Por que eu devo ler este artigo:O presente artigo traz os procedimentos necessários para configuração do Mantis, uma ferramenta para gerenciamento de defeitos através de tarefas. Ele busca exemplificar a sua utilização em um cenário de projeto de software demonstrando a configuração de sua integração com a IDE de desenvolvimento Eclipse. Através da integração é possível agilizar o processo de gerenciamento das tarefas sem sair do ambiente de desenvolvimento, trazendo vantagens competitivas para a equipe do projeto diante de seus clientes. O artigo será útil para todos os integrantes envolvidos em um projeto de software, devido à natureza da ferramenta, que permite a sua utilização por profissionais com diferentes perfis e funções.
Autores: David Silva Guedes, Diego Moreno Trepim, Heleno de Souza Campos Junior, Marco Antônio Pereira Araújo

Os defeitos inerentes aos projetos de software podem possuir diferentes naturezas, desde o gerenciamento falho às pessoas despreparadas para execução de atividades definidas no seu escopo. Tais fatores interferem diretamente nos prazos. Defeitos podem ser considerados riscos potencialmente danosos para uma organização, pois na sua concretização mobilizam mão de obra, tempo e custos na sua resolução, além de significar um retrabalho que muitas vezes demonstra uma falha em algum dos processos, seja especificação ambígua, desenvolvimento fora dos padrões definidos pela empresa ou testes mal elaborados.

Tão importante quanto a sua identificação é a ação rápida e eficaz na correção, para que um impacto negativo aos olhos do usuário final não coloque em cheque a confiabilidade do produto final. O gerenciamento de defeitos deve ser pautado em atividades e métodos preventivos e corretivos apoiados por ferramentas que os mapeie, possua alocação de mão de obra, tempo gasto, descrição do erro, entre outras informações importantes.

Este artigo abordará uma ferramenta de gerenciamento de defeitos exibindo características gerais do Mantis Bug Tracker em forma de um tutorial de utilização.

Mantis Bug Tracker

A ferramenta Mantis Bug Tracker é uma opção web de rastreamento de defeitos baseada em linguagem PHP compatível com a maioria dos navegadores existentes. A sua instalação e configuração é o seu diferencial, quando se procura uma solução rápida e de baixo custo. É indicada tanto para desenvolvedores que precisam de um controle maior de suas atividades, gestores de projetos que necessitam gerenciar uma equipe ou para pessoas que desempenham diferentes papéis em um projeto de software.

Pode ser utilizada de duas formas diferentes, sendo sua versão desktop ou versão web indicadas segundo a necessidade do usuário final que serão explicadas nas próximas seções.

As versões das ferramentas utilizadas neste tutorial são descritas na Tabela 1.

Tecnologia

Versão

Mantis

1.2.19

Eclipse

3.7.0

Xampp

v3.2.1

Tabela 1. Tecnologias e ferramentas utilizadas.

Gerenciando defeitos com Mantis Desktop

A versão do Mantis para desktop pode ser instalada em sistemas Windows, MacOS, Linux e Solaris. Devido a tal flexibilidade e instalação rápida, permite a usuários com pouco conhecimento uma experiência de utilização satisfatória. Ela se integra facilmente ao XAMPP (um pacote de servidores para desenvolvimento), sendo uma alternativa para desenvolvedores que não optam ou não possuem conhecimento suficiente em configuração de servidores, como o IIS. Tal integração é possível pelo fato do XAMPP possuir código aberto. Para a realização dos passos seguintes deste artigo, é necessário que se tenha previamente instalado o XAMPP, para a inserção do pacote de arquivos do Mantis, conforme a Figura 1.

Mantis como um pacote do XAMPP

Figura 1. Mantis como um pacote do XAMPP.

Feita a preparação dos arquivos do Mantis, torna-se necessário, no primeiro acesso, a configuração do ambiente de trabalho, que deve ser acessado pela URL do navegador. Nesse passo devem ser definidas as conexões com banco de dados e testadas as configurações. Por padrão, as informações dessa etapa podem ser as utilizadas conforme a Figura 2. Caso seja optado, pode-se inserir credenciais de um banco de dados válido. Para que ocorra o acesso à página de configuração, o XAMPP d ...

Quer ler esse conteúdo completo? Seja um assinante e descubra as vantagens.
  • 473 Cursos
  • 10K Artigos
  • 100 DevCasts
  • 30 Projetos
  • 80 Guias
Tenha acesso completo