Atributos globais se aplicam a todos os elementos HTML, pois eles fornecem informações adicionais que os navegadores usam para determinar a forma como os elementos são exibidos na página. Vamos conhecer alguns atributos importantes nas seções a seguir.

O Atributo accesskey

O atributo accesskey nos permite especificar um atalho de teclado para acessar ou ativar um elemento em nossa página HTML5. A ideia aqui é fornecer ao usuário uma forma de navegar pelos elementos de nossa página usando atalhos. É importante mostrar de alguma forma aos visitantes do site que esses atalhos estão disponíveis. Na Listagem 1 vemos a sintaxe do atributo accesskey e na Listagem 2 um exemplo de uso em um simples formulário.

Listagem 1. Sintaxe do atributo accesskey.

  <elemento accesskey="tecla de atalho"> 
  

Listagem 2. Usando o atributo accesskey

  <!DOCTYPE html>
  <html lang="pt-BR">
      <head>
          <title>O Atributo Accesskey</title>
          <meta charset="utf-8">
      </head>
      <body>
          <section>
              <h2>O atributo Accesskey</h2>
              <form>
                  <label for="nome">Nome:</label>
                  <input type="text" id="nome" accesskey="n">
                  <br>
                  <label for="senha">Senha:</label>
                  <input type="password" id="senha"  accesskey="s">
                  <br>
                  <input type="submit" value="Enviar">
              </form>
          </section>
      </body>
  </html>
  

Não deixe de conferir o curso de CSS da DevMedia.

Para o acesso do campo de nome do nosso formulário nós definimos a tecla de atalho n e para o campo senha a tecla escolhida foi s. Usamos a tecla de atalho em conjunto com a tecla ALT em plataformas Windows, como podemos observar na Figura 1.

O efeito do
atributo accesskey
Figura 1. O efeito do atributo accesskey.

Notas sobre o atributo accesskey.

  • O atributo accesskey pode ser usado em qualquer elemento HTML 5;
  • Não é case sensitive (você pode usar letras maiúsculas ou minúsculas para definir os atalhos);
  • A combinação de teclas pode variar de um sistema operacional para outro. Em sistemas Windows usamos a tecla Alt em conjunto com o valor do atributo accesskey, ex: Alt+N, Alt+S.

O Atributo dir

O atributo dir especifica a direção de elementos de texto. Os dois valores possíveis são ltr (o texto é escrito da esquerda para a direita) e rtl (o texto é escrito da direita para a esquerda). A Listagem 3 mostra a sintaxe do atributo.

Listagem 3. A sintaxe do atributo dir.

  <elemento dir="valor de dir"> 
  

A Listagem 4 mostra os dois valores sendo usados em uma página HTML5.

Listagem 4. Usando o atributo global dir.

  <!DOCTYPE html>
  <html lang="pt-BR">
      <head>
          <title>O Atributo Dir</title>
          <meta charset="utf-8">
      </head>
      <body>
          <section>
              <h2>O atributo Dir - Exemplo de Uso</h2>
              <p dir="ltr">Texto escrito da esquerda para a direita</p>
              <p dir="rtl">Texto escrito da direita para a esquerda</p>
          </section>
      </body>
  </html>
  

Podemos ver o efeito do atributo dir na Figura 2.

O atributo dir
em ação.
Figura 2. O atributo dir em ação.

O Atributo lang

O atributo lang é usado para especificar o idioma usado em uma página HTML ou em parte dela. Este é usado pelos motores de busca e pelos navegadores. A W3C (entidade organizadora dos padrões na web) recomenda que o idioma principal seja declarado na tag html, como vemos na Listagem 5.

Listagem 5. Usando o atributo lang em uma página.

  <html lang="pt-BR">
  ...
  </html>
  

Também é possível declarar o atributo lang por parágrafo, embora essa técnica não seja muito útil. Um exemplo de sua declaração vemos na Listagem 6.

Listagem 6. Usando o atributo lang em um parágrafo.

  <p lang="en">text here…</p>
  

O Atributo contenteditable

Imagine editar ou modificar uma página enquanto navega por ela: isso é possível com o uso do atributo global do HTML5 contenteditable, que torna qualquer elemento de texto editável. Na Listagem 7 vemos a sintaxe básica do elemento.

