Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login

Guia de Referência ASP.NET MVC

Neste Guia de Referência você encontrará o conteúdo que precisa para aprender a desenvolver aplicações web com o framework ASP.NET MVC e a linguagem C#.

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Para efetuar o download você precisa estar logado. Clique aqui para efetuar o login
Confirmar voto
0
 (16)  (0)

O ASP.NET MVC é um framework para desenvolvimento de aplicações web no qual podemos empregar a linguagem de programação C#. Com ele é possível criar desde simples sites estáticos até grandes portais de e-commerce e outros projetos robustos. Neste Guia de Referência você encontrará diversos materiais que lhe auxiliarão no aprendizado sobre o ASP.NET MVC.

Introdução

Antes de iniciar os estudos sobre uma determinada tecnologia é importante saber o que de fato ela é e para que serve. Isso lhe ajudará a decidir se ela é realmente adequada às suas necessidades. Então, que tal começar pelos cursos abaixo?

Aqui é importante perceber que o ASP.NET MVC, como o nome sugere, se baseia no padrão arquitetural MVC (Model View Controller), amplamente empregado no desenvolvimento web:

Diagrama do padrão MVC
Figura 1. Diagrama do padrão MVC

Caso você ainda não conheça bem o MVC, ou mesmo se desejar reforçar esse conceito, sugerimos que assista ao seguinte curso:

Primeiros passos

Uma vez que os conceitos estejam claros, você pode conferir os materiais abaixo, que lhe introduzirão ao framework ASP.NET MVC e aos seus recursos mais básicos e fundamentais:

Acesso a dados

Normalmente as aplicações que desenvolveremos precisarão persistir e consultar informações em um banco de dados, como o SQL Server. Em projetos ASP.NET MVC geralmente utilizamos o Entity Framework para essa tarefa, um framework de mapeamento objeto-relacional que nos permite lidar com o banco de dados apenas utilizando classes e coleções na aplicação, sem a necessidade de escrever código SQL. Caso você ainda não conheça o Entity Framework, uma boa ideia é dar uma olhada no curso abaixo para que você compreenda como esse framework ORM funciona e possa utilizá-lo em seus projetos:

Já no curso abaixo você aprenderá a implementar um cadastro completo no ASP.NET MVC com Entity Framework e SQL Server. A partir do conhecimento adquirido você poderá então implementar outras funcionalidades que envolvam persistência de dados:

Razor

O Razor é o view engine do ASP.NET MVC. Com ele podemos escrever código C# nas views a fim de estruturar as páginas que serão exibidas para o usuário. Para conhecer o Razor, sugerimos a leitura do seguinte artigo:

Você deve ter percebido que o Razor é composto por diversos helpers, métodos em C# que podem ser chamados nas views e que resultam em código HTML. Para conhecer melhor o Razor você pode conferir os conteúdos abaixo, que vão lhe apresentar desde os helpers mais básicos, até a customização desses métodos:

Outro conceito importante no Razor é o de templates, que simplificam a geração do código HTML para um determinado contexto, com métodos que podem ser reutilizados sempre que um bloco de elementos HTML for necessário. Quer saber mais? É só conferir o artigo abaixo:

Navegação

Aplicações web normalmente são compostas por várias páginas, entre as quais o usuário pode navegar para encontrar a informação ou funcionalidades que deseja. Como você poderá aprender nos artigos abaixo, o ASP.NET MVC conta com vários recursos que simplificam a navegação:

Dentro do contexto de navegação entre páginas temos o conceito de rotas, que é fundamental para criar URLs amigáveis. Veja no seguinte artigo como trabalhar com esse conceito no ASP.NET MVC:

Além da navegação básica e das rotas, também é importante saber utilizar os verbos do protocolo HTTP (GET, POST) para definir como uma URL deve ser acessada. Para entender melhor, sugerimos a leitura do seguinte artigo:

Validações

Aplicações web normalmente precisam lidar com a entrada de dados pelo usuário, o que normalmente ocorre por meio de formulários. Para garantir melhor usabilidade e segurança à aplicação, é importante que validações sejam realizadas. Isso impedirá que dados incorretos sejam submetidos, assim como evita a ação de usuários mal intencionados.

Esse é um assunto que levanta muitas dúvidas entre os programadores. A melhor opção é fazer validação no back-end, no front-end ou em ambos? Para abordar esse assunto, gravamos alguns DevCasts, listados a seguir:

No ASP.NET MVC essas validações normalmente são feitas por meio de Data Annotations e no front-end é empregada a biblioteca jQuery Validate, o que você poderá ver em mais detalhes nos links abaixo:

Autenticação e segurança

A autenticação é importante para assegurar que apenas usuários autorizados consigam acessar recursos restritos da aplicação. No ASP.NET MVC você pode implementar seu próprio método de autenticação ou pode utilizar o Microsoft Identity, uma biblioteca destinada a esse fim, como pode ver nos links abaixo:

Mas segurança não se resume a autenticação. Existem técnicas adicionais, como o uso de certificados SSL, que atualmente são muito importantes quando sua aplicação for publicada. Para saber mais, confira o link abaixo:

Praticando

Praticar é a melhor forma de aprender e fixar o conhecimento. Então, que tal desenvolver algumas aplicações na prática para exercitar os conceitos aprendidos? Os seguintes artigos e curso vão lhe ajudar nessa etapa:

Conteúdo extra

Aqui separamos um conteúdo adicional para que você possa aprofundar seus estudos no ASP.NET MVC. Por exemplo, se você precisar gerar relatórios em suas aplicações o artigo abaixo vai lhe ajudar:

E se você precisa desenvolver aplicações amigáveis para dispositivos móveis, o que é extremamente importante, sugerimos os seguintes conteúdos:

Você precisa estar logado para dar um feedback. Clique aqui para efetuar o login
Ajude-nos a evoluir: você gostou do post?  (16)  (0)

Para avaliar você precisa ser um assinante MVP :)

Ficou com alguma dúvida?