Artigo SQL Magazine 37 - SQL Server 2005 Express

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (0)  (0)

Artigo da Revista SQL Magazine - Edição 37.

capaSQL12.JPG

Clique aqui para ler todos os artigos desta edição

SQL Server 2005 Express

 

O SQL Server 2005 Express Edition (SQL Express) é a versão free do SQL Server 2005. Baseado nas tecnologias do SQL Server 2005 e, portanto, usando o mesmo engine de banco de dados que as demais edições, o SQL Express chega para substituir o MSDE 2000 oferecendo maior facilidade de uso e robustez. Suas facilidades de uso já começam em sua nova interface de instalação, que guia o usuário durante todo o processo e continua na administração dos bancos de dados através de seu conjunto de ferramentas. Ele também oferece suporte a linked servers, views, stored procedures, triggers (incluindo triggers de DDL), suporte nativo a XML, Transact-SQL, Full-text Search e Reporting Services. A partir de agora estarei fazendo uma introdução básica ao SQL Express falando sobre suas limitações, suas ferramentas e recursos.

 

Limitações de memória / storage / processador / plataforma

A diferença mais marcante entre o SQL Express e as demais edições do SQL Server 2005 está na sua limitação de memória, CPU e tamanho do banco de dados.

Embora o SQL Express possa ser instalado em servidores ou computadores multi-processados, seu engine foi otimizado para reconhecer e trabalhar com apenas um CPU. É verdade que devido a esta limitação o SQL Express não suporta, por exemplo, a execução de consultas em paralelo (paralelismo), mas por outro lado, se você instalá-lo em uma máquina multi- processada você poderá dedicar um processador exclusivamente para ele aumentado assim seu poder de processamento.

O SQL Express também está limitado ao suporte de 1GB de RAM. Isso não significa que ele não possa ser instalado em máquinas com mais de 1GB, mas sim, que seu engine utilizará até 1GB para seu buffer pool. O buffer pool é usado para o armazenamento de páginas de dados e outras informações como cache de procedures e componentes internos. No mais, a memória necessária para o gerenciamento de conexões e locks não está incluída neste limite de 1GB.

O banco de dados criado no SQL Express possui um limite máximo de 4GB. No entanto, este limite aplica-se apenas para o arquivo de dados (.mdf) e não para o arquivo de log (.ldf). Por outro lado, embora o banco de dados esteja limitado a 4GB, o SQL Express suporta até 32.767 bancos de dados por instância, podendo ter até 16 instâncias por servidor desde que as instâncias sejam identificadas unicamente.

Diferente do seu antecessor MSDE 2000, o SQL Express não possui a limitação de usuários concorrentes, conhecida como “Workload Governor”, onde a performance do MSDE 2000 é extremamente prejudicada na medida em que o número de conexões concorrentes aumentam.

 

Recursos de desenvolvimento (trigger, stored procedures, functions, XML, java e orientação a objetos)

Além de estar disponível para download gratuito na web, o SQL Express também é instalado por default com qualquer edição do Visual Studio 2005 (VS2005). Ele é instalado como uma instância nomeada (SQLEXPRESS) e esta integração faz com que o acesso a um banco de dados do SQL Express seja tão simples quanto o acesso a um banco de dados Access. No mais, um projeto do tipo database foi introduzido nos projetos do VS2005 tornando ainda mais simples a criação de um projeto de banco de dados.

Além da integração com o VS2005, o SQL Express oferece ao desenvolvedor uma infinidade de melhorias e novos recursos, que incluem:

·         Nível de isolamento Snapshot onde instruções de SELECT não causam lock nos dados durante as operações de leituras. Leituras não bloqueiam escritas e vice-versa.

·         Trigger de DDL as quais permitem ao desenvolvedor capturar qualquer evento que possa criar, alterar ou excluir objetos tanto no nível banco de dados quanto no nível servidor.

·         Construção TRY/CATCH permitindo que o tratamento de erros em códigos T-SQL seja feito como em qualquer outra linguagem. .NET Também foi adicionado um conjunto de funções que permitem obter informações mais específicas sobre os erros.

·         Opção EXECUTE AS para procedures, triggers e funções a qual permite que o desenvolvedor tenha um maior controle sobre a autenticação por permitir que um login ou usuário execute ações dentro destes módulos como se fosse outro login ou usuário.

·         Novo tipo de dados XML permitindo ao desenvolvedor armazenar, consultar e atualizar dados ou documentos XML de forma nativa. Podendo ainda ser usado em colunas, variáveis, views, funções e stored procedures.

·         Suporte à linguagem de consulta XML XQuery. O SQL Express fornece extensões para permitir o uso do XQuery também para INSERT, UPDATE e DELETE.

·         Keyword MAX que é utilizado no formato varchar(MAX), nvarchar(MAX) e varbinary(MAX). Ele expande a capacidade de armazenamento dos tipos de dados varchar, nvarchar e varbinary para até 2^31-1 bytes de dados e facilita o trabalho com dados do tipo texto, vídeo ou imagem.

·         Integração com o Microsoft .NET Framework dando ao desenvolvedor a possibilidade de escrever objetos de bancos de dados como stored procedures, funções, triggers, user-defined types (UDT) e user-defined aggregates (UDA) usando qualquer linguagem de programação .NET, como, C#, C++ e VB.NET.

 

Para conhecer todas as features de programação suportadas pelo SQL Express, consultem o tópico “Features Supported by the Editions of SQL Server 2005” no Books Online do SQL Server 2005.

 

Compatibilidade ao padrão ANSI

O SQL Express possui seu próprio “dialeto” da linguagem SQL – o Transact-SQL (T-SQL). Usado para criar, alterar e excluir objetos, bem como para inserir ou consultar dados em um banco de dados, o T-SQL é uma extensão da Microsoft à linguagem SQL-92 e adiciona melhorias e capacidades que fazem do T-SQL uma linguagem de acesso e manipulação de dados eficiente, robusta e segura."

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?