Por que eu devo ler este artigo:Esse artigo apresenta conceitos e exemplos práticos de automação de testes utilizando a ferramenta Selenium WebDriver. Serão vistos conceitos importantes tais como o uso de padrões e exemplos de código para auxiliar o desenvolvimento dos scripts automáticos em situações corriqueiras: conversão de valores, utilização do recurso Page Objects, espera explícita, organização das classes, geração de textos randômicos e a verificação de sucesso ou falha na execução dos testes automatizados.

A construção de scripts automatizados em um projeto de automação de testes funcionais pode ser feita utilizando várias ferramentas de automação e várias técnicas conforme cada situação. As técnicas e recursos discutidos nesse artigo irão auxiliar os analistas de testes a realizar bons scripts automáticos utilizando a ferramenta Selenium WebDriver.

Hoje existe uma grande preocupação sobre a qualidade dos sistemas. Os stakeholders do projeto estão exigindo sistemas eficazes e com um nível de qualidade altíssimo. Entretanto, a prática da automação de testes não está presente na maioria dos projetos de desenvolvimento de sistemas, talvez pelo alto custo de implantação ou até mesmo pelas características dos projetos.

Para realizar entregas com uma boa qualidade, existem várias técnicas e tipos de testes a serem realizados. Dentre os tipos de testes utilizados, existe o teste funcional, que verifica se o sistema está cumprindo com seus requisitos (regras de negócios e os principais fluxos da aplicação).

Uma boa prática é automatizar os testes funcionais, com isso, haverá uma cobertura ideal sobre as principais funcionalidades do sistema, além da automação ser um importante recurso para os testes de regressão

Diferentes ferramentas podem ser utilizadas para automatizar os testes funcionais de uma aplicação web. Neste artigo apresentaremos o uso do Selenium WebDriver. Ele permite o uso de diferentes navegadores web e linguagens de programação.

Uma de suas características interessantes é que ele faz uso de recursos nativos do navegador de forma a obter um maior controle sobre suas operações. Algumas das ações possíveis de serem desempenhadas pelo Selenium WebDriver são: automatizar as entradas de dados no navegador, executar ações comoclicks, submissão de formulários, seleção decheckbox, inserção de dados eminputs, comparação de resultado, validação de cálculo entre outras ações.

Testes funcionais

Testes funcionais são aqueles que avaliam o comportamento da aplicação. Dados de entrada são fornecidos, o teste é executado, e o resultado obtido é comparado a um resultado esperado conforme documento de especificação, como casos de uso ou uma especificação funcional.

O teste funcional é aplicável a todas as fases do teste (unitário, integração, sistema e aceitação). Ele avaliar as funcionalidades, requisitos e regras de negócio presentes na documentação.

A qualidade do produto tem se tornado imprescindível nos processos de desenvolvimento de aplicações e também pelos usuários chaves do projeto ao fim do mesmo. O teste de software, cujo objetivo é revelar a presença de defeitos/falhas e aumentar a confiança sobre o software, é considerado um elemento essencial para a garantia da qualidade do produto.

Realizar testes de software é uma tarefa bastante complexa e, para isso, devem ser considerados vários pontos, tais como:

· Complexidade do sistema;

· Nível técnico da equipe de testes (junior, pleno ou sênior);

· Amadurecimento dos processos envo ...

Quer ler esse conteúdo completo? Seja um assinante e descubra as vantagens.
  • 473 Cursos
  • 10K Artigos
  • 100 DevCasts
  • 30 Projetos
  • 80 Guias
Tenha acesso completo