Série da semana: Receitas caseiras para teste unitário

Veja mais

Quer ter acesso a todos os cursos desse Guia?

Programador .NET

Com esse guia de estudos você irá descobrir, sem perdas de tempo, qual é a ordem mais indicada de estudar o .NET para dominar completamente a linguagem, desde o básico ate o avançado.

Primeiros passos

Bem vindo(a) ao ecossistema de programação .NET, um conjunto de frameworks, ferramentas e linguagens que lhe permitirão desenvolver variados tipos de aplicação. Neste guia você encontra os conteúdos que guiarão seus estudos desde os primeiros passos até a construção de aplicações completas e sua publicação na nuvem.

Para lhe ajudar a planejar seus estudos separamos aqui dois DevCasts em que demos algumas dicas para quem está iniciando Knockout:

Agora, antes de avançar é importante conhecer alguns conceitos iniciais antes de prosseguir para os cursos mais práticos e avançados:

Você já sabe o que é .NET e C# e agora já pode começar a desenvolver aplicações nessa plataforma. Para isso, o primeiro passo é preparar o ambiente, instalando as ferramentas necessárias. No curso abaixo você verá como proceder:

Começando a programar em C#

Iniciando a jornada no C#, vamos desenvolver uma aplicação que calcula o gasto de tinta necessário para pintar um cômodo. Neste curso você se familiarizará com a sintaxe desta linguagem e dará os primeiros passos no paradigma da orientação a objetos:

Neste curso aprenderemos a utilizar estruturas e conceitos básicos do C# através de uma aplicação que pode interpretar o signo do usuário de acordo com seu dia e mês de nascimento.

Agora que já criamos nossa Primeira Aplicação, vamos nos aprofundar um pouco mais no Visual Studio e conhecer os recursos desta poderosa ferramenta.

Em seguida é hora de se aprofundar nesses conceitos e começar a programar em C#/.NET. Mas antes de seguir para o próximo curso, que tal ver rapidamente como criar sua primeira classe em C#? Para isso separamos o seguinte link:

No curso abaixo você aprenderá os conceitos iniciais de programação, como variáveis e estruturas de controle de fluxo, e verá isso aplicado na linguagem C#:

Primeiros passos no .NET Framework

Quando usamos C# normalmente estaremos usando o .NET Framework, que nos provê um conjunto de classes e ferramentas para o desenvolvimento de aplicações. Conhecer os recursos do .NET é de extrema importância para você que está começando no C#:

Como tratar exceções em C#

O tratamento de exceções está presente na maioria das linguagens modernas e ajuda a garantir o bom funcionamento do código, evitando que problemas interrompam a aplicação e causem uma má experiência de uso.

Avançando no C#

Agora que você já conhece os recursos básicos da linguagem C# e do .NET framework, é hora de avançar o aprendizado da linguagem. Para isso, consulte os cursos abaixo:

Bibliotecas de classes

Bibliotecas de classes (class libraries) são tipos de projetos usados para agrupar classes, normalmente de acordo com um objetivo (entidades, validações, etc). Tais bibliotecas podem ser referenciadas por outros projetos, como ASP.NET MVC, Windows Forms. etc. Assim algumas funcionalidades ficam centralizadas, bem como sua manutenção e testes. No curso abaixo você aprenderá a criar e utilizar essas class libraries no Visual Studio:

Confira também no guia a seguir todos outros conteúdos sobre a linguagem C#:

Acesso a bancos de dados

No .NET framework o acesso a bancos de dados atualmente é feito principalmente com o Entity Framework, então você pode partir para o curso de primeiros passos com esse framework. Porém, como você precisará instalá-la em seus projetos usando o NuGet , que é o gerenciador de pacotes do .NET, sugerimos antes conhecer melhor essa ferramenta:

Mapeamento Objeto-Relacional

Aprenda abaixo a efetuar o mapeamento objeto-relacional entre suas classes e o banco de dados utilizando o Entity Framework:

LINQ e Lambda

LINQ é um subconjuto de linguagem C# destinado à realização de consultas em coleções de objetos. Quando associado às expressões lambda, esse recurso nos permite efetuar diferentes queries no banco de dados, porém usando C# e lidando diretamente com as coleções de objetos gerenciadas pelo Entity Framework:

Migrations

Após entender como funciona o Mapeamento Objeto-Relacional no Entity Framework, é aconselhado que você conheça o recurso de migrations, muito importante e que lhe permite atualizar o banco de dados dinamicamente a partir das classes da sua aplicação.

Veja também no guia a seguir mais conteúdos para aprender sobre esse framework:

E para conhecer mais sobre banco de dados veja também o guia a seguir:

Programação web com ASP.NET MVC

Dentro do ecossistema .NET o ASP.NET MVC é atualmente o framework recomendado para o desenvolvimento de aplicações web. Além de implementar o padrão arquitetural MVC, ele possui elementos que tornam bastante prática a criação de sites e aplicações web em geral.

Para iniciar, sugerimos os seguintes cursos, que lhe apresentarão os conceitos inciais sobre o padrão MVC e esse framework:

Em seguida, dê continuidade aos seus estudos com os conteúdos abaixo:

Transportando dados do controller para a view

O envio de dados da view para o controller se dá pela submissão de formulários via HTTP GET ou POST. Já para enviar dados do controller para a view precisamos usar o recurso de views tipadas do Razor ou o ASP.NET ViewBag para dados secundários. No link abaixo você verá como usar a ViewBag para enviar informações como mensagens de validação do controller para a view.

