arquivo ini

17/05/2003

11

Alguém tem um exemplo de arquivo ini, para conectar banco de dados, usando a paleta IBX do delphi.

obrigado


Responder

Posts

18/05/2003

Jabanildo

Trabalhando com Arquivos INI

Os arquivos INI servem para armazenar informações e opções de configuração de programas em arquivos de texto. Um exemplo de uso desse tipo de arquivo é o Win.ini, no diretório do Windows. Ele armazena muitas informações sobre o Windows, como por exemplo os arquivos que deve inicializar junto com o windows, informações sobre fontes e muito mais. Não há dificuldade em trabalhar com este tipo de arquivo, basta utilizar algumas funções que mostraremos no decorrer do artigo.

Esses arquivos são estruturados da seguinte maneira:

[Secão]
Chave = Valor

Um exemplo para demonstrar a estrutura acima pode ser visto no arquivo Win.ini, em que é armazenado o caminho do papel de parede que está sendo usado:

[Desktop]
Wallpaper=c:\windows\nuvens.bmp

Antes de mais nada, para trabalhar com arquivos ini, temos que declarar na cláusula uses a unit IniFiles.
Vamos ver a descrição dos métodos utilizados para trabalhar com arquivos INI:

CREATE - Usado para criar um objeto Ini na aplicação.

Exemplo:
Var
Ini : Tinifile;
Begin
Ini := Tinifile.Create(nome do arquivo);
Ini.free;

Por padrão, se você não especificar nenhum caminho para o arquivo, apenas seu nome, será usado o diretório do Windows para criá-lo.


MÉTODOS PARA ENTRADA DE INFORMAÇÕES

Todos os métodos para se escrever em um arquivo Ini iniciam seu nome com Write. São 3 esses métodos:

WriteBool - escreve valores como booleanos
WriteInteger - escreve valores como inteiros
WriteString - escreve valores como string


Veja abaixo a estrutura da cada método de Entrada de Dados

WRITEBOOL

procedure WriteBool(const Seção, Chave: string; Valor: Boolean);

Exemplo: WriteBool(´Desktop´, ´TileWallpaper´, 1);


WRITEINTEGER

procedure WriteInteger(const Seção, Chave: string; Valor: Longint);

Exemplo: WriteInteger(´Aluno´, ´Faltas´, 4);


WRITESTRING

procedure WriteString(const Seção, Chave, Valor: string);

Exemplo:
WriteString(´Desktop´, Wallpaper´, ´c:\windows\nuvens.bmp´);


MÉTODOS PARA LEITURA DE INFORMAÇÕES

Todos os métodos de leitura de um arquivo Ini iniciam seu nome com Read. São 6 esses métodos:

ReadBool - lê informações com valores booleanos
ReadInteger - lê informações com valores inteiros
ReadSection - lê uma apenas o nome seção determinada seção
ReadSections - lê todos os nome das seções do arquivo
ReadSectionValues - lê os valores da seção
ReadString - lê informações com valores strings


Veja abaixo a estrutura da cada método de Leitura de Dados


READBOOL

function ReadBool (const Seção, Chave: string; Default: Boolean):
Boolean;

Exemplo: ReadBool(´Desktop´, ´TileWallpaper´, ´´);

READINTEGER

function ReadInteger(const Seção, Chave: string; Default: Longint):
Longint;

Exemplo: ReadInteger(´Aluno´, ´Faltas´, 4);

READSECTON

procedure ReadSection (const Seção: string; Strings: TStrings);

Exemplo: ReadSection(´Desktop´, Listbox1.items);


READSECTIONS

procedure ReadSections(Strings: TStrings);

Exemplo: ReadSections(listbox1.items);


READSECTIONSVALUES

procedure ReadSectionValues(const Seção: string; Strings:
TStrings);

Exemplo: ReadSectionsValues(´Desktop´, listbox1.items);

READSTRING

function ReadString(const Seção, Chave, Default: string): string;

Exemplo: ReadString(´Desktop´, ´WallPaper´, ´´);


MÉTODOS PARA EXCLUIR INFORMAÇÕES

São 2 os métodos para exluir dados de arquivos Ini:

DeleteKey - deleta o valor de uma determinada chave
EraseSection - apaga uma determinada seção


Veja abaixo a estrutura da cada método de Excluir Dados:

DELETEKEY

procedure DeleteKey(const Seção, Ident: string);

Exemplo: DeleteKey(´Desktop´, ´Wallpaper´);


ERASESECTION

procedure EraseSection(const Seção: string);

Exemplo: EraseSection(´Desktop´);


Veja um exemplo de uma aplicação que utiliza esses métodos:

unit Unit1;

interface

uses
Windows, Messages, SysUtils, Variants, Classes, Graphics, Controls, Forms,
Dialogs, inifiles, StdCtrls, Buttons;

type
TForm1 = class(TForm)
procedure FormClose(Sender: TObject; var Action: TCloseAction);
procedure FormCreate(Sender: TObject);
private
{ Private declarations }
public
{ Public declarations }
end;

var
Form1: TForm1;
ini: Tinifile;

implementation

{$R *.dfm}

procedure TForm1.FormClose(Sender: TObject; var Action: TCloseAction);
begin
ini.WriteInteger(´posição´, ´vertical´, form1.Top);
ini.WriteInteger(´posição´, ´horizontal´, form1.Left);
end;

procedure TForm1.FormCreate(Sender: TObject);
begin
ini:= TIniFile.Create(´c:\windows\desktop\arqini.ini´);
form1.Top:=ini.ReadInteger(´posição´,´vertical´, 100);
form1.Left:=ini.ReadInteger(´posição´, ´horizontal´, 100);
end;
end.

Nesta aplicação criamos um arquivo INI para armazenar a posição do form quando ele é fechado. Com esta informação armazenada no arquivo INI, podemos fazer com que o form seja criado na mesma posição que foi finalizado anteriormente.
Desta forma, vimos como os arquivos INI são fáceis de se trabalhar e úteis em uma aplicação. Eles são uma ótima opção para armazenar informações sobre as configurações de seus aplicativos.


´TUTORIAL, ENCONTRADO NO SITE DO CLUBE´


Responder
×
+1 DevUP
Acesso diário, +1 DevUP
Parabéns, você está investindo na sua carreira