Views de gerenciamento dinâmico (DMV) no SQL Server

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (6)  (0)

Este artigo traz um resumo referente as funções e views de gerenciamento dinâmico (mais conhecidas como DMV) para o SQL Server.

Artigo do tipo Tutorial
Recursos especiais neste artigo:
Contém nota Quickupdate, Conteúdo sobre boas práticas.
Views de gerenciamento dinâmico (DMV) no SQL Server
Views de gerenciamento dinâmico (também chamado de DMV) são o conjunto de informações que retratam o comportamento do ambiente do banco de dados, mostrando ao DBA informações sobre diversas situações como índices ausentes, espaço armazenado pelos objetos, consultas que estão consumindo mais recursos, entre outras informações.
Este artigo traz um resumo referente as funções e views de gerenciamento dinâmico (mais conhecidas como DMV) para o SQL Server. Estas DMVs auxiliam na administração do ambiente, fazendo com que o DBA trabalhe com informações consistentes, mostrando desde o comportamento do sistema operacional (SO) até informações sobre consultas que estão consumindo muito recurso e que talvez precisem de uma análise mais detalhada para se inserir um índice.

Em que situação o artigo será útil
As informações contidas neste artigo são úteis para administradores de banco de dados (DBA) que têm por objetivo fazer o monitoramento do ambiente, trabalhando de forma antecipada com relação aos problemas que podem acontecer no SGBD. Com as informações contidas nas DMVs, o DBA também poderá montar um histórico das situações ocorridas dentro do banco de dados, armazenando até mesmo tais informações em um banco de dados de gerenciamento.

Monitorar o ambiente, manter o banco de dados com o melhor desempenho e agir proativamente são algumas das tarefas do DBA. Para que estas tarefas possam ser cumpridas com satisfação e da melhor forma possível, o SQL Server (desde a versão 2005) traz um conjunto de objetos de sistema que mostram aos seus administradores desde informações valiosas sobre o comportamento do sistema operacional sob o qual o sistema gerenciador de banco de dados (SGBD) está rodando até mesmo informações sobre o comportamento das queries mais lentas que estão rodando no banco de dados, fazendo com que toda a equipe de tecnologia possa trabalhar em conjunto e assim resolver os problemas da melhor forma possível, seja alterando o código da query em questão ou criando índices para a solução.

Este conjunto de objetos de sistema é formado por Funções de Gerenciamento Dinâmico (Dynamic Management Functions ou apenas DMF) e Views de Gerenciamento Dinâmico (Dynamic Management View ou apenas DMV), mas para facilitar a nomenclatura, todos foram agrupados sob o nome Views de Gerenciamento Dinâmico (DMV). As DMVs trazem um conjunto de informações consistentes sobre o ambiente, fazendo com que o acesso a informação seja simplificado, bastando apenas utilizar uma instrução SELECT como, por exemplo, encontrar todos os usuários que estão conectados em uma instância.

Com todas estas informações à disposição dos administradores, em alguns casos muitos profissionais além de criar scripts para agrupar informações e aumentar o seu “dicionário de ambiente”, podem também fazer integrações com outras ferramentas (como por exemplo, o Integration Services ou Pentaho), criando dashboards com base na situação atual de um ou mais ambientes e realizando atualizações periódicas das informações.

Para facilitar a consulta e organização dos temas, as DMVs existentes foram divididas em diversas categorias pela Microsoft, conforme relação encontrada na Tabela 1. A mesma também traz os exemplos dos prefixos encontrados em cada uma das categorias (ler Nota do DevMan 1).

"

A exibição deste artigo foi interrompida :(
Este post está disponível para assinantes MVP

 
Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Receba nossas novidades
Ficou com alguma dúvida?