Por que eu devo ler este artigo:Manter os dados dos sistemas de informação íntegros e consistentes é fundamental para o sucesso de um sistema de informação. Para isso, é fundamental fazer uma correta modelagem do banco de dados. Nesse contexto, este artigo apresentará na prática como efetuar a modelagem de um banco de dados para um sistema de Zoo. Ao final, será gerado o script SQL que poderá ser utilizado para criar uma instância do banco no SGBD.

A modelagem de banco dados é um passo importante para o desenvolvimento de qualquer sistema de informações, pois neste momento, através de uma especificação do seu cliente, será possível identificar todos os elementos importantes da solução que será implementada.

Serão levantados todos os dados que devem ser registrados em um banco de dados e qual a melhor maneira de armazená-los, preocupando-se em garantir a integridade da informação guardada e evitando duplicidade, além de identificar a forma que seu conteúdo se relaciona para que ele possa ser acessado posteriormente pela aplicação de maneira lógica e eficaz.

A maneira mais difundida de se modelar dados é através do diagrama de entidade e relacionamento, usado para identificar os elementos (entidades) do sistema, os vínculos entre esses elementos (relacionamentos), e quantificadores que representam as regras para expressar o comportamento desses vínculos entre os elementos (cardinalidade).

Este artigo irá explorar os elementos deste diagrama de maneira descritiva visando poder ajudar a qualquer um que esteja ingressando no estudo de modelagem de dados, utilizando o modelo de entidade e relacionamento.

Uma vez que a modelagem de dados é concluída, o próximo passo é codificar os scripts SQL utilizando o diagrama de entidade e relacionamento como o modelo a se seguir para criar as suas tabelas no seu banco de dados, deixando esta base de dados mais organizada e íntegra.

Este artigo demonstra a implementação de uma base dados utilizando os scripts SQL, explicando cada passo de sua construção de acordo com a modelagem feita a partir da especificação de um sistema de um zoológico.

Cenário considerado

Um zoológico planeja adquirir um sistema para gerenciar as suas tarefas diárias. O sistema para esse zoológico deve ser capaz de cadastrar os seus animais, bem como os seus funcionários.

O sistema deve reconhecer também a que classe um determinado animal pertence: mamífero, réptil ou ave. Além disso, cada classe deve conter uma descrição técnica sobre as suas características específicas.

Os animais do zoológico devem ser identificados por um código de identificação, devendo o sistema registrar o seu nome, espécie, cor e altura. Cada animal é mantido em algum tipo de container e o sistema deve saber o seu tipo, por exemplo: um poço, uma jaula, um viveiro, um tanque, etc. Cada container fica localizado em uma ala do zoológico e o sistema deve indicar qual é essa ala onde ele se encontra para facilitar o agendamento de atividades.

Os funcionários que trabalham nesse zoológico podem ser veterinários, cuidadores de animais, zeladores ou trabalharem em setores administrativos. Todos os funcionários devem conter nome, data de nascimento, CPF, RG, endereço completo e o cargo que desempenham. No caso dos veterinários, deve conter ainda o CRMV (Carteira do Conselho Regional de Medicina Veterinária).

O sistema deve possuir um módulo para agendar dia e hora para as consultas de cada animal com os veterinár ...

Quer ler esse conteúdo completo? Seja um assinante e descubra as vantagens.
  • 473 Cursos
  • 10K Artigos
  • 100 DevCasts
  • 30 Projetos
  • 80 Guias
Tenha acesso completo