MySql Administrator - 2ª Parte

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (5)  (0)

Veja neste artigo a continuidade à série sobre o MySql Administrator, falando sobre cada item do menu.

 

Vamos dar continuidade à série sobre o MySql Administrator, falando sobre cada item do menu.

 

Já vimos no primeiro artigo sobre a opção Server Information, então vamos à frente.

 

Service Control: Controle do Serviço MySql, nesta opção de menu poderemos iniciar ou para o serviço e fazer configurações de como o MySql deve ser iniciado, local do arquivo de configuração dentre outros.

        

Ao selecionarmos este item do menu, veremos na área de trabalho duas abas, a primeira Start/Stop Service e a segunda Configure Service.

 

Start/Stop Service: Esta aba mostra o Status do MySql e tem um botão para para o MySql quando este estiver iniciado e mostra opção de Iniciar o MySql quando ele estiver parado, vai mostrar também logo abaixo uma pequena tela com o log das operações realizadas. Você só conseguirá acessar o MySql Administrator quando o Serviço MySql estiver iniciado, mas depois de acessado você pode para o serviço e iniciá-lo novamente.

 

Quando clicamos no botão para parar o serviço serão apresentadas as mensagens:

 

Trying to stop the server ...       Quando o MySql Administrator Inicia o processo de parada do serviço.

 

Server was stopped.

D:\MySQL\bin\mysqld-nt: Normal shutdown
Esta mensagem é apresentada depois do  serviço ter sido parado com êxito.

 

Quando clicamos no botão para iniciar o serviço serão apresentadas as mensagens:

 

Trying to start the server ...
Quando o MySql Administrator Inicia o processo de inicialização do serviço.

 

Server was started.

D:\MySQL\bin\mysqld-nt: ready for connections.

Version:'5.0.41-community-nt' socket:''port: 3306  MySQL Community Edition (GPL)

Esta mensagem é apresentada depois do serviço ter sido iniciado com êxito, apresentando também a versão do MySql, o Socket e a Porta de comunicação do Banco.

 

Configure Service: Esta aba permite configurar opções relacionadas ao início e parada do serviço do MySql, ela só é apresentada quando o MySql está instalado num sistema operacional da família Windows NT,  como Windows 2000, Windows XP ou superior , porque estes trabalham com serviços.

 

Nesta aba vocês encontrarão 3 subdivisões, Service Settings, Option File e Server Features.

 

Server Settings

 

Launch MySQL server automatically: É um CheckBox, quando marcado vai fazer com que o serviço do MySql seja iniciado quando  o Servidor for iniciado, manter ele marcado é a opção mais indicada num ambiente de produção, em ambientes de teste esta opção poderá ficar desmarcada, então você terá que iniciar o serviço manualmente antes de usar o MySql Administrator.

Display Name: Nome apresentado no gerenciador de serviço do Windows para referência o MySql. (MySql)

Service Description: uma breve descrição do serviço que será apresentado também no gerenciador de serviços do Windows. (MySql Server)

 

Option File

 

Config Filename: Local e nome do arquivo de configurações do MySql, que será lido sempre que o MySql for iniciado. Esta opção só está disponível após o MySQl 4.0.3. (C:\MySql\my.ini)

 

Section Name: Nome da seção do Mysql, por padrão no nome usado é mysqld, a alteração deste nome é muito usada quando se tem mais de um serviço do MySql no mesmo servidor. Mas isso será tema de outro artigo.

 

Server Features

 

Support for BDB: Quando marcado, o mysql é iniciado com suporte à tabelas BDB, quando desmacado não o MySql não é iniciado com o mecanismo de armazenamento BDB.

 

Named Pipes: Em sistemas operacionais da família Windows NT, como Windows 2000, Windows XP, você pode usar names pipes para se conectar nos servidores locais, sendo que a melhor opção é conectar via TCP/IP. Quando esta opção está marcada o MySql permnite que sejam feitas conexões através de Named Pipes. As conexões com Named Pipes são mais lentas do que conexões via TCP/IP.

 

Debug Information: Quando marcado, o MySql é iniciado com a opção que fornece depuração de erros. Usando esta opção a performance do servidor cai significativamente, esta opção só é recomendada em casos de extrema necessidade de depuração. Esta versão do MySql Server não foi compilada com a suporte à depuração, pois esta está em faze de teste.

 

Path to Binary: É o caminho, onde se encontra o arquivo binários do MySql, que é executado como serviço no Windows. (D:\MySQL\bin\mysqld-nt).

 

 

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?