Por que eu devo ler este artigo:

Cell ID e Wi-Fi – Será apresentado através de um exemplo prático como trabalhar com as duas estratégias. Essa discussão é importante uma vez que muitas aplicações atuais fazem uso de informações de localização, mas nem sempre precisamos do nível de detalhes disponibilizado pelo GPS ou temos disponível o serviço, seja por estarmos em áreas internas ou em situações de tempo ruim.

Um número muito grande de aplicativos fazem uso de alguma forma de geolocalização dos usuários. Os dados são geralmente oriundos do GPS ou A-GPS, acrônimos para Global Position System e Assisted Global Position System. O hardware necessário para receber essas informações está presente na quase totalidade dos aparelhos, já que se trata de uma característica muito comum nos smartphones.

Como ponto positivo dessa forma de geolocalização, temos a precisão muito grande. É a melhor comparada a outros métodos. O sistema de posicionamento por satélites é tão eficaz que foi “copiado” pelo sistema europeu Galileo, o russo Glonass e o chinês Compass.

Porém, existem alguns pontos negativos. O GPS consome muita bateria do aparelho e, em algumas situações, o aplicativo não necessita saber exatamente em qual rua a pessoa está, basta saber a cidade e o bairro. O nível de exatidão definido em poucas dezenas de metros do GPS é dispensável nesse caso. Além disso, o GPS tem alguns pontos de sombra, como túneis, mata extremamente densa, ambiente indoor, além de ter sua qualidade afetada quando o tempo está ruim, como em tempestades e chuvas torrenciais.

Não estamos dizendo que o GPS/A-GPS é ruim, apenas que existem alternativas e, para alguns tipos de aplicativos, até melhores que a famosa triangulação por antenas.

Neste artigo vamos tratar de duas formas muito usuais. Uma delas é através do Cell ID (identificação de uma célula gerada por uma estação rádio base) e a outra é via o ponto de acesso no qual o smartphone está conectado para receber sinal de uma rede Wi-Fi. Em ambos os casos será usada a API do Google Maps Geolocation.

O que é Cell ID?

Sempre que seu smartphone está recebendo e fazendo ligações e/ou lhe permite navegar na internet, isso significa que seu aparelho está na área de cobertura de uma estação rádio base da sua operadora. Cada antena tem um raio de alcance. Com o conjunto de diversas antenas espalhadas pelas cidades, temos uma topologia semelhante a células, por isso o nome telefone celular.

Toda célula criada por uma antena possui um identificador único e está fisicamente fixada em um lugar na terra. Essa posição é definida pela sua latitude e longitude.

A aplicação proposta

A aplicação proposta será composta de apenas duas telas. A primeira mostrará as informações da Cell ID na qual o smartphone está ligado e, caso o aparelho também esteja em uma rede Wi-Fi, mostrará o SSID e o Mac Address da mesma. Veja na Figura 1 a tela inicial.

Tela inicial da aplicação
Figura 1. Tela inicial da aplicação

Ao clicar nas opções de Buscar Posição, a latitude e longitude aparecerão em uma TextView localizada embaixo do texto “Resultado”. Na Figura 2 é ilustrado o momento em que o usuário busca a posição e o resultado é mostrado no local citado.

Informação de latitude e longitude sendo exibida ao usuário
Quer ler esse conteúdo completo? Seja um assinante e descubra as vantagens.
  • 473 Cursos
  • 10K Artigos
  • 100 DevCasts
  • 30 Projetos
  • 80 Guias
Tenha acesso completo