ASP.NET MVC na prática

Agora que você já tem uma boa base de como funciona o ASP.NET MVC, veja na prática como desenvolver aplicações web com acesso a banco de dados. Para isso usaremos o Entity Framework, além do Bootstrap para estilizar visualmente e dar à aplicação a característica de responsividade:

Recursos fundamentais

Nos conteúdos acima você viu como trabalhar com bancos de dados, um cenário comum em aplicações web, bem como utilizou o Entity Framework e o Bootstrap. Agora aprenda a implementar recursos que são muito comuns nesse tipo de aplicação e que com frequência você vai se deparar em seus projetos:

Consumindo serviços RESTful

No curso a seguir você aprenderá a consumir web services RESTful, criando uma aplicação ASP.NET MVC que funcionará como cliente de uma Web API:

Você confere no guia a seguir o que precisa para aprender a desenvolver aplicações web com o framework:

Segurança

Segurança é um requisito de qualquer aplicação, por mais simples que ela seja. Saber implementar mecanismos para tornar sua aplicação segura é fundamental para qualquer programador. Nesse contexto, você aprenderá nos cursos abaixo, criando um sistema de cadastro e login:

Web services RESTful com ASP.NET Web API

O ASP.NET Web API é atualmente a solução indicada para a criação de web services RESTful em .NET. Com ele podemos tratar com facilidade os verbos e códigos de status do protocolo HTTP, manipular dados no formato JSON e XML, além de outros recursos que aceleram o desenvolvimento desse tipo de aplicação.

Para iniciar seus estudos nessa área, conheça primeiramente o padrão arquitetural REST e como o ASP.NET Web API o implementa:

Conhecendo os conceitos iniciais, você já pode seguir para os próximos conteúdos e criar seus primeiros web services RESTful:

Web services com uma entidade

Para quem está começando a desenvolver web services RESTful, é importante conhecer os conceitos básicos, como verbos e códigos de status do protocolo HTTP e como implementar as funcionalidades básicas de acesso ao banco de dados. Para dar esses primeiros passos, consulte os links a seguir:

Web services com várias entidades

O próximo passo na linha de aprendizado é saber lidar com várias entidades relacionadas e permitir que o usuário possa enviar e consultar esses dados. Abaixo você verá como implementar web services com entidades relacionadas de forma 1:N.

Aprenda agora a criar funcionalidades mais avançadas em seus web services, como filtros, validação e ordenação:

No exemplo acima usamos a biblioteca FluentValidation para realizar validações sobre os dados no web service. Para se aprofundar nessa biblioteca sugerimos o curso abaixo:

Você encontrará no guia a seguir o conteúdo que precisa para aprender a desenvolver web services RESTful com o framework ASP.NET Web API:

Publicando na nuvem

Após desenvolver suas aplicações web, sejam elas de interface gráfica ou web services, é hora de publicá-las. Para isso, um dos serviços mais adotados atualmente é o Microsoft Azure, uma plataforma de computação em nuvem que conta com diversos recursos para publicar suas aplicações com bancos de dados rapidamente:

Padrões e boas práticas

Agora que você já conhece a linguagem C# e o .NET Framework, é uma boa ideia se aprofundar em técnicas que lhe ajudarão a escrever códigos mais profissionais:

Você já olhou para um código que parecia errado, mas não soube dizer de imediato por quê? Pode ser que você tenha se deparado com um Code Smell e, acredite, se você não se livrar dele, esse incômodo ficará cada vez pior. Aprenda no DevCast a seguir o que é um Code Smell e o que fazer em relação a ele.

Refatoração é uma boa prática de desenvolvimento que visa modificar um sistema de software para melhorar a estrutura interna do código sem alterar o seu comportamento externo. Aprenda sobre ela neste curso:

Na prática

Você já tem conhecimento de .Net e deseja praticar os conceitos aprendidos? Então confira abaixo uma lista na qual separamos os principais conteúdos práticos sobre essa tecnologia:

Mais sobre .NET

Além dos cursos e exemplos sugeridos nesse guia, a DevMedia publica com frequência novos conteúdos sobre .NET, os quais você pode conferir nos Guias de Consulta abaixo:

Além disso, você pode conferir todo o conteúdo de .NET clicando aqui.

Suporte ao aluno - Deixe a sua dúvida.
Achou 12 meses muito tempo?

Programação muda todo dia e cada novidade nos obriga a rever tudo que já sabíamos. Só um estudo contínuo nos leva ao sucesso.

Apenas 3,5% dos nossos assinantes querem cancelar antes dos 12 meses

O que nossos clientes dizem:

"Excelente trabalho. É assim que a gente vê que o investimento vale a pena. Parabéns!"

- Danniery Alves -
O que nossos clientes dizem:

"Prá lá de bom... Está ótimo: com clareza, didática, conhecimento de causa e uma boa dose de humor. "Persistência" é o segredo."

- Paulo Costa -
O que nossos clientes dizem:

"DevMedia ensina mais do que qualquer faculdade!!!"

- Mauricio Hartmann -