década e suas funções.

Ao decorrer da evolução da humanidade, a tecnologia acabou ocupando cada vez mais o dia-a-dia do homem, seja no trabalho ou em casa. Dificilmente encontram-se pessoas que nunca tenham utilizado um computador para edição de textos, jogos, entretenimento ou atividades mais complexas.

Para o computador realizar exatamente as tarefas exigidas pelo usuário como, por exemplo: aplicar efeito em fotos ou em vídeos, calcular determinada conta matemática ou montar gráficos, foram desenvolvidas as linguagens de programação.

As linguagens de programação são utilizadas para a compreensão entre homem e "máquina" e possuem uma lógica para serem escritas que é chamado de algoritmo. Um algoritmo nada mais é que uma sequência finita de instruções que devem ser seguidas para a resolução de um determinado problema. As linguagens compiladas transformam-se em software, ou seja, programas executáveis.

Um "software livre" se refere à liberdade dos usuários executarem, copiarem, distribuírem, estudarem, modificarem e aperfeiçoarem o software. Mais precisamente, ele se refere a quatro liberdades, para os usuários do software como: a liberdade de executar o programa, para qualquer propósito; a liberdade de estudar como o programa funciona, e adaptá-lo para as suas necessidades. Acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade; a liberdade de redistribuir cópias de modo que o usuário possa ajudar ao seu próximo; a liberdade de aperfeiçoar o programa, e liberar os seus aperfeiçoamentos, de modo que toda a comunidade se beneficie; Acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade.

Um programa é software livre se os usuários possuem todas essas liberdades. Portanto, o usuário deve ser livre para redistribuir cópias, modificadas ou não, gratuitamente ou cobrando uma taxa pela distribuição, a qualquer um, em qualquer lugar. Ser livre para fazer tudo isso significa (entre outras coisas) que o usuário não deve ter que pedir ou pagar pela permissão para fazê-lo.

Software de Sistema

Um programa, desde sua criação em uma linguagem de alto nível, é manipulado por um grande conjunto de outros programas que traduzem seu código para linguagem de máquina e controlam sua execução no computador. Este conjunto de programas recebe a denominação genérica de software de sistema.

O sistema operacional é o responsável por gerenciar cada processo de um programa no computador, estabelecendo como será realizada sua execução. Ele também atua como um programa supervisor que estabelece uma camada de controle entre o hardware do computador e as aplicações de usuários. Uma de suas funções é estabelecer uma interface de software uniforme entre o computador, outros programas do sistema e programas de aplicação de usuários. Outra função fundamental de um sistema operacional é gerenciar os recursos de um computador de forma a promover sua eficiente utilização.

A listagem abaixo aponta as principais diferenças entre dois sistemas operacionais mais usados atualmente:

LINUX WINDOWS
Preço Gratuito. Entre R$ 300,00 e R$ 700,00.
Confiabilidade A maioria das distribuições Linux é notoriamente confiável e muitas vezes funcionam por anos sem precisar ser sequer reiniciado. Embora a MicrosoftWindows tenha grandes melhorias na confiabilidade ao longo dos últimos anos e versões do Windows, ainda não tem a confiabilidade do Linux.
Software O Linux possui grandes variedades de programas, utilitários e jogos. No entanto, o Windows tem uma seleção muito maior. Por causa da grande quantidade de usuários do Windows há uma seleção muito maior de softwares disponíveis, utilitários e jogos para Windows.
Custo por Software Muitos dos softwares, utilitários e jogos disponíveis no Linuxsão freeware e/ou código-fonte aberto. Mesmoprogramas como o Gimp, OpenOffice, StarOfficee oWine estão disponíveis gratuitamente ou a um custo baixo. Embora o Windows tenha softwares, utilitários e jogos de graça, a maioria dos programas custa entre US$ 20,00 e US$ 200,00+ por cópia.
Segurança O Linux sempre foi um sistema operacional muito seguro. Embora a Microsoft tenha feito grandes melhorias ao longo dos anos na segurança, o Windows continua sendo mais vulnerável a vírus e outros ataques.
Código-Fonte Muitos programas e distribuições do Linux estão abertos e permitem aos usuários personalizar ou modificar o código. A Microsoft Windows não é open source e a maioria dos programas Windows também não é..
Suporte Embora seja mais difícil encontrar usuários familiarizados com todas as distribuições do Linux, existe uma vasta quantidade de informações online, livros e fóruns na web. Microsoft Windows inclui a sua própria seção de ajuda, tem grande quantidade de documentação disponível online, bem como livros de cada uma das versões do Windows.
Hardware Atualmente o Linux suporta a maioria dos dispositivos de hardware. No entanto, muitas empresas ainda não oferecem drivers ou suporte para seu hardware no Linux. Devido à quantidade de usuários do Microsoft Windows e com o apoio mais amplo de drivers, o Windows tem um suporte muito maior para os dispositivos de hardware e a maioria dos fabricantes de hardware apoia os seus produtos no Windows.