Listagem 7. Sintaxe do atributo contenteditable.

  <elemento contenteditable="true | false">O texto editável...</p>
  

Podemos informar dois valores possíveis para o atributo contenteditable: true e false, conforme Tabela 1.

Valor Descrição
true Informa que o texto pode ser editado
false Informa que o texto NÃO pode ser editado

Tabela 1. Os valores do atributo contenteditable

Vejamos como fica uma página usando o atributo contenteditable na Listagem 8.

Listagem 8. Usando o atributo contenteditable exemplo completo.

  <!DOCTYPE html>
  <html lang="pt-BR">
      <head>
          <title>Atributo contenteditable</title>
          <meta charset="utf-8">
      </head>
      <body>
          <section>
              <h2>O atributo contenteditable - Exemplo de Uso</h2>
              <h2 contenteditable="true">Título Editável</h2>
                                     <p contenteditable="true">Este texto pode ser editado</p>
              
          </section>
      </body>
  </html>
  

O Atributo hidden

Usamos este atributo quando precisamos esconder algum texto na nossa página, tendo como um bom exemplo de uso quando é necessário deixar certos campos em um formulário ocultos até que outro campo seja preenchido. Neste caso, devemos usar um pouco de JavaScript, como no exemplo da Listagem 9.

Listagem 9. O Atributo hidden de forma inteligente.

  <!DOCTYPE html>
  <html lang="pt-BR">
      <head>
          <title>O Atributo hiddenn</title>
          <meta charset="utf-8">
          <script>
              var esconderTexto = function() {
                  var elemento = document.getElementById("esconda");
   
                  if (var elemento.hasAttribute("hidden")) {
                      elemento.removeAttribute("hidden");
                  }
                  else {
                      elemento.setAttribute("hidden", "hidden");
                  }
              }
          </script>
      </head>
      <body>
          <section>
              <h2>O atributo hidden</h2>
              <button onclick="esconderTexto()">Esconda-me</button>
              <table>
                  <tr>
                      <th>Nome</th>
                      <th>País</th>
                  </tr>
                  <tr>
                      <td>Daniel Rodrigues</td>
                      <td>Brasil</td>
                  </tr>
                  <tr id="esconda">
                      <td>Teste da Silva</td>
                      <td>Brasil</td>
                  </tr>
              </table>
   
          </section>
      </body>
  </html>
  

Outra forma de usar sem precisar de JavaScript é mostrada na Listagem 10.

Listagem 10. O atributo hidden em um elemento HTML.

  <article hidden>
      <h2>Título Escondido</h2>
      <p>Texto escondido.</p>
  </article>
  

Usando dessa forma evitamos alguns display:none em nosso CSS, além de ser a forma mais semanticamente correta, de acordo com W3C (órgão que organiza e mantem o HTML5). Ele pode ser usado em todos os elementos HTML.

O método document.getElementById()

No exemplo de uso do atributo hidden vimos o método getElementById(). Agora entenderemos melhor o funcionamento deste método DOM (sigla em Inglês para Modelo de Objetos do Documento - é a interface entre a linguagem JavaScript e os objetos do HTML5). O método getElementById() acessa o primeiro elemento com o ID especificado (que é obrigatório) e sua sintaxe básica é mostrada na Listagem 11.

Listagem 11. O método getElementById () sintaxe básica.

  document.getElementById("id")
  

Vejamos um exemplo completo de utilização do método getElementById() na Listagem12.

Listagem 12. O método getElementById () exemplo completo.

  <html>
      <head>
          <script>
              function PegaValor()
              {
                  var x = document.getElementById("meuTitulo");
                  alert(x.innerHTML);
              }
          </script>
      </head>
      <body>
          <h1 id="meuTitulo" onclick="PegaValor()">Clique Aqui!</h1>
      </body>
  </html>
  

Observemos na linha alert(x.innerHTML); a propriedade innerHTML do HTML DOM que define ou retorna o HTML interno de um elemento. Neste caso estamos retornando a própria página.

Espero que tenham gostado. Um grande abraço a todos e até a próxima.