Atenção: esse artigo tem um vídeo complementar. Clique e assista!

De que se trata o artigo

O artigo trata das novidades da nova versão do Visual Studio. O mesmo é denominado de Visual Studio 11 e possui como uma de suas principais novidades a possibilidade de desenvolvimento de aplicações para Windows 8. Neste artigo, conheceremos os novos recursos disponíveis nesta IDE, dentre eles, novidades na linguagem C#, por exemplo.

Em que situação o tema é útil

O tema é útil para desenvolvedores que desejam conhecer as principais novidades da nova versão do Visual Studio, como o suporte melhorado a programação assíncrona, novos recursos no WPF (tais como novidades no controle Ribbon), melhorias de desempenho no framework etc.

Novidades Visual Studio 11

A Microsoft anunciou recentemente uma atualização do seu principal produto, o sistema operacional Windows que, por enquanto, está adotando o codinome 8. Esta atualização contempla uma mudança na interface para deixá-la adequada para dispositivos móveis como tablets, embora possa também ser usado com desktops e notebooks.

Para providenciar ferramentas para os desenvolvedores criarem projetos nesta plataforma, a Microsoft disponibilizou também uma nova versão do Visual Studio.

Esta atualização manteve as quatro principais edições: Test Professional, Professional, Premium e Ultimate, partindo de recursos mais básicos aos mais avançados.

Figura 1. Logotipo da versão nova

A nova versão do Visual Studio (Figura 1), além de trazer a marca do Windows 8 expressa através de uma interface e um design totalmente renovado, traz atualizações importantes para o Framework .NET e para as linguagens C# e Visual Basic .NET.

Além disto, estão disponíveis novos templates de projetos que podem ser usados para o design de aplicações no estilo Metro, que é a nova interface do Windows 8.

Versões do Visual Studio

Com a versão Test Professional é possível realizar testes automatizados nos projetos sem necessitar de todas as ferramentas usadas no desenvolvimento. Trata-se de uma versão mais básica, destinada apenas para testar projetos. A mesma é indicada para testadores e parceiros como fornecedores de requisitos do projeto, por exemplo.

A versão Professional engloba os principais recursos necessários para criar projetos para a Web, desktop, dispositivos móveis e também para o novo Windows 8, que faz uso intensivo de JavaScript e HTML 5 na interface Metro. Para isso, inclui o Microsoft Expression Blend 4 (que é instalada junto com o Visual Studio 11).

Para integrar arquitetos, fornecedores de requisitos em projetos, testadores, desenvolvedores, analistas e outros profissionais envolvidos no processo de desenvolvimento de software, a edição Premium agrega a maior parte das ferramentas necessárias. Inclui ferramentas para design de diagramas e testes, além de outras para integração e comunicação com a equipe de desenvolvimento de produto de software.

Para uma experiência mais completa com todas as ferramentas necessárias para desenvolvimento, análise, modelagem, diagramação, testes, controles de versão, gerenciamento, controle do ciclo de vida como ferramentas para o Scrum, a escolha é a edição Ultimate.

A escolha de qual versão mais adequada deve seguir as necessidades e os recursos que cada equipe necessita para o desenvolvimento. Logicamente, o preço é um fator importante que sempre deve ser considerado. Cada edição mais robusta agrega as funcionalidades das mais simples. Também estão disponíveis as edições Express para desenvolvimento de projetos Desktop e Web, como é de costume. Na ...

Quer ler esse conteúdo completo? Seja um assinante e descubra as vantagens.
  • 473 Cursos
  • 10K Artigos
  • 100 DevCasts
  • 30 Projetos
  • 80 Guias
Tenha acesso completo