De que se trata o artigo

Muitas horas são perdidas no momento da modelagem de dados para resolver questões que, com a devida atenção e percepção, poderiam nem sequer existir. Outra situação é o tradicional problema de desempenho da aplicação como um todo após a implementação do modelo no SGBD escolhido. Este artigo serve para ajudar a prevenir tais situações.

Para isto, este artigo trata de algumas boas práticas e dicas sobre modelagem e implementação de modelos de bancos de dados, auxiliando o Arquiteto de Dados no momento da modelagem e também o Administrador de Banco de Dados no momento da implementação do modelo no SGBD escolhido.


Em que situação o tema é útil

Já no momento da entrevista com o cliente é possível extrair informações preciosas que auxiliam no momento da modelagem de dados. Logo após, durante a modelagem, algumas dicas podem ser extremamente úteis e, finalmente, no momento da implementação, algumas técnicas podem prevenir futuras “dores de cabeça”.

Resumo DevMan

Este artigo aborda algumas situações e possíveis soluções para um projeto de banco de dados completo, desde a coleta de informações até a implementação final no SGBD escolhido.

São boas práticas e dicas observadas no dia-a-dia que apenas a experiência e vivência em diversas situações podem se transformar em um conjunto de dicas que serão compartilhadas durante o artigo.

Projeto de banco de dados. Bonito, não é mesmo? Porém é um tema que, além de bonito, é de uma relevância fundamental em qualquer corporação atualmente.

O banco de dados é a alma de qualquer empresa. A vida da empresa está armazenada nos bancos de dados e o sucesso ou fracasso de muitas organizações está justamente na tomada de decisões feitas com base nessas informações extremamente valiosas “guardadas” nestes bancos de dados.

O que ninguém se dá conta é que o êxito de uma aplicação começa justamente com a modelagem do banco de dados. Uma modelagem mal feita acarretará, com certeza, em retrabalho e muito “suor” para colocar o desempenho do banco de dados em níveis aceitáveis e satisfatórios.

Neste contexto, o intuito aqui não é o de ser “a salvação da lavoura”, mas sim o de compartilhar algumas dicas que podem contribuir para que os dissabores de uma modelagem problemática não atinja você em cheio.

Coleta de requisitos

Este é o primeiro passo em um projeto de banco de dados e este é um dos pontos em que muitas situações desagradáveis futuras poderiam ser evitadas se alguns cuidados fossem tomados.

A seguir algumas dicas para um bom começo de projeto:

1. Escolher e categorizar quem será entrevistado.

...
Quer ler esse conteúdo completo? Seja um assinante e descubra as vantagens.
  • 473 Cursos
  • 10K Artigos
  • 100 DevCasts
  • 30 Projetos
  • 80 Guias
Tenha acesso completo