http://www.bloghardwaremicrocamp.com.br/sem-categoria/as-diferencas-entre-o-linux-e-o-windows/

Embora existam diferenças significativas entre oLinuxeWindows, os usuários que utilizam o Windows possuem preconceitos para alterar o seu sistema operacional para o Linux, pois estão acostumados a os comandos mais simplificados do Windows ou desconhecem completamente o Linux.

Exemplos de telas:

 Tela principal Linux

Figura 1: Tela principal Linux

 Tela principal Windows 7

Figura 2: Tela principal Windows 7

Software de Aplicação

O software de aplicação é criado, em regra, para executar tarefas específicas tal como o processamento de texto, reprodução de áudio. Ao contrário do software de sistema, estas tarefas não são indispensáveis ao normal funcionamento do computador pelo que só são executadas a pedido do utilizador.

A seguir serão mostrados alguns tipos de software livre de aplicação e suas funções:

  • Software de processamento de texto: Este software permite aos usuários criar e editar documentos, como o Open Officee Google Docs.
  • Software Multimídia: Eles permitem aos usuários criar e reproduzir arquivos de áudio e vídeo. Conversores de áudio, players de áudio, gravadores, codificadores e decodificadores de vídeo são algumas formas de software multimídia. Um exemplo deste tipo de softwareinclui o Media Player Classic.
  • Softwarebrowser: Um browser é um programa para navegar na internet, que já vem por definição no computador. Permite ao utilizador visualizar as páginas que deseja acessar, como o MozillaFirefox.
  • SoftwareGroupware: Groupware é o software que facilita a comunicação entre os membros de um workgroup da rede. Permitindo que trabalhem essencialmente na mesma página ao mesmo tempo. Como por exemplo: Horde, eGroupware.
  • Software educacional: Ele tem a capacidade de execução de testes e monitoramento de progresso. Tem também as capacidades de um software colaborativo. É frequentemente utilizado no ensino e na autoaprendizagem. O GeoGebraé um software de matemática dinâmica para utilização na educação em escolas secundárias que reúne geometria, álgebra e cálculo.
  • Software de Segurança: A ferramenta mais usada pelos usuários domésticos para se protegerem tem sido os antivírus, porém, para manter o computador o mais seguro possível é necessários outros cuidados e outros softwares adicionais como oClamav.

O Visualg (Figura 3) é um dos softwares mais utilizados para interpretação de algoritmos, ele utiliza a linguagem portugol, ou português estruturado. Tambem é Um bom recurso para quem está iniciando no aprendizado de algoritmos, não só para praticar a sua criação, mas também para melhor entender sua execução.

Visualg

Figura 3: Visualg

Para que o hardware possa se interagir com o usuário foram desenvolvidas as linguagens de programação, que nada mais é que um algoritmo. As ferramentas de software livre usadas na criação de algoritmos nos últimosdez anos têm melhorado bastante em relação à facilidade de uso e acesso. O Visualg é um ótimo software para o desenvolvimento de algoritmos baixos e alto nível.

Quanto à mudança do sistema operacional do Windows para o Linux á receio, devido à falta de conhecimento do usuário de ambos os sistemas.

Para que haja uma maior conscientização por parte dos usuários em relação às ferramentas de software livre, basta pesquisar as diferenças entre eles, pois o usuário possuia liberdade de aperfeiçoar o programa, de modo que toda a sociedade se beneficie.

Referências

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?