Atenção: esse artigo tem uma palestra complementar. Clique e assista!

[lead]Do que trata o artigo

Esta série de artigos apresentará uma introdução à T-SQL, a linguagem para desenvolvimento em banco de dados criados no Microsoft SQL Server. Através de exemplos práticos veremos como podemos utilizar o SQL Server Management Studio para aprender os fundamentos e conceitos de desenvolvimento em banco de dados.

Para que serve

Introduzir os conceitos e fundamentos da T-SQL para o desenvolvimento no SQL Server 2008. Aprender a utilizar T-SQL é fundamental para o desenvolvimento de qualquer tipo de aplicação, visto que a maioria delas usa de uma forma ou de outra banco de dados.

Em que situação o tema é útil

Para desenvolvimento de soluções que necessitem de armazenamento e consulta de dados. O SQL Server 2008 Express é indicado para fins de aprendizado ou de cenários simples para criação de soluções. A suíte do produto conta com ferramentas especializadas para auxiliar no desenvolvimento de todo tipo de consulta em um banco de dados relacional.

Resumo do DevMan

Essa série de artigos mostra uma introdução no desenvolvimento para SQL Server 2008 utilizando a T-SQL, uma poderosa linguagem de banco de dados relacional. Entenderemos os conceitos pertinentes à linguagem através de exemplos práticos, não deixando de abordar a teoria envolvida. Utilizaremos o SQL Server Management Studio como IDE de desenvolvimento para a T-SQL explorando os seus recursos gradativamente. [/lead]

Embora existam diversas maneiras de armazenarmos dados estruturados, os bancos de dados relacionais ainda são os mais utilizados na maioria das soluções e sistemas. Dentro da plataforma Microsoft de desenvolvimento, o SQL Server 2008 figura como principal opção para armazenamento de dados. Dominar uma linguagem de banco de dados, como o SQL, é essencial para desenvolvedores de aplicações que pretendam utilizar o SQL Server. Notadamente, a T-SQL se firmou como uma linguagem poderosa e contribuiu para a consolidação do SQL Server.

Veremos como podemos criar um ambiente de estudo para desenvolvimento com a T-SQL, quais são os conceitos e fundamentos por trás da linguagem e suas aplicações. Também aprenderemos a utilizar o SQL Server Manager Studio para criarmos scripts de banco de dados utilizando diversas facilidades para desenvolvimento.

[subtitulo]Criando o ambiente para desenvolvimento[subtitulo]

Como primeiro passo para criação do ambiente de desenvolvimento, devemos realizar a instalação do SQL Server 2008 Express. Na primeira edição da Easy .net Magazine você encontra o processo de instalação descrito detalhadamente. Ao final desse artigo, na sessão de Links, você encontrará a URL para o artigo que descreve a instalação.

Após a instalação do SQL Server 2008 Express, devemos fazer o download do banco de dados de exemplo chamado “AdventureWorks”, disponível no CodePlex (vide sessão Links, “Downloads de bancos de dados de exemplo”). No link mencionado você encontrará o download do arquivo “AdventureWorks2008_SR4.exe”, um instalador do banco de dados de exemplo “AdventureWorks”. Uma vez executado, o instalador apresentará uma tela para selecionarmos as opções para instalação. Conforme podemos conferir na Figura 1, para os exemplos demonstrados nesse artigo utilizaremos apenas a opção “AdventureWorks OLTP”. Para iniciar a instalação clique no botão “Install”.

Figura 1. Selecionando a opção de instalação para o banco de exemplo AdventureWorks

A partir daqui o instalador realizará todo o processo de instalação, conforme ilustra a Figura 2. Além de criar a base de dados de exemplo o instalador fará o processo de anexar o banco de dados à instância do SQL Server 2008.

Figura 2. Progresso da instalação do banco de dados de exemplo AdventureWorks

Para entendermos como funciona o processo de anexação de uma base de dados no SQL Server vamos utilizar o SQL Server Management Studio, localizado no menu Iniciar > Microsoft SQL Server 2008. Na tela de login, ilustrada na Figura 3, clique em “Connect” (se você optar por logar com uma conta do SQL Server, informe antes o usuário e a senha).

Figura 3. Tela de login do SQL Server Management Studio

Aqui vale lembrar que os procedimentos que veremos não são necessários se você utilizou o instalador do banco de dados de exemplo do CodePlex. Contudo, é importante que você conheça a forma manual de instalação de uma base de dados, pois essa é a forma padrão utilizada na prática. Com o Microsoft SQL Server Management Studio iniciado, clique com o botão direito em Databases, conforme ilustra a Figura 4, e escolha a opção “Attach”.

Figura 4. Anexando uma database existente com a opção “Attach”

Na tela “Attach Databases” clique no botão “Add”, conforme destaque da Figura 5. Essa tela nos auxiliará no processo de anexação de um arquivo de banco de dados a nossa instância de SQL Server 2008.

Figura 5. Tela “Attach Databases”

Conforme podemos ver na Figura 6, a janela “Locate Database Files” exibe os diretórios da máquina. A título de exemplo, a Figura 6 mostra como faríamos para anexar a base de dados de exemplo “AdventureWorks”. Devemos escolher o diretório onde se localiza o arquivo “AdventureWorks_Data.mdf”. Por padrão, esse arquivo fica dentro de “c:\Arquivos de programas\Microsoft SQL Server\MSSQL10.SQLEXPRESS\MSSQL\Data”, contudo, esse caminho pode variar muito caso haja instalações prévias do SQL Server.

Figura 6. Escolhendo uma database para anexá-la à instância do SQL Server 2008

Nesse momento bastaria confirmar a operação clicando em “Ok”, contudo, isso não será necessário, pois o banco de dados “AdventureWorks” já foi anexado pelo instalador do CodePlex. Conforme mostra a Figura 7, após todo o processo de instalação o banco de dados “AdventureWorks” está pronto para utilização. Podemos navegar em seus objetos e realizar nossa introdução ao desenvolvimento com T-SQL.

Figura 7. Após anexado, é possível navegar e visualizar todos os objetos do database AdventureWorks

Nosso ambiente de desenvolvimento está totalmente pronto e funcional para os exemplos que veremos nesse artigo. Contudo, vamos conhecer antes a origem da linguagem SQL e o seus principais padrões. Esse conhecimento é importante para sabermos até onde os comandos e palavras-chave utilizadas em uma consulta são compatíveis com outros bancos de dados.

...
Quer ler esse conteúdo completo? Seja um assinante e descubra as vantagens.
  • 473 Cursos
  • 10K Artigos
  • 100 DevCasts
  • 30 Projetos
  • 80 Guias
Tenha acesso completo